Concurso Casa da Moeda: novo edital pode sair ainda em 2023

Concurso Casa da Moeda está previsto para este ano e pode ofertar vagas para cargos de níveis médio e superior. Confira situação atual e o que pode cair nas provas.

Um novo concurso Casa da Moeda pode ser lançado ainda em 2023. De acordo com informações preliminares, a ideia é de ofertar vagas efetivas para profissionais de níveis médio e superior. As remunerações iniciais podem chegar ao valor de R$ 6,4 mil, dependendo do cargo pleiteado pelo candidato. Além disso, a Casa da Moeda do Brasil também disponibiliza diversos benefícios aos contratados.

continua depois da publicidade

Vale lembrar quem a seleção para a empresa estatal já era bastante esperada pelos concurseiros. Isso porque o último concurso Casa da Moeda ocorreu ainda em 2012, ou seja, há mais de 10 anos.

Na época, a Fundação Cesgranrio ficou responsável por todas as etapas eliminatórias. Cerca de 42 mil pessoas se inscreveram no certame anterior, perfazendo uma concorrência relativamente acirrada.

Entramos em contato com a assessoria da Casa da Moeda para verificar as informações que circulam pela internet. Atualizaremos a matéria assim que a estatal nos responder.

continua depois da publicidade
Leia também

Abaixo, você confere mais detalhes sobre os cargos previstos, além de remunerações e o que geralmente cai nas provas eliminatórias. Aproveite a visita e não deixe de exercitar seus conhecimentos por meio de nossos simulados gratuitos!

Concurso Casa da Moeda: situação atual

Pessoas trabalhando em equipe. Destaque da imagem para texto: concurso Casa da Moeda

Novo edital pode sair em 2023. Foto: Pexels / montagem Concursos no Brasil

Bastante aguardado há alguns anos, o concurso Casa da Moeda pode finalmente sair do papel. Isso porque o novo edital está aparentemente aprovado e, como a ideia é de lançar o certame ainda em 2023, a empresa estatal já começou os preparativos para a contratação da banca organizadora. Até o momento, não temos informações sobre as instituições que estão cotadas para ocupar o posto.

continua depois da publicidade

O quantitativo de vagas também não foi devidamente confirmado até o momento. Por isso, entramos em contato com a assessoria da Casa da Moeda para verificar os detalhes preliminares sobre a nova seleção que já está no radar de muitos concurseiros.

A banca organizadora, ao ser contratada, trabalhará com prazo estabelecido para o lançamento do edital de abertura, que contará com todas as regras oficiais do concurso.

Em 2012, todos os candidatos classificados foram submetidos ao regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o que pode voltar a acontecer no próximo certame da Casa da Moeda.

continua depois da publicidade

As vagas provavelmente serão distribuídas para três cargos específicos, no sentido de recompor o quadro de funcionários da empresa. Mais informações devem ser divulgadas em breve.

Concurso Casa da Moeda: quantitativo de pessoal próprio

Ainda em julho de 2020, a Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (SEST) fixou o limite no quantitativo de pessoal própria da Casa da Moeda do Brasil em 1.978 vagas. Do total, 1.878 possuem caráter permanente e as demais pertencem ao que chamamos de quadro transitório (ou temporário).

De acordo com a portaria, os seguintes empregados são considerados em razão do controle de quantitativo:

  1. Efetivos admitidos por concursos públicos;
  2. Efetivos admitidos sem concurso público antes de 5.10.1988;
  3. Que possuem cargos, empregos ou funções comissionadas;
  4. Que estão cedidos ou disponibilizados para outros órgãos ou entidades;
  5. Cedidos ou requeridos de outros órgãos ou entidades;
  6. Anistiados com base na Lei nº 8.878, de 11.5.1994;
  7. Readmitidos e reintegrados;
  8. Contratados por prazo determinado (temporários);
  9. Empregados ou servidores movimentados para compor força de trabalho conforme disposto no art. 93, § 7º, da Lei nº 8.112/90;
  10. Com contrato de trabalho interrompido ou suspenso, à exceção dos empregados com contrato de trabalho suspenso por motivo de aposentadoria por invalidez.

Concurso Casa da Moeda: cargos previstos, requisitos e atribuições

Ao que tudo indica, as vagas do concurso Casa da Moeda serão distribuídas para os cargos de Técnico de Segurança – Corporativa e Patrimonial, Técnico de Segurança – Prevenção e Combate à Incêndios e Analista de Produção – Design de Valores (Gravador).

A jornada geralmente é de 40 horas semanais e, em caso contrário, o valor da remuneração será calculado de maneira proporcional. Confira os principais requisitos e atribuições das carreiras que podem entrar na disputa:

Técnico de Segurança – Prevenção e Combate à Incêndios

  • Requisitos: nível médio completo e inscrição/registro ativo no conselho profissional, caso necessário para o exercício da profissão;
  • Atribuições: atuar em situações de sinistros e/ou por ocasião do plano de segurança da Casa da Moeda; executar atribuições de prevenção de incêndio; transmitir aos empregados dos diversos órgãos, instruções de combate à incêndio; acompanhar atividades que envolvam riscos de acidentes e/ou incêndio, zelando pela segurança física e patrimonial na organização; auxiliar na inspeção das instalações da empresa; e realizar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade, sendo compatíveis com seu cargo.

Técnico de Segurança – Corporativa e Patrimonial

  • Requisitos: nível médio completo e inscrição/registro ativo no conselho profissional, caso necessário para o exercício da profissão;
  • Atribuições: controlar acessos e trânsito de pessoas, veículos e materiais; monitorar a movimentação de pessoas nas dependências da Casa da Moeda do Brasil; operar sistemas de controle, segurança e comunicação interna; guarnecer os postos de serviços estabelecidos; proteger e manter a integridade física do patrimônio e das pessoas; atuar preventiva e/ou reativamente, assegurando a continuidade do negócio com a preservação da ordem por meio de técnicas, conhecimentos e sistemas disponibilizados pela CMB; atualizar constantemente a matriz de risco e seus níveis de segurança; controlar o sistema de segurança, incluindo o processo produtivo e de segurança; sistema de monitoração periférico com tecnologia de radar; escoltar transportes de valores; e realizar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade, sendo compatíveis com seu cargo.

Analista de Produção – Design de Valores (Gravador)

  • Requisitos: curso Superior Completo em Escultura pela Escola de Belas Artes, Registro Profissional, estágio na área, domínio de técnicas manuais de desenho e modelagem acadêmica da anatomia humana e retrato (portrait), domínio de técnicas digitais de ilustração de produto tridimensional, domínio operacional da mais recente versão dos softwares Photoshop e Illustrator, Sistemas Operacionais, plataformas Apple e PC e Inglês básico;
  • Atribuições: desenvolver pesquisas Histórico‐iconográficas para aplicação em projetos artísticos, ilustrar (processo manual e digital) para composição de leiautes de produtos (gravuras tridimensionais); executar trabalhos paralelos de escultura (vultos e baixos‐relevos); executar modelagens por processo manual e digital (softwares e hardwares de geração de gravuras 3D); dominar técnicas de confecção de moldes e modelos (gesso, resina, etc.); operar sistema digital de produção de matrizes (fresa eletrônica); executar restaurações e retoques manuais (buril).

Concurso Casa da Moeda: remunerações previstas

A estrutura remuneratória consta no plano de cargos, carreiras e salários da Casa da Moeda do Brasil. De maneira geral, os valores iniciais podem chegar a R$ 6,450,00. Confira a tabela de cada carreira:

Tabela salarial para Técnico de Segurança (todas as especialidades)

Tabela com salários para Técnico de Segurança da Casa da Moeda

Tabela com progressão salarial para a carreira de Técnico de Segurança. Foto: Casa da Moeda do Brasil

Tabela salarial para Analista de Produção (todas as especialidades)

Tabela com salários para Analista de Produção da Casa da Moeda

Tabela com progressão salarial para a carreira de Analista de Produção. Foto: Casa da Moeda do Brasil

Concurso Casa da Moeda: benefícios

Além dos salários, os profissionais contratados por meio do concurso Casa da Moeda também possuem direito a alguns benefícios, tais como:

  • Vale-alimentação;
  • Transporte fretado;
  • Vale-transporte aos que precisarem;
  • Plano de assistência médico hospitalar (empregados e dependentes legais); e
  • Auxílio medicamento.

Vale ressaltar que os benefícios e salários podem ser atualizados conforme necessidade e critérios adotados pela Casa da Moeda. Todas as informações vão ser divulgadas junto ao edital de abertura do concurso.

Concurso Casa da Moeda: lotação

Provavelmente, os candidatos admitidos via concurso Casa da Moeda devem ser lotados no estado do Rio de Janeiro.

Quem pode trabalhar na Casa da Moeda?

Conforme editais anteriores do concurso Casa da Moeda, é necessário cumprir algumas exigências para a admissão nos cargos:

  • Estar em dia com as obrigações eleitorais;
  • Estar em dia com as obrigações militares, em caso de candidato brasileiro do sexo masculino;
  • Ter, na data de admissão, idade mínima de dezoito anos completos;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo/especialidade, que será comprovada por meio de exames específicos, conforme previsto;
  • Ser aprovado no Processo Seletivo Público e possuir o nível de escolaridade exigido para o exercício do cargo/especialidade conforme estabelecido no edital do concurso Casa da Moeda;
  • Não receber proventos de aposentadoria ou remuneração de cargo, emprego ou função pública, ressalvados os cargos acumuláveis previstos na Constituição Federal;
  • Quando houver exigência de experiência na atividade, a mesma deverá ser documentalmente comprovada nos procedimentos pré-admissionais, através da Carteira de Trabalho e Previdência Social e/ou, preferencialmente, por declaração do respectivo empregador que especifique as atividades desenvolvidas;
  • Para os cargos de níveis superior e técnico que possuam órgão de classe representativo será exigido respectivo registro com jurisdição no local onde o candidato venha a ter seu domicílio profissional;
  • Serão aceitos diplomas e certificados de cursos técnicos e/ou superiores de tecnologia, com denominações distintas das estabelecidas neste Edital, desde que constem na Tabela de Convergência anexa ao Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia e que estejam diretamente relacionadas aos cursos de graduação tecnológica requeridos para o cargo ofertado, conforme a citada Tabela de Convergência;
  • Cumprir as determinações do edital de abertura.

Último concurso Casa da Moeda

Sob organização da Cesgranrio, o último concurso Casa da Moeda foi realizado em 2012 com o objetivo de preencher 27 vagas imediatas, além de mais de 980 em cadastro reserva. As oportunidades foram ofertadas para cargos de níveis médio, médio/técnico e superior:

  • Assistente Técnico Administrativo (nível médio ou técnico, dependendo da especialidade escolhida);
  • Auxiliar de Operação Industrial (dependendo da especialidade, era necessário ter nível médio completo e cursos complementares);
  • Técnico Industrial (para diversas especialidades, com exigência de nível médio/técnico ou médio com cursos complementares);
  • Analista da Casa da Moeda (vagas distribuídas em diversas especialidades; todas com exigência de nível superior completo na área).

As jornadas foram majoritariamente compostas por 40 horas semanais, sendo que o salário inicial variava entre R$ 1.395,10 e R$ 3.592,98. Na época, ao menos 5% das vagas ficaram reservadas para candidatos com deficiência (PcDs).

As taxas tiveram valores de R$ 45,00 para cargos de nível médio e médio/técnico, além de R$ 90,00 aos de nível superior. Por sua vez, a isenção no concurso Casa da Moeda pode ser solicitada pelos candidatos que fossem membros de família com baixa renda e estivessem inscritos no CadÚnico.

Sobre as etapas do concurso Casa da Moeda

Em 2012, o concurso Casa da Moeda foi composto pelas seguintes etapas eliminatórias:

  1. Provas objetivas para todos os cargos sob a responsabilidade técnica e operacional da banca Cesgranrio, de caráter eliminatório e classificatório;
  2. Qualificação biopsicossocial e procedimentos admissionais competentes sob a responsabilidade da Casa da Moeda do Brasil (CMB).

Provas do concurso Casa da Moeda

As provas objetivas, comuns a todos os cargos no último concurso Casa da Moeda, variaram conforme o cargo pleiteado pelo candidato. Confira a estrutura das disciplinas e o número de questões:

Para Assistente Técnico Administrativo/Apoio Administrativo e Auxiliar de Operação Industrial/Hidráulica

  • Conhecimentos Básicos - Língua Portuguesa I (10 questões, sendo 5 questões no valor de 3 pontos; e 5 no valor de 5 pontos, subtotalizando 40 pontos);
  • Conhecimentos Básicos - Matemática (10 questões, sendo 5 questões no valor de 3 pontos; e 5 no valor de 5 pontos, subtotalizando 40 pontos);
  • Conhecimentos Básicos - Informática (10 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 20 pontos);
  • Total da prova objetiva: 100 pontos.

Foi eliminado o candidato que obtivesse aproveitamento inferior a 50% do total de pontos da prova objetiva ou tivesse zerado em qualquer das matérias.

Para Assistente Técnico Administrativo/Programador de Computador

  • Conhecimentos Básicos - Língua Portuguesa I (5 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 10 pontos);
  • Conhecimentos Básicos - Língua Inglesa I (5 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 10 pontos);
  • Conhecimentos Específicos: 20 questões com valor de 4 pontos, subtotalizando 80 pontos;
  • Total da prova objetiva: 100 pontos.

Foi eliminado o candidato que obtivesse aproveitamento inferior a 50% do total de pontos da prova objetiva ou tivesse zerado em qualquer das provas.

Auxiliar de Operação Industrial (exceto Hidráulica) e Técnico Industrial (todas as especialidades)

  • Conhecimentos Básicos - Informática (5 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 10 pontos);
  • Conhecimentos Básicos - Matemática (5 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 10 pontos);
  • Conhecimentos Específicos: 20 questões com valor de 4 pontos, subtotalizando 80 pontos;
  • Total da prova objetiva: 100 pontos.

Foi eliminado o candidato que obtivesse aproveitamento inferior a 50% do total de pontos da prova objetiva ou tivesse zerado em qualquer das provas.

Para os cargos de Analista (exceto especialidades focadas em Tecnologia)

  • Conhecimentos Básicos - Língua Portuguesa II (10 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 20 pontos);
  • Conhecimentos Específicos: 20 questões com valor de 4 pontos, subtotalizando 80 pontos;
  • Total da prova objetiva: 100 pontos.

Foi eliminado o candidato que obtivesse aproveitamento inferior a 50% do total de pontos da prova objetiva ou tivesse zerado em qualquer das provas.

Para os cargos de Analista (apenas especialidades focadas em Tecnologia)

  • Conhecimentos Básicos - Língua Portuguesa II (5 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 10 pontos);
  • Conhecimentos Básicos - Língua Inglesa II (5 questões no valor de 2 pontos, subtotalizando 10 pontos);
  • Conhecimentos Específicos: 20 questões com valor de 4 pontos, subtotalizando 80 pontos;
  • Total da prova objetiva: 100 pontos.

Foi eliminado o candidato que obtivesse aproveitamento inferior a 50% do total de pontos da prova objetiva ou tivesse zerado em qualquer das provas.

Concurso Casa da Moeda: o que estudar para as provas?

O conteúdo programático do último concurso Casa da Moeda variou conforme o cargo pretendido pelo candidato, assim como geralmente ocorre em certames com níveis diferentes de escolaridade. A seguir, apresentamos os itens que caíram nas provas para algumas das especialidades de Analista da Casa da Moeda.

Todos os detalhes podem ser consultados no edital de abertura da época.

Língua Portuguesa II para analistas - nível superior

  1. Compreensão e interpretação de texto;
  2. A estrutura do parágrafo;
  3. Coerência e coesão;
  4. Ortografia;
  5. Acentuação gráfica;
  6. Pontuação;
  7. Regência (verbal e nominal);
  8. Crase;
  9. Concordância (verbal e nominal);
  10. Estrutura do período simples e composto;
  11. Morfologia – classes de palavras: artigo, substantivo, adjetivo, pronome (emprego e colocação), numeral, verbo e suas flexões; advérbio, conjunção, preposição e interjeição;
  12. Noções de semântica.

Língua Inglesa II para cargos de analistas - nível superior

Esta disciplina, conforme abordamos anteriormente, caiu para as especialidades de Administrador de Dados, Análise de Negócios, Desenvolvimento de Sistemas, Designer, Gestão em TI, Rede de Telecomunicações e Suporte, Segurança da Informação e Suporte em TI.

  1. Compreensão de textos em Língua Inglesa;
  2. Itens gramaticais relevantes para a compreensão dos conteúdos semânticos.

Conhecimentos Específicos - apenas para Analista com especialidade em Administração de Dados

  1. Modelagem de Dados: Modelagem Conceitual, Lógica e Física de Dados; Modelo Entidade-Relacionamento-Atributo – MER; Modelo de Redes; Modelo Hierárquico; Estrutura de Dados; Estrutura de Armazenamento; Construção de Dicionário de Dados; Utilização de ferramenta CASE para modelagem de dados; Desenvolvimento e implantação de Metodologia para Administração de Dados; Formas Normais; Álgebra Relacional;
  2. Administração de dados: Gerenciamento de dados segundo DAMABOK;
  3. Modelagem de Sistemas de Informação: Fundamentos em Ciclo de Vida de Sistemas; Conceitos em Modelagem Funcional de Sistemas - Diagramação, dicionarização e especificação funcional; Utilização de ferramenta CASE para desenho funcional; Análise orientada a Objetos; Conceitos de UML; Metodologia MPSBR; Mapeamento Objeto-relacional; Modelo Global de Dados; Conceitos de Dados Abertos;
  4. Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados: SQL-Server (Conceitos de SQL-Server; Domínio do uso de SQL-Language e comandos T-SQL (Transact - SQL) para SQL-SERVER; Tabela Hash; Análise de desempenho e “tunning”) e Banco de dados distribuídos;
  5. Sistemas Operacionais: Windows 2008, Windows 2003, Windows 2000; Linux;
  6. Business Intelligence. Extração, Transformação e Carga de Dados: Processos de Extração, Transformação e Carga de Dados (ETL); Armazenamento de Metadados; Conceitos de Data Warehouse e Data Marts. Exploração, Análise e Apresentação de Informações: Conceitos de On Line Analytical Process (OLAP): Modelagem Multidimensional (Star / Snow Flake Schema); Drill down/ drill up / drill across; Slice and dice; Pivotagem; Exploração de dados em ambiente WEB; Conceitos de Data Mining: Sementação e Agrupamento de Dados; Principais algorítmos estatísticos; Exploração de dados em ambiente WEB;
  7. Gestão e Governança de TI. Gerenciamento de projetos segundo PMBOK. Conceitos de CobIT v4.1. Conceitos básicos e objetivos. Requisitos da informação. Recursos de tecnologia da informação. Domínios, processos e objetivos de controle. Gerenciamento de Serviços - ITIL v3. Conceitos básicos e objetivos. Processos e funções de estratégia, desenho, transição e operação de serviços.

Conhecimentos Específicos - apenas para Analista com especialidade em Contabilidade

  1. Noções de Contabilidade: Definição, objetivo, finalidade e campo de aplicação; técnicas contábeis; princípios fundamentais de contabilidade; o patrimônio, capital e fatos contábeis; escrituração: contas, plano de contas, lançamentos e livros de escrituração;
  2. Ajustes de Elementos Patrimoniais: Avaliação de investimentos; provisões; depreciação, amortização e exaustão; aspectos fiscais;
  3. Balanço Patrimonial: Classificação e avaliação das contas do ativo, passivo e patrimônio líquido; grupos de contas segundo a lei 6.404/76;
  4. Demonstração do Resultado do Exercício: Operações com mercadorias; receitas de vendas de produtos e serviços; custo dos produtos vendidos e dos serviços prestados; despesas operacionais; resultado não operacional; distribuição do lucro; dividendos e juros sobre o capital próprio: tratamento contábil e fiscal;
  5. Outras Demonstrações Contábeis: Demonstração de lucros ou prejuízos acumulados; Demonstração de mutações do patrimônio líquido; demonstração de fluxo de caixa pelo método direto e Notas explicativas;
  6. Contabilidade de Custos: Terminologia, classificação e nomenclatura usada; Rateio dos custos indiretos, departamentalização e ABC; aplicação de custos indiretos de fabricação; Materiais diretos, mão-de-obra direta e custos indiretos de fabricação; produção por ordem, produção contínua e produção conjunta; critérios de custeio por absorção e direto ou variável; contribuição marginal; custo de reposição; relação custo/volume/lucro; custo-padrão;
  7. Análise de Demonstrações Contábeis: Objetivos e técnicas de análise; padronização das demonstrações contábeis; Análise horizontal, vertical e índices financeiros;
  8. Contabilidade Tributária: Sistema tributário nacional; Princípios e normas básicas de legislação tributária. Contabilidade tributária aplicada: IPI, ICMS, ISS, PIS e COFINS; Imposto de Renda e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido: Lucro Real, Presumido e Arbitrado;
  9. Contabilidade Gerencial - Planejamento, Controle e Tomada de Decisão, Análise Incremental, descentralização e avaliação de desempenho;
  10. Matemática Financeira: Capitalização simples e composta; descontos; séries de pagamentos; métodos de avaliação de fluxos de caixa; sistemas de amortização; operações financeiras realizadas no mercado.

Conhecimentos Específicos - apenas para Analista com especialidade em Gravação de Valores

  1. Origem e evolução da moeda no Brasil;
  2. História da arte. Estilos de época e principais representantes;
  3. Escultura: noções gerais; baixo relevo, alto relevo e vulto pleno;
  4. Técnicas de representação bidimensional: figura humana, com enfoque principal voltado para retrato;
  5. Técnicas de Modelagem: materiais e instrumental para execução;
  6. Computação Gráfica: Adobe Creative Premium CS3 (Photoshop, Ilustrator, Acrobat); Corel X4;
  7. Classificação das imagens: originais, imagens digitais, extensões de imagens, holografia, digitalização de originais e resolução; imagens CMYK, RGB, Grayscale e Bitmap;
  8. Numismática: conceitos gerais sobre partes, material e detalhes de moedas e medalhas; história da numismática no Brasil;
  9. Projetos de peças numismática: desenvolvimento e execução de projetos gráficos para moedas e medalhas: criação, layout e arte-final;
  10. Processo fabril de moedas e medalhas: noções gerais sobre o processo de cunhagem (estampagem); preparação de originais tridimensionais em material rígido (resina) para redução pantográfica. Noções gerais de produção e design gráficos.

Sobre a Casa da Moeda do Brasil (CMB)

YouTube video

A Casa da Moeda do Brasil foi originalmente fundada em 8 de março de 1694. Por sua vez, o complexo industrial, localizado em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, é um dos maiores do segmento no mundo, ocupando a primeira posição na América Latina.

No local, funcionam as fábricas da empresa que possuem capacidade instalada para produzir cerca de 2,6 bilhões de cédulas e 4 bilhões de moedas por ano. Em linhas gerais, seu objetivo é de produzir;

  • Cédulas;
  • Moeda de circulação e comemorativa;
  • Medalhas;
  • Distintivos e comendas;
  • Cartões inteligentes;
  • Documentos de identificação;
  • Passaportes;
  • Certificados;
  • Bilhetes magnetizados;
  • Selos postais e selos de rastreamento;
  • Produtos de segurança.

"A CMB, conforme Lei nº 5895/73, é uma Empresa pública não dependente de recursos da União, vinculada ao Ministério da Fazenda, dotada de personalidade jurídica de direito privado, com patrimônio próprio, autonomia administrativa e capital social", informa o site oficial.

Compartilhe esse concurso

Você também pode
gostar

Concursos em sua
cidade