Auxílio de R$ 712 será pago a partir da próxima semana; veja calendário

Auxílio de R$ 712 corresponde ao valor acumulado para quem tem direito a dois benefícios sociais do governo. Veja o novo calendário de pagamentos.

Em dezembro, o governo federal realizará os pagamentos do Auxílio de R$ 712. O valor acumulado representa a junção dos programas Auxílio Gás e Auxílio Brasil para quem tem direito a ambos benefícios. O calendário completo foi divulgado e já é possível consultar os depósitos.

Vale ressaltar que, para ganhar o Auxílio de R$ 712, é necessário estar elegível nos dois programas. Caso contrário, a pessoa só receberá apenas os valores do benefício em que está devidamente cadastrado.

Como funciona o Auxílio de R$ 712

Como informado, o Auxílio de R$ 712 é uma junção de benefícios. Do total, R$ 600 são provenientes do Auxílio Brasil. O restante, R$ 112, faz parte do Auxílio Gás. Contudo, os pagamentos do Auxílio Gás podem variar.

O valor de R$ 112 trata-se de uma previsão baseada nos repasses que foram feitos em outubro. A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Brasil (ANP) é a responsável por fazer levantamentos da média nacional do botijão de gás.

Portanto, o valor de R$ 712 é uma estimativa. Pode ocorrer da quantia ser ligeiramente maior ou menor, dependendo da variação do preço atualizado do gás de cozinha. O anúncio ainda será feito pelo Ministério da Cidadania.

Além disso, as regras do Auxílio Brasil e Auxílio Gás podem mudar em 2023. A PEC Kamikaze, que alterou o valor dos benefícios, deixará de ter vigência. Com isso, o novo governo terá que aprovar medidas para manter o aumento no ano que vem. A PEC de Transição foi elaborada justamente para isso.

No entanto, uma série de movimentações precisam ser feitas para que os valores sejam mantidos. Caso contrário, o Auxílio Brasil retornará ao patamar de R$ 400. O Auxílio Gás, por sua vez, será pago conforme metade do valor do gás de cozinha.

Calendário do Auxílio de R$ 712 de dezembro

Os pagamentos do Auxílio de R$ 712 seguem o calendário do Auxílio Brasil. Consequentemente, os repasses são feitos de acordo com o dígito final do Número de Inscrição Social (NIS). Confira as datas:

  • Dígito final do benefício 1: 12 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 2: 13 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 3: 14 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 4: 15 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 5: 16 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 6: 19 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 7: 20 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 8: 21 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 9: 22 de dezembro de 2022;
  • Dígito final do benefício 0: 23 de dezembro de 2022.

É possível verificar os pagamentos por meio do telefone 111 da Caixa Econômica Federal ou do 121 do Ministério da Cidadania. O interessado deve informar o CPF no momento da ligação.

Quem possui smartphone com acesso à internet pode utilizar o aplicativo do Auxílio Brasil (Android e iOS) ou o app do Caixa Tem (Android e iOS).

Regras do Auxílio Brasil

De acordo com as regras do Auxílio Brasil, o benefício de R$ 600 mensais é pago para quem está inscrito no CadÚnico e que esteja em uma das situações abaixo:

  • Estar em situação de emancipação;
  • Estar em situação de pobreza;
  • Estar em situação de extrema pobreza.

A inscrição no programa é automática, sendo feita pelo Ministério da Cidadania. A própria pasta pode excluir quem deixa de cumprir os requisitos.

Regras do Auxílio Gás

Originalmente, o Auxílio Gás realizava pagamentos de 50% do valor da média nacional do preço do botijão de gás de 13 kg. Com a PEC Kamikaze, os repasses subiram para 100% da média nacional até dezembro de 2022. Os depósitos do benefício são feitos a cada dois meses. Como houve pagamento em outubro, o próximo será em dezembro.

Para receber o Auxílio Gás, é necessário que o beneficiário se enquadre em uma das situações na sequência:

  • Famílias com renda per capita de até meio salário mínimo e inscrita no CadÚnico;
  • Família com algum membro que recebe o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

A inscrição é automática, sendo feita pelo Ministério da Cidadania. Há uma fila de espera para receber o benefício, sendo que há prioridade para mulheres vítimas de violência doméstica que estão sendo acompanhadas, famílias que recebem o Auxílio Brasil e famílias de baixa renda.

Leia também

você pode gostar também

Calendário do INSS: aposentadoria é depositada para mais um grupo

Nesta sexta-feira, o INSS também paga o benefício a pensionistas e a trabalhadores que recebem o auxílio-doença; veja o calendário de janeiro.

Como saber quanto vou receber de Abono PIS/Pasep? Saiba calcular

Com a chegada de 2023, muitos trabalhadores passam a aguardar pela liberação dos valores do abono PIS/Pasep. Saber quanto irá receber é essencial para se organizar durante os envios.

Desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito

Projeto de Lei está tramitando na Câmara dos Deputados. Caso seja aprovado, população de baixa renda e desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito.

CadÚnico dá direito à isenção em concurso público? Entenda as regras

Pagar a taxa de inscrição para participar de concursos públicos pode desestruturar as finanças de muitas pessoas; veja se o cadastro no banco de dados do governo ajuda.

Auxílio Gás terá sua primeira parcela de 2023 em fevereiro; confira o valor

O pagamento do Auxílio Gás, benefício destinado às famílias de baixa renda, ocorre a cada dois meses. A primeira parcela deste ano será paga em fevereiro.

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.