Estes 14 motivos garantem o saque FGTS em qualquer período do ano

O saque do FGTS pode ser realizado pelo trabalhador, desde que alguns requisitos sejam atendidos. Veja quando é possível.

Os valores do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço são repassados mensalmente por depósitos na conta do funcionário. Contudo, os saques dos valores só podem ser realizados em algumas situações específicas. Confira, a seguir, 14 motivos que garantem o saque FGTS.

É importante destacar que o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço é um direito concedido ao trabalhador que é contratado sob regime de Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Confira 14 motivos que garantem saque do FGTS

Para acessar o saque da conta, o trabalhador precisa estar inserido em uma das seguintes situações:

  1. Demissão sem justa causa do profissional;
  2. Finalização do contrato por tempo determinado;
  3. Rescisão de contrato em razão de falência, falecimento do contratante ou anulação do contrato;
  4. Aposentadoria;
  5. Quando houver rescisão contratual em razão de força maior ou culpa recíproca;
  6. Necessidade pessoal, caso haja desastre natural ocasionado por chuvas ou inundações, desde a residência do trabalhador tenha sido atingida;
  7. Suspensão do trabalho avulso;
  8. Falecimento do trabalhador;
  9. Idade a partir de 70 anos;
  10. Portador de HIV-SIDA/AIDS, trabalhador ou dependente;
  11. Diagnóstico de câncer, do trabalhador ou dependente;
  12. Estágio terminal em razão de uma doença grave, do trabalhador ou dependente;
  13. Trabalhador com três anos seguidos fora do regime do FGTS, com conta vinculada por três anos, sem interrupção, com afastamento do trabalhador até 13/07/1990;
  14. Em caso de compra da casa própria, liquidação ou amortização das prestações de financiamento.

Confira o saldo do FGTS

Apesar de ser um direito do trabalhador, é importante que ele esteja atento aos depósitos realizados pelos contratantes. Só assim será possível prevenir de possíveis irregularidades.

Para fazer a consulta do saldo FGTS, faça o download em seu celular (Android e iOS). Depois, siga os passos:

  1. Clique no aplicativo;
  2. Digite o número do seu CPF e marque a caixa “Não sou um robô”;
  3. Depois, selecione a imagem correspondente, clique na opção “verificar” e selecione “próximo”;
  4. Por fim, informe a senha e selecione a opção “Entrar”.

No aplicativo, haverá diferentes opções disponíveis, como consultar o saldo total ou saldo por conta. Caso queira acessar as datas de depósitos e outras movimentações, clique em “Acessar Meu FGTS” e “Ver extrato”.

Leia também


você pode gostar também

Pagam bem: 5 profissões para quem não quer trabalhar com atendimento

Se você é uma pessoa introvertida e não gosta de lidar com público, conheça cinco profissões para quem não quer trabalhar com atendimento.

5 filmes da Netflix para se inspirar e ter motivação nos estudos

Se você anda meio sem inspiração para continuar estudando para as provas do concurso, conheça cinco filmes da Netflix que podem te motivar.

Concurso INSS: o que levar em conta na hora de estudar leis? Veja 5 dicas

Vai prestar o concurso INSS e precisa ser aprovado? Conheça cinco dicas incríveis sobre como estudar leis.

Conheça 7 tipos de aprendizagem e suas vantagens durante os estudos

Está começando a estudar para um concurso público? Conheça os sete tipos de aprendizagem e as vantagens de cada um deles.

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.