Aprenda a usar o modo focado e difuso para inovar nos seus estudos

Conheça dicas valiosas para usar o modo focado e difuso para inovar nos seus estudos e aumente as chances de passar nas provas do concurso.

Milhares de concurseiros se esforçam para aprender o conteúdo exigido pelas provas do edital, mas acabam percebendo que a evolução do aprendizado não foi satisfatória. Sabe por que isso acontece? Exatamente pela falta do uso do modo focado e difuso que trabalham em sintonia e fazem parte do funcionamento do seu cérebro. Continue a leitura que vamos te explicar do que se trata, para que você aprenda a estudar da forma correta.

O que é o modo focado?

Essa abordagem é primordial para que todo o processo de aprendizagem seja bem mais eficiente no dia a dia, já que envolve a resolução de problemas. O modo focado é bastante usado na hora de aprender diversos tipos de assunto e a concentração é a sua principal premissa.

Quando o nosso cérebro está usando o modo focado, os pensamentos possuem uma maior clareza e objetividade, já que ele faz o uso de uma metodologia racional, analítica e sequencial.

O principal objetivo é adotar um padrão de pensamento bem mais eficiente, o que pode turbinar o seu aprendizado.

Como funciona o modo focado?

As principais características que permeiam o modo focado do nosso cérebro são:

  • Avaliar;
  • Controlar;
  • Equacionar;
  • Decidir;
  • Investigar;
  • Planejar;
  • Diagnosticar;
  • Mapear.

Geralmente, costumamos usar o modo focado para aprender, ter uma maior concentração (foco) e compreensão do conteúdo.

Por exemplo, se você precisa encontrar uma solução para um determinado problema matemático ou resolver uma questão de qualquer área do conhecimento, se o seu cérebro estiver no modo focado, as chances de você conseguir serão maiores.

O motivo é simples. Quando o seu cérebro está mais focado em resolver algo, ele procura formas mais rápidas e, muitas vezes, usa alternativas já conhecidas e semelhantes para encontrar a solução. Para ele, é como se existisse um único caminho, entende?

Como aplicar o modo focado?

Siga as nossas dicas abaixo para deixar a sua mente sempre mais focada:

  • Aplicar a escuta ativa;
  • Criar mapas ou conexões mentais;
  • Colocar em prática todas as características do modo focado;
  • Fazer e responder perguntas;
  • Livrar-se de todos os tipos de distrações;
  • Não desviar o pensamento enquanto estiver concentrado nos estudos.

O que é o modo difuso?

O pensamento humano é poderoso. Por isso, ele consegue fluir livremente por diversas áreas até encontrar uma solução para as questões do cotidiano. O modo difuso nada mais é do que o processo de relaxamento ou repouso neural, ou seja, é quando o nosso cérebro está no “modo relaxado”.

Além disso, o modo difuso permite uma visão panorâmica de uma determinada situação, faz conexões neurais de maneira inconsciente, aborda novos conceitos e amplia a nossa capacidade de criação.

Mas como funciona o modo difuso?

As principais características que faz menção ao modo difuso do nosso cérebro são:

  • Contemplar;
  • Cantar;
  • Meditar;
  • Exercitar;
  • Dançar;
  • Andar;
  • Jogar;
  • Ler.

O mais interessante é que o modo difuso funciona usando uma parte do subconsciente humano para encontrar saídas ou soluções viáveis por meio dos conhecimentos que você adquiriu ao longo da vida. O modo difuso literalmente “pula” de ideia em ideia, sempre baseando em conceitos já previamente definidos em sua mente.

Para o concurseiro entrar no modo difuso é preciso que a sua mente esteja totalmente relaxada e livre de preocupações.

Depois dessa sessão “detox”, ele deve direcionar o seu cérebro para o modo focado. Em suma, a melhor forma de ativar o modo difuso é deixar o que te preocupa (ou o problema) de lado por um determinado período de tempo.

Como aplicar o modo difuso?

Agora que você conheceu o método difuso, saiba como colocá-lo em prática e aprimore o seu aprendizado para as provas do concurso:

  • Faça pausas regulares durante os estudos (recomenda-se uma pausa de 15 minutos a cada duas horas);
  • Nos intervalos dos estudos, faça uma pequena caminhada pelo jardim e sempre respirando profundamente, para oxigenar o cérebro;
  • Não seja sedentário, já que a falta de atividades físicas aeróbicas pode prejudicar o seu desempenho nos estudos;
  • Adquira o hábito da leitura constante, já que esse processo estimula mais o cérebro;
  • Pratique meditação.

Entendeu agora a diferença entre modo focado e difuso? Vale ressaltar que é fundamental saber gerir o seu tempo entre ambos os modos. Lembre-se de que o modo difuso pode encontrar uma solução para um problema criado no modo focado. Dessa forma, tire o máximo de proveito da sua mente com esses dois aliados.

Leia também


você pode gostar também

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.

Concurso INSS: veja 5 dicas infalíveis para aplicar durante os estudos

As dicas infalíveis para aplicar durante os estudos do concurso INSS permitem que o concurseiro tenha mais organização nas etapas de aprendizagem e revisão do conteúdo.

Veja 5 coisas que você não pode colocar no seu currículo em 2022

Está procurando emprego? Saiba o que não colocar no currículo em 2022 e aumente as chances de ser convocado para uma entrevista.

5 profissões que pagam bem aos que desejam ter jornada de 20 horas semanais

Se você sempre sonhou em ter um alto salário mas sem trabalhar demais, conheça cinco profissões que pagam bem e trabalham pouco.

Profissões de Humanas: veja os 5 cargos mais bem pagos do Brasil

Sonha em começar uma carreira que paga um alto salário? Conheça cinco profissões de Humanas que podem transformar isso em realidade.