11 coisas que têm prazo de validade e você não fazia nem ideia

Existem algumas coisas que têm prazo de validade desconhecidos por muitos, mas que são essenciais no dia a dia.

Saber a validade de certas coisas utilizadas em casa é um hábito comum para muitos. Afinal, entender quando alguns alimentos vão vencer é essencial para evitar problemas, mas outros itens que deveriam entrar nesta lista não são de conhecimento geral. Existem coisas que têm prazo de validade desconhecidos para a maioria.

Leia também

Seja como for, enquanto a maioria dos condimentos que expiram possuem um prazo de validade especificado em suas embalagens, com outros, descobrir o vencimento pode não ser tão simples. Alguns podem até mesmo ser perigosos ao perder sua efetividade com o tempo, mesmo que isso não seja óbvio.

Para entender mais sobre o assunto, confira abaixo algumas coisas que têm prazo de validade e a maioria não faz nem ideia.

1. Protetor solar

Sim, o protetor solar possui um prazo de validade. A maioria funciona da forma que deve por pelo menos três anos; passado este período, é recomendado adquirir uma nova embalagem.

Além disso, caso a data de validade não esteja especificada, é preciso pensar na época em que foi comprado. Caso já faça alguns anos, é melhor se desfazer do produto.

2. Filtro de linha

Filtros de linha e adaptadores de tomada não apenas possuem vencimento, como também podem ser perigosos. Os mais baratos ou aqueles que são utilizados constantemente podem ser uma ameaça em sua casa, visto que a probabilidade de pegar fogo é grande.

Mesmo aparelhos de boa qualidade só são capazes de aguentar até certa capacidade. Apesar deste produto não vir com um prazo de validade, a garantia pode ser uma boa forma de entender o quão velho ele pode ser. Caso ele comece a perder a cor ou esquentar demais, é recomendado adquirir um novo.

3. Escova de cabelo

Escovas de cabelo também devem ser trocadas com certa frequência, mesmo que sejam lavados com regularidade. A validade comum é de 1 ano, mas caso a escova seja feita de materiais naturais, como cerdas vegetais e madeira, é interessante descartá-la com no máximo 10 meses de uso.

4. Toalhas

Toalhas podem ser perigosas pelo fato de serem um ambiente ideal para a proliferação de bactérias e fungos, principalmente quando úmidas. Neste sentido, nem mesmo a lavagem pode se livrar totalmente deste problema, e após um tempo, é preciso trocá-las. O recomendado é entre 1 a 3 anos.

5. Extintor de incêndio

Certos extintores possuem prazos de validade mais curtos, como os de carros. Com o passar do tempo, este instrumento pode acabar amassado ou até mesmo com furos, tornando-o perigoso. Após alguns anos, ele pode perder a potência, e deve ser substituído após 15 anos sem uso.

6. Inseticida

Até mesmo inseticidas possuem vencimento. Após um período de dois anos, por exemplo, este químico não serve para muitas coisas, visto que seus elementos perdem as propriedades. Da mesma forma, o spray pode deixar de funcionar.

7. Cadeirinha para bebês

O prazo de validade das cadeirinhas pode ser perigoso para as crianças. Por ser feito de um material que pode expandir ou contrair com a temperatura e o tempo, a maioria dos assentos expira entre 6 a 10 anos após sua produção, parando de proteger os menores. Esta data deve estar especificada na cadeirinha.

8. Temperos

Apesar de serem um tipo de condimento, temperos secos podem durar de dois a três anos, dependendo de seu tipo. Isso inclui como foram produzidos. Com o passar do tempo, também podem perder o sabor e o aroma, algo que não é ideal em seu uso.

9. Farinha

A validade da farinha depende do clima em que ela é mantida. Apesar disso, é comum que ela expire depois de 6 meses ou 1 ano, precisando ser trocada. A data de validade normalmente está especificada na embalagem.

10. Desinfetantes

Desinfetantes em geral perdem sua eficácia a partir de três meses após abertos. Apesar disso não ser um problema na limpeza, a qualidade do produto fica abaixo do desejado, tornando-o menos efetivo em qualquer processo.

11. Chupeta

As chupetas também devem ser trocadas com certa regularidade, de 2 a 5 semanas. Mesmo que pareçam utilizáveis após certo tempo, é importante fazer a troca, visto que muitos micróbios podem se acumular no bico, feito de látex.

Leia também


você pode gostar também

Descubra qual é o “carma” de cada um dos 12 signos do Zodíaco

Segundo a astrologia, há certas razões pelas quais algumas experiências ou situações se repetem em sua vida com base no seu signo do zodíaco.

Insuportáveis: 4 piores dores que os seres humanos podem sentir

Conheça hoje as piores dores que os seres humanos podem sentir, com quadros que podem durar semanas ou até mesmo anos.

5 coisas que podem danificar o seu liquidificador e você não sabia

O eletrodoméstico é item obrigatório em milhares de lares brasileiros, entretanto, seu mal uso pode acabar prejudicando o seu funcionamento e a durabilidade do liquidificador.

CLT: o que é o abono pecuniário e como calcular o valor

De acordo com a lei, para que os trabalhadores possam manter a saúde física e mental, é permitido tirar férias de 30 dias. Mas o que ocorre quando o empregado "vende as férias" para o empregador?

7 atitudes que a pessoa tem quando ela realmente está afim de você

As 7 atitudes que demonstram se a pessoa está realmente afim de você surgem nos detalhes, mas também na mudança de comportamento no cotidiano.

Afinal de contas, como os camaleões mudam de cor? Descubra aqui

Os camaleões têm a fascinante habilidade de mudar de cor, assumindo padrões marcantes e até mesmo se misturando com o ambiente em que se encontram.