Quais são as melhores profissões para a terceira idade? Veja 5 opções

Você já passou dos 60 anos e procura uma recolocação profissional no mercado de trabalho? Conheça cinco profissões para a terceira idade.

Quando uma pessoa completa seis décadas de vida, inicia-se o processo de transição da fase adulta para a terceira idade. Se você tem mais de 60 anos, já se aposentou, mas mesmo assim quer trabalhar novamente, conheça as cinco melhores profissões para a terceira idade.

Leia também

Com o aumento da expectativa de vida no Brasil e os avanços da medicina, é bastante comum nos deparamos com idosos totalmente ativos. Se você está com toda energia para encarar o frescor de uma nova profissão, continue e leitura e conheça as nossas sugestões.

Confira profissões para quem tem mais de 60 anos

1) Microfranqueado

Essa é uma das profissões para a terceira idade mais cogitadas. Você já pensou na possibilidade de abrir um novo negócio? As microfranquias se tornaram a sensação do momento e estão despertando o interesse dos idosos que estão dispostos a voltar à ativa.

Elas são uma oportunidade de ouro para quem não tem muita grana para abrir uma empresa tradicional. Uma microfranquia tem baixo custo e não exige que você use a maior parte do seu patrimônio como garantia.

É possível escolher um nicho de negócio e usar toda a sua experiência para aumentar a sua renda mensal. Se você tem perfil empreendedor, sabe se comunicar de forma clara e quer se manter ocupado com um trabalho rentável, aposte nas microfranquias sem medo.

2) Consultor especializado

Outra das profissões para a terceira idade. Você exerceu a sua profissão com total maestria durante várias décadas e tem muito conhecimento a respeito dela? Então, nada melhor do que aproveitar toda essa bagagem e experiência para oferecer consultorias especializadas.

Quem já passou dos 60 anos, mesmo que ainda não tenha se aposentado, pode se tornar um renomado Consultor e ganhar um bom dinheiro todos os meses oferecendo consultorias para empresas e/ou até pessoas físicas, dependendo da sua área de atuação.

Você pode colocar em prática tudo aquilo que sabe de uma forma bem mais leve, sem qualquer tipo de pressão de terceiros e de maneira totalmente autônoma. E por incrível que pareça, o mercado está carente de bons consultores especializados, sabia?

3) Profissões para a terceira idade: Recepcionista

Você sempre gostou de se interagir com as pessoas e sabe se comunicar de maneira assertiva? Então, a profissão de Recepcionista é ideal para quem já passou dos 60 anos e procura uma recolocação no mercado de trabalho.

O Recepcionista é o profissional responsável por prestar atendimento ao público (presencial, via telefone ou on-line) em hotéis, academias, hospitais, clínicas, edifícios e empresas em geral. É possível usar toda a sua experiência para manter-se ativo e, de quebra, receber um salário todos os meses.

Pelo fato dos idosos serem mais simpáticos, pacientes e saberem lidar melhor com situações estressantes ou adversas, por causa da maturidade emocional, esse cargo é um dos mais almejados por quem está na melhor idade. Pode apostar nisso.

4) Representante Comercial

Quais são as melhores profissões para a terceira idade? Veja 5 opções
Foto: Pexels.

Mais uma das profissões para a terceira idade. Se você tem habilidade para se comunicar de forma persuasiva e domina as principais estratégias de vendas, já pensou na possibilidade de usar a sua experiência de vida para se tornar um Representante Comercial?

Esse profissional busca por clientes em potencial no mercado e apresenta os seus produtos, sempre evidenciando os benefícios ou solucionando as principais dúvidas. Além disso, é possível atuar no pós-venda, oferecendo o suporte necessário aos clientes que compraram alguma mercadoria.

Quem tem mais de 60 anos e quer se manter ocupado durante o dia com alguma atividade que traga um bom retorno financeiro (dependendo do seu esforço), pode apostar nessa profissão. O melhor de tudo é que não é exigido formação superior para atuar como Representante Comercial.

5) Decorador de Ambientes

Por fim, a última das profissões para a terceira idade. Se você tem habilidades para se comunicar e é uma pessoa dotada de um alto senso de organização, que tal se tornar um Decorador de Ambientes? Essa profissão está em alta no mercado.

Esse profissional oferece soluções funcionais para qualquer tipo de ambiente, sempre de acordo com a rotina dos clientes. O Decorador de Ambientes precisa entender as necessidades de cada pessoa que contratar os seus serviços e criar um projeto de decoração que atenda perfeitamente a essas demandas.

Mesmo que você tenha mais de 60 anos e não possua experiência nessa área, pode se valer da sua vivência profissional ou das suas principais habilidades para atuar nesse ramo. Dependendo do seu esforço e criatividade, é possível conquistar vários clientes e ganhar um bom dinheiro.

Leia também


você pode gostar também

“Subir para cima”: 11 exemplos de pleonasmo para evitar no dia a dia

"Subir para cima", "descer para baixo" ou "sair para fora": confira alguns exemplos de pleonasmo para evitar no dia a dia.

Estes 5 sinais mostram se o seu amigo está apaixonado por você

Tem percebido que a pessoa com a qual tem amizade quer algo mais sério contigo, concurseiro? Fique por dentro dos cinco sinais de que o seu amigo está apaixonado por você.

Confira 3 signos que, geralmente, preferem ficar sozinhos

Existem alguns signos que, geralmente, preferem ficar sozinhos e apreciam a solidão mais do que ninguém. Confira quais deles integram a lista.

11 carros incríveis para quem é apaixonado por tecnologia

Se você é fã de carteirinha do universo automotivo, conheça 11 carros incríveis e tecnológicos, com funções incríveis de motorização, conforto e segurança.

Entenda para que realmente serve o lado preto da raquete de ping pong

A raquete de ping pong é um dos principais instrumentos do tênis de mesa, mas nem todas as pessoas conhecem para que realmente serve o lado preto dessa ferramenta.

7 hábitos que realmente podem prejudicar a sua produtividade

Quer realmente ser aprovado em um concurso público e alcançar a tão sonhada estabilidade financeira? Conheça os sete hábitos que prejudicam a sua produtividade e deixam a sua aprovação mais longe.