Estudo revela fator que traz mais felicidade nos relacionamentos

Encontrar mais felicidade nos relacionamentos é a meta de diversas pessoas e casais, mas existe um estudo que comprovou cientificamente como alcançar uma relação saudável.

De acordo com um estudo realizado por psicólogos da Martin Luther University Halle-Wittenberg (MLU), existe um fator que traz mais felicidade nos relacionamentos. Com publicação recente no Journal of Research in Personality, a pesquisa envolveu uma série de casais com perguntas direcionadas à relação.

As informações divulgadas pelo portal IFLScience a respeito desse estudo e apresentou também quais foram os resultados das entrevistas. Sendo assim, existem algumas informações surpreendentes sobre a forma de alcançar um relacionamento feliz e saudável. Saiba mais a seguir:

Qual é o fato que traz mais felicidade nos relacionamentos?

De acordo com a pesquisa da MLU, um relacionamento verdadeiramente satisfatório e feliz envolve provocações, zombarias e brincadeiras com o parceiro. Porém, esse tipo de comportamento é aceito somente em casos de pessoas que se sentem confortáveis com esse tipo de senso de humor.

Porém, os indivíduos que tem medo de ser “zombados” se apresentaram aos pesquisadores como pessoas menos contentes e confiantes em seus relacionamento. No geral, os homens se destacaram nos relatos sobre essa insegurança, principalmente nos aspectos que se referem à vida sexual.

A pesquisa chegou a esse resultado a partir da entrevista com 154 casais heterossexuais sobre os seus relacionamentos. No roteiro de perguntas, foram despertadas questões sobre a vida sexual, satisfação na convivência com o companheiro, frequência da discussão e outros aspectos cotidianos.

Mais do que entender a relação, os pesquisadores buscaram compreender a personalidade de cada um para compreender como elas interagem dentro do convívio. Entre os resultados, foi observado que os parceiros geralmente compartilham características individuais e perfis de comportamento.

No caso das mulheres, por exemplo, a satisfação no relacionamento tem consequência direta no nível de atração ao companheiro. Portanto, a relação se tornava mais gratificante, a comunicação também desenvolvia e os problemas parecem ser resolvidos mais facilmente.

Portanto, o estudo comprovou que esse fator do senso humor não somente traz mais felicidade nos relacionamentos como também cria maior compatibilidade em outros aspectos. Entretanto, se ambos se afastam de qualquer brincadeira há igualmente um equilíbrio.

Sobretudo, o estudo reforçou que a felicidade nos relacionamentos depende do equilíbrio e equivalência nas expectativas.

Como identificar que há felicidade no relacionamento?

Segundo os conselhos da Dra. Kathy Nickerson, psicóloga clínica e especialista em relacionamentos, existem 4 sinais de que o relacionamento tem felicidade e durabilidade.

Além de seu trabalho clínico, e como produtora de conteúdo para grandes veículos de comunicação internacional, ela produz vídeos em suas redes sociais para compartilhar informações com as pessoas.

Em primeiro lugar, a forma de identificar que há felicidade no relacionamento parte da convivência. Ou seja, se não há drama, problemas constantes, ciúmes excessivo e estresse no cotidiano da relação, este é um sinal de que você está em uma relação saudável, e que muito provavelmente irá durar bastante tempo.

O segundo sinal refere-se à condição das brigas e discussões. Em resumo, se você lida com os conflitos de forma justa, sem atacar, sem culpabilizar ou trazer problemas antigos, este é um indicativo de que há felicidade e durabilidade no namoro ou casamento.

O terceiro sinal trata sobre a forma com que você lida com a felicidade do seu parceiro. Caso a felicidade da pessoa com que você está importe para você, esse é um indicativo de que as coisas estão no caminho certo.

Mais do que se importar, você age de forma a provocar mais felicidade, com presentes, atitudes positivas e consideração aos desejos do próximo.

Por fim, o quarto sinal apresentado pela psicóloga em seu vídeo no TikTok aborda a gentileza, carinho e respeito com a pessoa com quem você está se relacionando. Além de ser um indicador de que o relacionamento vai longe, é uma forma de manter o equilíbrio mesmo diante das diferenças.

Na legenda do vídeo, Nickerson ainda adiciona um quinto tópico que demanda um apoio ao uso de chapéus de palha ridículos. Ainda que seja brincadeira da especialista, é uma afirmação que dialoga diretamente com o fator que traz mais felicidade nos relacionamentos apresentados pelo estudo da MLU.

Leia também

você pode gostar também

Por que os palitos de pirulito têm um pequeno furinho na ponta?

Sempre fez questão de aprimorar os seus conhecimentos e tem a curiosidade aguçada, concurseiro? Então, descubra para que serve o furinho na ponta dos palitos de pirulito.

Entenda de onde surgiu o “sentido horário” dos relógios

Você já se perguntou por que o relógio gira em sentido horário? Este é um padrão que vem de relógios de sol antigos. Leia e entenda a seguir.

Afinal, qual é a verdadeira diferença entre poema e poesia? Entenda aqui

Apesar de parecerem idênticos, o poema e a poesia possuem algumas diferenças vitais, e que são de conhecimento essencial no mundo literário.

Grampeador tem função “secreta” que muitas pessoas ainda não conhecem

Embora todos nós usemos um grampeador de vez em quando, você provavelmente não conhece este tipo de uso secreto para ele.

15 nomes antigos que voltaram a ser populares no Brasil

Alguns dos nomes retrôs são muito populares hoje em dia no Brasil, sejam femininos ou masculinos. Confira alguns deles abaixo.

Como começar a empreender? Veja 7 dicas para ter um negócio de sucesso

Está querendo começar a empreender em 2023 e pretende alcançar o êxito profissional? Fique por dentro de sete dicas para ter um negócio de sucesso.