Vale Gás em SP: 2ª parcela começa a ser paga; veja onde sacar o benefício

Vale Gás em SP terá três parcelas e a segunda será paga neste mês de setembro. Mais de 400 mil famílias que vivem em São Paulo serão beneficiadas.

Nesta terça-feira (21/09), o governo de São Paulo anunciou a nova rodada do benefício que vai ajudar as famílias vulneráveis a comprarem botijões de gás para cozinhar. A segunda parcela do Vale Gás em SP é no valor de R$ 100,00 e será depositada para mais de 400 famílias em todo o estado.

Beneficiários poderão sacar o dinheiro em agências do Banco do Brasil ou nos terminais da rede Banco24Horas. Para isso, é necessário utilizar o cartão do programa Bolsa do Povo. Ainda há mais uma cota prevista que deve ser paga no mês de novembro.

Quem tem direito ao Vale Gás em SP

O benefício faz parte do maior programa de proteção social do estado de São Paulo, intitulado Bolsa do Povo. Esse auxílio tem como objetivo permitir que as famílias comprem botijões GLP de 13 kg.

Na capital estadual, esse produto custa em média R$ 93,00, no entanto, em outras cidades esse valor pode subir a até R$ 120,00. Sendo assim, o Palácio dos Bandeirantes informou que têm direito ao Vale Gás em SP as famílias que:

  • Estiverem inscritas no CadÚnico;
  • Não recebem o Bolsa Família; e
  • Tenham renda familiar por pessoa de até R$ 178,00.

Interessados em saber se estão inseridos entre os beneficiários do Vale Gás em SP devem acessar o site do auxílio. Para conferir a elegibilidade, o cidadão deve informar seu Número de Identificação Social (NIS).

Outros benefícios do Bolsa do Povo

O Bolsa do Povo foi lançado em maio de 2021 pelo governo de São Paulo, concentrando vários benefícios, ações e projetos sociais. Apenas para este ano está previsto um gasto de R$ 1 bilhão pelo programa. Além do Vale Gás em SP, ele também conta com:

  • Renda Cidadã;
  • Via Rápida;
  • Bolsa-Trabalho;
  • Ação Jovem;
  • Bolsa Talento Esportivo;
  • Aluguel Social (auxílio-moradia emergencial).

Cerca de 500 mil pessoas em todo o estado devem ser beneficiadas com valores de até R$ 500,00 pelo Bolsa do Povo. O programa prevê ainda a contratação de mães e pais em escolas e agentes de apoio na área da Saúde.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Ler mais