Auxílio de R$ 710 ainda terá 2 parcelas em 2022; veja calendário completo

Os pagamentos do Auxílio de R$ 710 serão acumulados novamente em outubro e dezembro deste ano para os beneficiários que atenderem aos critérios de elegibilidade.

O Auxílio de R$ 710 consiste na junção dos pagamentos relativos ao Programa Auxílio Brasil e do Auxílio Gás dos Brasileiros. No caso do primeiro programa, o ticket médio transfere R$ 600 mensais para os beneficiários, com valor disponível até dezembro deste ano.

Leia também

Por outro lado, o Auxílio Gás garante o preço integral do gás de cozinha. O valor ficou definido em R$ 110 no mês de agosto, mas pode sofrer alterações no próximo pagamento. Tudo vai depender do levantamento da ANP em relação ao preço atualizado do gás de cozinha.

A cobertura de 100% do valor do botijão também ficará vigente até dezembro de 2022, caso não haja nenhuma medida que prorrogue os repasses. Lembrando que, no geral, esse programa em questão possui um ciclo de transferências bimestrais, de modo que as próximas etapas aconteçam somente em outubro e dezembro.

Por isso mesmo, será possível acumular ambos os benefícios (Auxílio Brasil e Auxílio Gás) somente nesses meses, considerando as datas previstas de repasses. Por via de regra, os pagamentos são realizados pela Caixa Econômica Federal. Confira mais a seguir:

Calendário Auxílio de R$ 710 em outubro

Número final do benefício

Data de pagamento

1

18 de outubro

2

19 de outubro

3

20 de outubro

4

21 de outubro

5

24 de outubro

6

25 de outubro

7

26 de outubro

8

27 de outubro

9

28 de outubro

0

31 de outubro

Calendário Auxílio de R$ 710 em dezembro

Número final do benefício

Data de pagamento

1

12 de dezembro

2

13 de dezembro

3

14 de dezembro

4

15 de dezembro

5

16 de dezembro

6

19 de dezembro

7

20 de dezembro

8

21 de dezembro

9

22 de dezembro

0

23 de dezembro

Como funciona o Auxílio Gás?

O Auxílio Gás dos Brasileiros consiste em um programa social do Governo Federal que transfere, pelo menos até dezembro, 100% do valor necessário para comprar um botijão de gás de cozinha de 13kg. No entanto, o benefício funciona com pagamentos bimestrais, de modo que siga o calendário do Auxílio Brasil dentro dessa frequência.

Os valores são definidos em um novo ciclo de pagamentos, com base na média dos preços divulgados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Comumente, o valor do benefício é determinado com base na referência de preços dos últimos seis meses.

Sendo assim, é possível que o Auxílio total de R$ 710 (junção do Auxílio Brasil e Auxílio Gás) passe por alterações, caso os próximos pagamentos do vale-gás ultrapassem os R$ 110 determinados em agosto. Em todos os casos, têm direito ao benefício:

  • Todas as famílias brasileiras que tenham cadastro regular e atualizado no Cadastro Único, desde que possuam renda mensal menor ou igual a meio salário-mínimo por pessoa;
  • Todas as famílias brasileiras que tenham cadastro regular e atualizado no Cadastro Único, incluindo famílias inscritas em outros benefícios do Governo Federal;
  • Todas as famílias que tenham algum residente inscrito no Benefício de Prestação Continuada, inscritas ou não no Cadastro Único.

Além dos critérios de elegibilidade, o programa Auxílio Gás possui regras de prioridade para o atendimento do público, a fim de garantir que o público socialmente vulnerável receba os valores. Portanto, são atendidos com prioridade:

  • Famílias brasileiras com mulheres vítimas de violência doméstica inseridas em medidas de monitoramento de segurança e proteção;
  • Famílias com registro no CadÚnico atualizado;
  • Famílias com menor renda per capita;
  • Famílias com maior número de membros;
  • Beneficiários do Auxílio Brasil;
  • Famílias inscritas no programa por meio de gestores públicos.

Como funciona o Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil consiste em um programa de transferência de renda para a população socialmente vulnerável no país, fomentando a cidadania, escolaridade, moradia e empregabilidade para os brasileiros de baixa renda. Através da promulgação da PEC Kamikaze, o benefício passou a ter um ticket médio de R$ 600 mensais até dezembro.

Em 2023, a expectativa é que o valor retorne ao padrão de R$ 400 mensais, sendo cumulativo com outros programas e benefícios internos, como os estudantis e profissionais. No entanto, é necessário atender aos seguintes critérios de elegibilidade:

  • Estar com o cadastro regular e atualizado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal;
  • Fazer parte da categoria de família em situação de extrema pobreza, possuindo renda familiar per capita mensal igual ou inferior a R$ 105;
  • Fazer parte da categoria de família em situação de pobreza, possuindo renda familiar per capita mensal está entre R$ 105,01 e R$ 210;
  • Fazer parte da categoria de família em regra de emancipação, possuindo renda familiar mensal per capita de, no mínimo, R$ 252 por pessoa.

Leia também


você pode gostar também

Saque triplo do PIS/Pasep pode ser feito neste mês; veja quem tem direito

Valores são referentes ao dinheiro não retirado dos anos-base 2019 e 2020, além das cotas do extinto Fundo PIS/Pasep.

Afinal, 14º salário do INSS sairá para aposentados ainda neste ano?

O 14º salário do INSS é um Projeto de Lei que visa beneficiar segurados impactados pela crise econômica ocasionada durante a pandemia.

Quem poderá perder o benefício do INSS em outubro? Veja regras do pente-fino

Aposentados e pensionistas do INSS serão convocados para passar por pente-fino de verificação da elegibilidade e algumas pessoas podem perder o benefício.

Pente-fino do BPC: veja quem poderá ficar sem as parcelas de R$ 1,2 MIL

O pente-fino do BPC também deve revisar outros benefícios por incapacidade, bem como demais aposentadorias do INSS.

Empréstimo Auxílio Brasil: veja regras, valor máximo e taxa de juros

O Empréstimo Auxílio Brasil consiste numa modalidade do empréstimo consignado para os beneficiários do programa social, com desconto das parcelas na folha do benefício.

Novo saque FGTS é liberado pela Caixa; veja valores e quem recebe

O novo saque FGTS liberado pela Caixa Econômica Federal atende os brasileiros que optaram pela modalidade do Saque-Aniversário e nasceram no mês de outubro.