Concurso Bombeiros DF: 356 vagas no próximo edital

Concurso Bombeiros DF pode ter edital publicado ainda em 2024 para recomposição de servidores. Estão previstas mais de 300 vagas em novo certame.

O concurso Bombeiros DF 2024 está autorizado para o preenchimento de 356 vagas imediatas em ocupações de nível superior. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, a expectativa é que os aprovados no certame tomem posse no próximo ano. Em breve, o novo edital pode ser divulgado.

continua depois da publicidade

A iniciativa tem o objetivo de fortalecer as atividades desempenhadas pela instituição, garantindo um contingente qualificado para enfrentamento das demandas e desafios no serviço prestado pelos Bombeiros no Distrito Federal.

Esse é um momento importante para começar a sua preparação. Enquanto o edital do concurso Bombeiros DF não é publicado, você tem um bom tempo para organizar os seus estudos. Nesse artigo você confere como montar um cronograma de estudos.

Concurso Bombeiros DF: situação atual

Leia também
Concurso Bombeiros DF, Concurso Bombeiros DF 2024, edital bombeiros DF, Bombeiros DF, vagas Bombeiros DF.

Concurso Bombeiros DF: veja o que se sabe. Foto: montagem / Pexels – CanvaPRO

A autorização para a realização do concurso Bombeiros DF foi publicada em 20 abril de 2022, no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). O documento pode ser localizado na página 2.

continua depois da publicidade

De acordo com a Portaria nº 132/2022, serão ofertadas 356 oportunidades, divididas entre os seguintes cargos:

  • Oficiais combatentes: 23 vagas;
  • Oficiais médicos: 10 vagas;
  • Oficiais cirurgiões-dentistas: três vagas;
  • Oficiais complementares: 10 vagas; e
  • Praças dos quadros do CBMDF: 310 vagas.

A expectativa é que as vagas sejam destinadas a profissionais de nível superior em diferentes áreas. Ainda de acordo com o documento publicado, todos os procedimentos, informações e atos relativos à gestão do concurso Bombeiros DF são de responsabilidade do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, inclusive após a homologação do resultado do certame.

continua depois da publicidade

A contratação da banca deve ser realizada em breve, e o lançamento do edital pode ser feito ainda neste ano, mas sem datas definidas.

O site Concursos no Brasil entrou em contato com a área de Comunicação do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal para obter mais detalhes sobre a situação do certame. Assim que houver novidades esse conteúdo será atualizado.

Concurso Bombeiros DF: último edital

O último concurso Bombeiro DF aconteceu em 2016, com abertura de mais de 700 vagas para contração imediata de profissionais de níveis médio e superior. A banca organizadora responsável pelo certame foi o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional – IDECAN.

continua depois da publicidade

As oportunidades foram distribuídas da seguinte maneira:

  • Curso de Formação de Oficiais Bombeiros Militares Combatentes. Para participar era preciso ter curso de nível superior em qualquer área de formação e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Psiquiatria. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Ortopedia e Traumatologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Medicina do Trabalho. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Anestesiologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Pediatria. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Cirurgia Vascular. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Radiologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Reumatologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Otorrinolaringologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Ginecologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Proctologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Cardiologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Médico – Urologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Cirurgião-Dentista – Periodontia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Cirurgião-Dentista – Endodontia. Oportunidade para profissional com nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Cirurgião-Dentista – Odontopediatria. Oportunidade para profissional com nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Psicologia Clínica. Oportunidade para profissional com nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Psicologia Organizacional e do Trabalho. Oportunidade para profissional com nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Serviço Social. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Fisioterapia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Nutrição. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Farmácia-Bioquímica. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Enfermagem. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Engenharia Civil. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Engenharia Mecânica. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Engenharia Elétrica. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Arquivologia. Exigia nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Biblioteconomia. Oportunidade para profissional com nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Aspirante/Complementares – Museologia. Oportunidade para profissional com nível superior na área de formação a qual concorre e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Curso de Formação de Praças Bombeiros Militares (CFPBM) no quadro geral de Praças na qualificação de Bombeiro Militar Operacional. Era preciso ter nível superior em qualquer área de formação e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Curso de Formação de Praças Bombeiros Militares (CFPBM) no quadro geral de Praças na qualificação de Bombeiro Militar Geral de Condutor e Operador de Viaturas. Era preciso ter nível superior em qualquer área de formação e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “D”.
  • Curso de Formação de Praças Bombeiros Militares (CFPBM) no quadro geral de Praças na qualificação de Bombeiro Militar Geral de Manutenção (Aeronaves/Equipamentos). Era preciso ter nível superior em qualquer área de formação e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B”.
  • Curso de Formação de Praças Bombeiros Militares (CFPBM) no quadro geral de Praças na qualificação de Bombeiro Militar Geral de Manutenção (Veículos/Equipamentos). Era preciso ter nível superior em qualquer área de formação e Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “D”.

As remunerações apresentadas variavam de R$ 5.108,08 a R$ 11.654,95, dependendo de fatores, como o período de ingresso no respectivo Curso de Formação e a graduação alcançada na corporação.

Etapas do concurso Bombeiros DF 2024

Caso as etapas sejam iguais às realizadas no concurso Bombeiros DF de 2016, é provável que os candidatos sejam avaliados com base nos seguintes critérios:

  • Prova de conhecimentos – objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Prova de conhecimentos – subjetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Exame de aptidão física, de caráter eliminatório;
  • Prova de conhecimentos práticos, de caráter eliminatório
  • Inspeção de saúde – exames médicos, biométricos e complementares, testes toxicológicos e exame odontológico, de caráter eliminatório;
  • Avaliação psicológica, de caráter eliminatório;
  • Sindicância de vida pregressa e investigação social e funcional, de caráter eliminatório.

As fases dependiam do cargo em disputa. Esses detalhes podem ser consultados nos editais publicados no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). A seguir, conheça as disciplinas que foram cobradas:

Provas objetivas para Combatentes

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática;
  • Química;
  • Física;
  • Língua Inglesa;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Emergência Pré-Hospitalar.

Provas objetivas para Aspirante/Médico

  • Língua Portuguesa;
  • Língua Inglesa;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Conhecimentos em Saúde;
  • Conhecimentos Específicos do Cargo.

Provas objetivas para Aspirante/Cirurgião-Dentista

  • Língua Portuguesa;
  • Língua Inglesa;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Conhecimentos em Odontologia;
  • Conhecimentos Específicos do Cargo.

Provas objetivas para Aspirante/Complementares

  • Língua Portuguesa;
  • Língua Inglesa;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Conhecimentos Específicos do Cargo.

Provas objetivas para Quadro Geral de Praças Operacional

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática;
  • Química;
  • Física;
  • Biologia;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Emergências Pré-Hospitalares.

Provas objetivas para Condutor e Operador de Viaturas

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática;
  • Química;
  • Física;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Equipamento Motorizado;
  • Emergência Pré-Hospitalar.

Provas objetivas para Manutenção (Aeronaves/Equipamentos)

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática;
  • Química;
  • Física;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Mecânica de Manutenção Aeronáutica (Aeronaves/Equipamentos).

Provas objetivas para Manutenção (Veículos/Equipamentos)

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática;
  • Química;
  • Física;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Agenda Ambiental;
  • Legislação Pertinente ao CBMDF;
  • Legislação de Trânsito;
  • Mecânica de Veículos.
Você também pode
gostar

Concursos em sua
cidade