Com qual idade encontramos o “sentido da vida”? Veja novo estudo

Apesar de o sentido da vida ser algo subjetivo que varia de pessoa para pessoa, sua busca exerce influência na saúde física e mental e todos.

Possivelmente, você já se pegou questionando sobre sua existência no mundo. Se você está na casa dos 20 ou 30 anos e esperava que estivesse tudo resolvido, saiba que ainda existe uma longa caminhada. Um estudo publicado pelo portal The Journal of Clinical Psychiatry indica com qual idade encontramos o “sentido da vida”.

A pesquisa foi divulgada pelo site IFL Science em 2019 e destaca que fazer essa descoberta de propósito pode trazer vários benefícios. Esses podem ser observados tanto na saúde física como mental. No entanto, segundo os cientistas, você só encontra o sentido quando você menos procura.

Qual é o verdadeiro sentido da vida?

sentido da vida; qual o sentido da vida; quando encontramos o sentido da vida
Foto: montagem / Pexels – Canva PRO

Antes de mais nada, é preciso aceitar que não existe uma fórmula para compreender a própria existência. Isso porque o tal “sentido da vida” pode significar algo diferente para cada pessoa. Sendo assim, entendê-lo envolve uma série de outros questionamentos internos que nos fazemos todos os dias, como:

  • Qual carreira eu vou seguir?
  • Aonde eu quero chegar profissionalmente?
  • Quero me casar?
  • Quero ter filhos?
  • Qual marca eu quero deixar no mundo?
  • Quais os meus objetivos a curto, médio e longo prazo?

“Quando você é jovem, nos seus 20 e poucos anos, você não tem certeza sobre sua carreira, sobre um parceiro para a vida ou quem você é como pessoa. Você está procurando o sentido da vida”, disse Dilip V. Jeste, autor principal da pesquisa, em uma entrevista.

Jeste é professor de Psiquiatria e Neurociência da faculdade de Medicina na Universidade de San Diego Califórnia e acredita que a compreensão dos propósitos começa a aparecer aos 60 anos de idade. Segundo ele e seus colegas de estudo, quanto menos você procura por um sentido, mais provável é de encontrá-lo.

Em que idade encontramos o sentido da vida?

A pesquisa “Sentido da vida e sua relação com o funcionamento físico, mental e cognitivo”, feita por Jeste e outros sete cientistas, chegou à conclusão de que é a partir dos 60 anos que começamos a entender nossa existência. O estudo foi feito com base em dados colhidos de 1.042 adultos com idades entre 21 e 100 anos durante três anos.

Os participantes passaram por análises de saúde física e mental. Isso porque “a medicina está começando a reconhecer o sentido da vida como clinicamente relevante e fator fator potencialmente modificável que pode ser direcionado para melhorar o bem-estar dos pacientes”, afirmou Awais Aftab, médico e co-autor do estudo.

Durante a pesquisa, os entrevistados tiveram que indicar em que estado estavam:

  • Estou procurando por um propósito ou missão para a minha vida; ou
  • Já descobri um propósito de vida satisfatório.

Foi constatado que a existência de um sentido da vida está associada ao bem-estar físico e mental. Enquanto a procura está mais ligada a baixa saúde mental e mau funcionamento cognitivo.

Desse modo, Jeste concluiu que “quando você encontra mais sentido na vida, você fica mais contente. Por outro lado, se você não tem um propósito e procura por um sem obter sucesso, ficará muito mais estressado”.

“Assim que você entra nos 30, 40 e 50 anos, você tem mais relações estabelecidas, talvez esteja casado e tenha uma família e sua carreira está consolidada. A busca diminui e o sentido da vida aumenta“, pontuou Jeste.

Assim, os pesquisadores perceberam que a visão das pessoas perante a vida muda por volta dos 60 anos, quando muitos objetivos já foram cumpridos.

Leia também

você pode gostar também

Gastronomia: como empreender nessa área? Confira 5 dicas

A Gastronomia é um ramo profissional que está associado com atividades como o turismo, lazer, comércio de alimentos e outros setores da indústria. Assim, empreender nessa área é mais simples do que parece.

Como conciliar trabalho e estudo? Confira 7 dicas simples e práticas

Vai começar o cursinho preparatório para o concurso, mas trabalha o dia inteiro? Fique por dentro de sete dicas de ouro sobre como conciliar trabalho e estudo.

Você sabia que existe o Dia da Saudade? Conheça essa data comemorativa

A palavra saudade pode remeter a um episódio de alegria ou de tristeza. Seja como for, esse sentimento é tão importante que tem data comemorativa, o Dia da Saudade.

As cores de esmalte que mais combinam com cada signo

Bateu aquela indecisão na hora de escolher a tonalidade que vai passar nas unhas? Então, conheça as cores de esmalte que mais combinam com cada signo.

7 sinais de que você deveria mudar de profissão

Está insatisfeito com o seu atual emprego? Então conheça os sete sinais de que você deveria mudar de profissão e cogite uma transição de carreira.

Para que servem aquelas bolas laranjas nos fios de transmissão?

Fios de alta tensão geralmente possuem itens de segurança bastante chamativos para evitar acidentes que possam danificar os fios e causar maiores problemas.