Natal: qual é o significado da Guirlanda que colocamos na porta?

Colocar a tradicional guirlanda de natal na porta é um hábito de muita gente; conheça o significado especial por trás desse adorno natalino.

As decorações de natal parecem apenas “enfeites”, mas na verdade são muito mais do que isso, já que a maioria tem um grande significado para todos nós. Assim, dentre os adornos natalinos, temos a tradicional guirlanda, também chamada “coroa do advento”. Em suma, trata-se de um círculo de galhos secos entrelaçados com folhas e flores, fitas e outros elementos.

As guirlandas eram um dos adornos mais presentes nos rituais pagãos realizados no solstício de inverno no Hemisfério Norte. Os antigos povos as consideravam sagradas, pois eram colocadas nas portas das casas para receber os deuses. Também por este motivo, as guirlandas eram feitas com galhos de pinheiros, azevinhos, heras ou outras árvores e plantas consideradas poderosas.

Por outro lado, na Idade Média, as guirlandas de natal foram usadas por muito tempo. Naquela época, as pessoas deixavam o adereço o ano todo na porta de casa. Isso porque elas acreditavam que poderiam protegê-las contra a má sorte e os demônios.

Com a expansão do cristianismo esse hábito permaneceu, mas com outro sentido. Após o nascimento de Jesus, demorou um pouco para que as guirlandas de natal assumissem um novo significado na celebração natalina.

Qual é o real significado da guirlanda?

O uso da coroa do advento tem origem na Roma Antiga e fazia parte das comemorações do Ano Novo. Era o presente mais comum nessas festividades. Com efeito, esses arranjos “perenes” também eram chamados de Strenua ou Strenae, em homenagem a Estrênua, deusa da saúde.

Dessa forma, seu significado estava relacionado aos votos de sorte e prosperidade para o novo ano. Além disso, a forma circular para os romanos significava a esperança de que a saúde reinasse em casa durante o novo ciclo. Por fim, a guirlanda representava autoridade e era usada para celebrar a vitória nas batalhas romanas.

Significado cristão da guirlanda

O império romano estendeu-se por toda a Europa, dominando especialmente a Alemanha e a Grã-Bretanha. Com a chegada do cristianismo à Europa, o propósito da guirlanda adotou as simbologias que conhecemos hoje.

Foi então que muitos passaram a chamá-la de coroa do advento. Este é o nome dado a um período de quatro semanas antes do Natal. Inclusive, essa coroa do advento costuma ser enfeitada com 4 velas coloridas, além dos ramos e flores.

Para os cristãos, o círculo infinito significa o amor eterno entre Deus e seu filho Jesus. As coroas feitas de galhos perenes continham bagas de azevinho e fitas vermelhas simbolizando o sangue de Cristo. Com efeito, a guirlanda também remete à coroa de espinhos que Jesus usou durante sua crucificação.

Atualmente, como enfeite de porta, ela é decorada com fitas coloridas, além de grãos, bagas de azevinho e pinho, mas varia em tamanhos e cores ao redor do mundo.

Outros símbolos natalinos

As pessoas também têm o costume de enfeitar suas casas com outros elementos durante a época do Natal, alguns deles são:

Sinos

Os sinos e suas badaladas representam a alegria e felicidade da humanidade antes da chegada do Messias (Jesus). Além disso, também representam a forma de anunciar a chegada do menino Jesus.

Velas

As tradicionais velas natalinas, que costumam ser decoradas e representadas das mais diversas formas, são símbolos de Jesus Cristo como a luz do mundo.

Estrela

Quando Jesus nasceu, os três reis magos saíram em busca dele e durante o dia, quando não sabiam para onde ir, a estrela de Belém os guiou até ao estábulo onde o encontraram na manjedoura.

A estrela de Belém é sempre representada com quatro pontas, pois cada uma delas orienta para uma direção (norte, sul, leste e oeste).

Árvore de Natal

O pinheiro, que é a árvore mais usada nessa época, simboliza a esperança. Durante o inverno, nas regiões mais frias, ele mantém suas folhas verdes e vistosas, ao contrário de todas as outras árvores que perdem suas folhas.

Além disso, a forma triangular dos pinheiros representa a Santíssima Trindade (Pai, Filho e Espírito Santo), sendo um dos símbolos natalinos mais tradicionais em todo o mundo.

Leia também

você pode gostar também

Conheça 9 profissões que não precisam de diploma

Não pôde concluir os estudos e vai começar a procurar emprego? Conheça nove profissões que não precisam de diploma e que costumam ter uma grande demanda.

Saiba como aumentar sua produtividade em 7 passos

Procura uma forma de aumentar a produtividade nos estudos para as provas do concurso? Fique por dentro de sete dicas incríveis e turbine as suas chances de aprovação.

Síndrome de Burnout: qual é a causa? Descubra como evitar

A Síndrome de Burnout é um distúrbio emocional relacionado com o excesso de trabalho, sendo considerada uma doença ocupacional por especialistas da área de saúde.

9 profissões com bons salários que não exigem nível médio

Sempre sonhou em ganhar bem, mas não quis levar os estudos adiante? Conheça nove profissões com bons salários que não exigem nível médio.

9 informações que não precisam ser citadas em seu currículo

Vai começar a procurar emprego e quer aumentar as chances de ser convocado para um processo seletivo? Então, conheça nove informações que não precisam ser citadas no currículo.

5 profissões que pagam bem e têm vagas sobrando

As profissões que pagam bem e têm vagas sobrando saem das carreiras tradicionais por acompanharem as inovações no mercado de trabalho. Porém, existem requisitos para ocupar os cargos dessa lista.