Dinâmica em grupo: 5 dicas para se dar bem nesta etapa de seleção

Conheça cinco truques infalíveis sobre como se dar bem em uma dinâmica em grupo e aumente suas chances de conquistar o emprego dos sonhos.

O seu currículo foi selecionado para uma entrevista em uma grande empresa e você está com medo de ser reprovado na etapa da dinâmica em grupo? Manter a calma é a bola da vez. Lembre-se de que todos os candidatos estão no mesmo barco. Continue a leitura e conheça cinco dicas incríveis sobre como se dar muito bem na dinâmica em grupo, seja ela online ou presencial. Lembre-se de que o mais importante é manter o foco na aprovação do recrutador.

Veja como se destacar em uma dinâmica em grupo

1) Participe ativamente

Nenhum recrutador gosta de ver um candidato apático em uma dinâmica em grupo. Por isso, a dica aqui é participar ativamente das atividades. Lembre-se de que uma dinâmica, dependendo do número de participantes, pode durar duas horas ou mais.

Dessa forma, se você não demonstrar interesse em participar, como o recrutador vai conhecer suas principais habilidades? O candidato deve aproveitar esse momento para trazer informações relevantes que possam agregar valor e fazer uma espécie de “propaganda” positiva dele.

Mesmo que você seja um profissional tímido, procure se esforçar ao máximo para participar da dinâmica em grupo e demonstrar todo o seu potencial. É isso que conta.

2) Sem exageros, por favor

O bom senso é uma das características mais importantes quando o assunto é dinâmica em grupo. Por isso, o profissional não deve exagerar em absolutamente nada.

Se você é daqueles que fala pelos cotovelos e quer ser o centro das atenções, vai acabar sendo desclassificado. Querer aparecer mais do que os outros para conquistar a vaga de trabalho, a qualquer custo, está longe de ser algo bem-visto, além de irritar o recrutador.

Se você acredita naquele velho mito que diz que quem fala mais e em um tom de voz mais alto sempre leva a melhor em uma entrevista, pode se dar mal. Seja uma pessoa comedida e dê espaço para os outros candidatos fazerem suas ponderações.

3) Seja uma pessoa confiante em uma dinâmica em grupo

Uma dinâmica em grupo, na maioria das vezes, é uma situação desconfortável para muitos profissionais. Afinal, ser avaliado o tempo inteiro não é nada agradável. Mesmo assim, demonstre o máximo de confiança em si mesmo e em suas atitudes.

Mesmo que você esteja tenso (o que é natural), mostre-se confortável em uma situação desconfortável. Isso é um ponto positivo. Por mais que você não saiba tudo de tudo, quando for responder a uma pergunta, demonstre confiança, sempre olhando nos olhos do entrevistador.

A confiança pode demonstrar, pelo menos em um primeiro momento, a capacidade de ser proativo. Por isso, mesmo que todos os olhares estejam em você, não vacile por causa do nervosismo. Vai fazer uma dinâmica em grupo? Prepare-se emocionalmente e fique mais confiante.

4) Demonstre que você sabe trabalhar em equipe

A dinâmica em grupo é uma excelente hora para que o recrutador consiga distinguir o profissional que sabe trabalhar em equipe daquele que não sabe (ou não gosta). Por isso, esse é o momento de mostrar todas as suas habilidades.

Se for possível, seja o líder do grupo e faça a diferença. Caso tenha outro concorrente com o perfil de liderança, é hora de unir forças e trabalhar em conjunto. Na verdade, mesmo que seja uma tensa disputa por uma vaga de trabalho, não é hora de criar atritos desnecessários.

O candidato sempre deve trabalhar em harmonia, mesmo que seja com outro que também tenha o mesmo perfil. Dessa forma, fica mais evidente algumas habilidades importantes como a flexibilidade e a comunicação, além da plena capacidade de trabalhar em equipe.

5) Aponte soluções e não problemas

Quando o assunto é dinâmica em grupo, espera-se que os candidatos sejam parte de uma solução eficaz, e não dos problemas que toda organização enfrenta no dia a dia.

Por isso, se você só sabe lançar desafios mas não se preocupa em encontrar soluções viáveis para eles, certamente a vaga não será sua. Mesmo que seja apenas uma solução paliativa, é importante que o candidato esteja focado em agregar valor no cotidiano da empresa.

E como se faz isso? Sugerindo alternativas, apontando soluções, estimulando a adoção de medidas e tudo mais que possa ser útil para um determinado problema. Se você fizer a lição de casa, seguramente vai demonstrar o seu interesse em trabalhar naquela empresa.

Viu como é possível se dar bem em uma disputada dinâmica em grupo? Se você seguir todas as dicas acima, as chances da vaga ser sua podem ser grandes. Boa sorte.

Leia também


você pode gostar também

Estas 5 profissões deixaram de existir e você ainda não sabia disso

Fique por dentro das cinco profissões que deixaram de existir e que muito provavelmente você não sabia que elas se tornaram obsoletas.

Quem tem tatuagem pode trabalhar em bancos? Veja mitos e verdades

Se você sempre quis fazer carreira em um banco, conheça um pouco mais a respeito da tatuagem no trabalho.

7 alimentos que “roubam” a memória; o sexto você nem vai acreditar

Pesquisas recentes mostram que alguns alimentos pobres em nutrientes podem gerar deficiência nutricional no organismo e afetar as funções cerebrais a longo prazo.

7 filmes da Netflix que vão te deixar mais feliz e otimista em 2022

Selecionamos sete filmes da Netflix que podem te dar mais otimismo.

Área jurídica: confira 5 carreiras que têm ganhos acima de R$ 15 MIL

Tem afinidade com a promissora área jurídica? Então, conheça cinco rentáveis carreiras que pagam salários acima de R$ 15 mil por mês.

5 truques infalíveis para montar um plano de estudos realmente eficaz

Acabou de fazer a inscrição em um concurso público? Conheça cinco truques infalíveis para montar um plano de estudos eficaz.