Concurso IBGE para Censo é oficialmente cancelado; taxas serão devolvidas

Mais uma vez o concurso IBGE foi cancelado. De acordo com o Instituto, o contrato com a banca organizadora se encerrou nesta segunda-feira.

O concurso IBGE com mais de 204 mil vagas para a realização do Censo Demográfico 2022 foi cancelado. O anúncio foi feito pelo próprio Instituto em suas redes sociais. Na publicação feita nesta segunda-feira (18/10), o órgão informa que realizará a devolução das taxas.

A razão é o fim do contrato com o Cebraspe, que seria a banca organizadora. Já que não haverá prorrogação, o IBGE dará início a uma nova seleção entre empresas que poderão organizar o certame. O Instituto informou que as providências já estão sendo tomadas.

Concurso IBGE é cancelado mais uma vez

Tanto realização do concurso IBGE, como do Censo, deveria ter acontecido em 2020. No entanto, por causa da pandemia de COVID-19, ambos foram cancelados. Em 2021, foram lançados os editais novamente para:

  • Recenseador: 181.898 vagas par nível fundamental;
  • Agente Censitário Municipal: 5.450 vagas para nível médio;
  • Agente Censitário Supervisor: 16.959 vagas para nível médio.

Em abril, o certame foi suspenso por causa da redução no Orçamento, fazendo com que a pesquisa demográfica não acontecesse mais uma vez. Agora, o fim do contrato com o Cebraspe obriga o cancelamento oficial do concurso IBGE pela segunda vez.

Contudo, é importante ressaltar que o governo vai reservar R$ 2,3 bilhões para a seleção e o Censo em 2022. Isso porque, após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), o presidente Jair Bolsonaro é obrigado a tomar as medidas necessárias para o levantamento de dados nacional.

Pela lei, a pesquisa deve ser feita uma vez a cada 10 anos. Por causa da pandemia, foi necessário realizar o adiamento. Hoje, já são 11 anos de dados desatualizados que prejudicam a implantação de políticas públicas no país.

Leia também

você pode gostar também