CadÚnico: saiba como fazer pré-cadastro e consulta sem sair de casa

A plataforma digital do CadÚnico oferece novos serviços, como a possibilidade de fazer pré-cadastro online. Veja como funciona.

​O Cadastro Único (CadÚnico) é a base de dados do governo federal que reúne informações das famílias brasileiras de baixa renda. As inscrições costumavam ser realizadas apenas de forma presencial nas prefeituras.

Contudo, a partir de agora, é possível fazer o pré-cadastro pelo novo aplicativo do CadÚnico. Lembrando que, para estar nesse banco de dados, é preciso cumprir os requisitos de renda. As famílias que tiverem renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa ou com renda total de até três salários mínimos pode ser inseridas no cadastro.

Veja como realizar o pré-cadastro no CadÚnico

Antes, o cidadão precisava comparecer até um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e realizar todo o procedimento. Contudo, a partir de agora, o primeiro passo pode ser realizado de casa, pela internet:

  1. Primeiro, faça o download do aplicativo em seu celular, que está disponível para iOS e Android;
  2. Depois, leia com atenção as informações na tela e clique em “Seguinte” para chegar no menu inicial;
  3. Clique na opção “Pré-cadastro”;
  4. Realize login na plataforma com CPF e a senha cadastrados no portal gov.br. Quem ainda não possuir conta no site do governo poderá criar uma gratuita;
  5. Em seguida, permita o uso de dados pelo aplicativo, leia os Termos de uso e clique na opção “Li e concordo”;
  6. Informe o responsável familiar;
  7. Em seguida, clique em “Ir para o pré-cadastro” e siga as instruções para preenchimento dos dados.

De acordo com o governo federal, o comparecimento até uma unidade do CRAS será apenas para complementação e confirmação do cadastro. Desse modo, o tempo de atendimento presencial será mais curto.

Há duas maneiras de verificar se já está inscrito no CadÚnico. A primeira é via telefone, fazendo ligação gratuita para o Ministério da Cidadania (MC) pelo número 121. O atendimento pode ser solicitado de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

A outra maneira de saber se você já está incluído no CadÚnico é pelo site ou aplicativo do banco de informações.

Benefícios que podem ser acessados com  CadÚnico

A inscrição no CadÚnico (Cadastro Único) permite que o cidadão tenha acesso a diversos benefícios do governo federal, confira alguns deles:

  1. Auxílio Brasil;
  2. Auxílio Gás;
  3. Carteira do Idoso;
  4. Casa Verde e Amarela;
  5. Programa Brasil Carinhoso;
  6. Programa de Cisternas;
  7. Bolsa Verde;
  8. Aposentadoria para pessoa de baixa renda;
  9. Telefone Popular;
  10. Carta Social;
  11. Pro Jovem Adolescente;
  12. Tarifa Social de Energia Elétrica;
  13. Passe Livre para Pessoas com Deficiência (PcDs);
  14. Isenção de taxas em concursos públicos.

Entretanto, cada benefício conta com requisitos específicos. Dessa forma, a inscrição no Cadastro Único do governo federal é apenas a porta de entrada para os programas sociais.

Leia também


você pode gostar também

Pagam bem: 5 profissões para quem não quer trabalhar com atendimento

Se você é uma pessoa introvertida e não gosta de lidar com público, conheça cinco profissões para quem não quer trabalhar com atendimento.

5 filmes da Netflix para se inspirar e ter motivação nos estudos

Se você anda meio sem inspiração para continuar estudando para as provas do concurso, conheça cinco filmes da Netflix que podem te motivar.

Concurso INSS: o que levar em conta na hora de estudar leis? Veja 5 dicas

Vai prestar o concurso INSS e precisa ser aprovado? Conheça cinco dicas incríveis sobre como estudar leis.

Conheça 7 tipos de aprendizagem e suas vantagens durante os estudos

Está começando a estudar para um concurso público? Conheça os sete tipos de aprendizagem e as vantagens de cada um deles.

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.