Confira 6 mentiras que te contaram sobre aprender inglês

Pretende viajar com a família para o exterior ou está estudando para as provas de um disputado concurso público? Conheça as seis mentiras que te contaram sobre aprender inglês.

Praticamente todas as pessoas que sonham em aprender a Língua Inglesa, e até mesmo professores experientes nesse idioma, já tiveram contato com vários mitos a respeito desse tipo de aprendizado. Por isso, essa matéria vai te mostrar seis mentiras que te contaram sobre aprender inglês.

A grande questão é que são mentiras que estão bem arraigadas na mente da maioria dos brasileiros, logo, fazê-las cair por terra pode ser uma tarefa complicada. Dessa forma, aproveite a chance de rever os seus conceitos, caso esteja pensando em ficar craque no inglês. Aproveite ao máximo a leitura.

Mentiras que te contaram sobre aprender inglês

1) É preciso morar fora do Brasil para ser fluente no inglês

Morar fora do país exige condições financeiras, organização e um bom planejamento. Para você ter uma ideia, existem diversas pessoas que nunca moraram fora e são fluentes no inglês. Em contrapartida, existem pessoas que moraram por vários anos fora e não têm nenhuma fluência nesse idioma.

É claro que se você morar em um país que fala a Língua Inglesa, o seu aprendizado poderá ser mais eficiente do que nunca. Mas, caso isso não seja possível, basta estudar com o máximo de empenho e dedicação que você consegue aprender esse idioma, sem problemas. Não é preciso de uma vivência no exterior, concurseiro.

2) Inglês é complicado e chato

Mais uma das mentiras que te contaram sobre aprender inglês. A grande questão é que muitas escolas de idiomas apostam em métodos de ensino ortodoxos, o que passa uma falsa impressão aos estudantes de que essa língua realmente é complicada e cansativa de ser aprendida.

Dependendo da metodologia de ensino, aprender inglês pode ser muito interessante e fácil. Dependendo do empenho do concurseiro, é possível assimilar esse idioma em um curto período de tempo. Tudo vai depender das técnicas de aprendizagem que estão sendo usadas por você ou por quem está lhe ensinando.

3) Aprender inglês não vai mudar a sua vida profissional

Essa também é uma das mentiras que te contaram sobre aprender inglês. Você sabia que profissionais que têm fluência nesse idioma costumam ter o salário bem maior do que aqueles que ainda passam um perrengue para balbuciar algumas palavras ou expressões em inglês? É verdade.

Por isso, se você acredita que o domínio do idioma inglês não incrementa em nada o seu currículo profissional, é melhor repensar esse conceito. Existem várias empresas que estão dispostas a pagar altos salários para quem domina essa língua. Pense seriamente nisso, concurseiro.

4) Mentiras que te contaram sobre aprender inglês: Não é necessário definir uma meta

Cada pessoa possui um objetivo (pessoal ou profissional) quando vai aprender inglês, isso é fato. Alguns estudam para aprimorar a leitura de textos técnicos, por exemplo. Já outros, estudam para ter um conhecimento mais robusto do idioma, em caso de futuras promoções na carreira. E por aí vai.

Independente da sua necessidade ou objetivo, é preciso estabelecer pequenas metas durante todo o período de aprendizagem. Embora o conceito de sucesso seja algo relativo, uma pequena meta que foi alcançada hoje pode significar um grande passo rumo a uma melhor fluência nesse idioma.

5) Se aprender errado sempre vai falar errado

Outra mentira na qual você não deve acreditar. Quanto mais você se envolve com a língua que está aprendendo, mais aprende a dizer as palavras da forma correta. É claro que, no início, as frases não são pronunciadas de uma maneira clara ou correta, por assim dizer. Isso é natural, concurseiro.

Mas na medida que o seu estudo vai se desenvolvendo, você acaba aprendendo o certo e se corrige, automaticamente. Quando uma pessoa se dedica a aprender de verdade esse idioma, ela aprende a forma certa de pronunciar e escrever palavras ou expressões. Manter o foco ajuda bastante.

6) Só falar inglês quando souber quase tudo

A última das mentiras que te contaram sobre aprender inglês. Se você criou essa teoria fantasiosa em sua mente, é melhor rever essa postura, concurseiro. Achar que só deve participar das aulas do cursinho quando sentir que já domina o vocabulário inteiro, não é o mais indicado.

É claro que você não estará falando inglês fluentemente em poucas semanas de aprendizado. Mas não participar das conversas com os colegas de classe ou dos grupos de estudo, seja por medo do julgamento alheio ou vergonha, não vai contribuir em nada para o seu aprendizado, entende? É hora de deixar a vergonha de lado e se arriscar, concurseiro.

Agora que as mentiras que te contaram sobre aprender inglês foram desmistificadas, que tal se dedicar com todo empenho ao aprendizado desse idioma? Boa sorte.

Leia também

você pode gostar também

Por que os palitos de pirulito têm um pequeno furinho na ponta?

Sempre fez questão de aprimorar os seus conhecimentos e tem a curiosidade aguçada, concurseiro? Então, descubra para que serve o furinho na ponta dos palitos de pirulito.

Entenda de onde surgiu o “sentido horário” dos relógios

Você já se perguntou por que o relógio gira em sentido horário? Este é um padrão que vem de relógios de sol antigos. Leia e entenda a seguir.

Afinal, qual é a verdadeira diferença entre poema e poesia? Entenda aqui

Apesar de parecerem idênticos, o poema e a poesia possuem algumas diferenças vitais, e que são de conhecimento essencial no mundo literário.

Grampeador tem função “secreta” que muitas pessoas ainda não conhecem

Embora todos nós usemos um grampeador de vez em quando, você provavelmente não conhece este tipo de uso secreto para ele.

15 nomes antigos que voltaram a ser populares no Brasil

Alguns dos nomes retrôs são muito populares hoje em dia no Brasil, sejam femininos ou masculinos. Confira alguns deles abaixo.

Como começar a empreender? Veja 7 dicas para ter um negócio de sucesso

Está querendo começar a empreender em 2023 e pretende alcançar o êxito profissional? Fique por dentro de sete dicas para ter um negócio de sucesso.