Auxílio Brasil de pelo menos R$ 750 pode se tornar realidade em 2023

O programa Auxílio Brasil conta com uma série de benefícios complementares e pode ganhar mais um no próximo ano. Saiba mais.

O Auxílio Brasil é uma das maiores promessas para 2023 e pode passar por mais uma alteração após as eleições presidenciais. Atualmente, o programa tem ticket médio de R$ 600, mas o valor é temporário e deve ser encerrado em dezembro de 2022.

No entanto, o candidato à presidência pelo PT, Lula, quer manter o valor de R$ 600 e adicionar R$ 150 por criança com idade entre 0 e 6 anos. Isso quer dizer que as famílias poderão receber parcelas de no mínimo R$ 750, caso tenham ao menos uma criança dentro da composição familiar.

A quantia a mais deve beneficiar 8,8 milhões de crianças, com idade entre zero e seis anos, inscritas no Auxílio Brasil. Outra alteração informada por Lula é em relação ao nome do programa, que deve voltar a se chamar Bolsa Família.

As medidas foram anunciadas pelo WhatsApp e demais redes sociais oficiais do candidato neste domingo, 28 de agosto de 2022. Vale frisar, por outro lado, que o atual presidente Jair Bolsonaro também já mencionou em algumas entrevistas a sua vontade de manter o piso do Auxílio Brasil no valor de R$ 600.

O bônus de R$ 150 para cada criança inscrita no Auxílio Brasil, entretanto, integra o projeto do ex-presidente Lula.

Auxílio Brasil de pelo menos R$ 750: entenda a proposta

auxílio brasil, auxílio brasil valor, auxílio brasil de R$ 600, auxílio brasil novos aprovados
Foto: montagem / Pixabay – Canva PRO

Uma série de publicações foi feita nas redes sociais de Lula neste fim de semana, com o objetivo de divulgar sua campanha eleitoral. Entre os posts feitos, estavam algumas melhorias propostas para o Auxílio Brasil 2023. Segundo o texto, Lula “vai garantir o Bolsa Família de R$ 600 com adicional de R$ 150 por criança de até 6 anos”.

A pasta responsável pela campanha explicou que a ideia é reduzir a disparidade de renda entre os beneficiários do programa. Isso porque todas as famílias participantes do programa recebem o mesmo valor mensal. Sendo assim, famílias com mais membros acabam com uma quantia proporcionalmente menor.

Com o adicional de R$ 150, inscritos que têm crianças de até seis anos de idade poderão receber a mais para o sustento delas. De acordo com a proposta, as parcelas devem ser cumulativas por criança. Não foi informado se haverá um limite, como é o caso de outros benefícios complementares do Auxílio Brasil.

Auxílio Brasil de R$ 600 está sendo pago

Para o segundo semestre de 2022, o governo federal autorizou um aumento nas parcelas do programa. O valor mensal médio subiu de R$ 400 para R$ 600. Entretanto, o aval foi firmado apenas até o mês de dezembro, podendo retornar aos R$ 400 a partir de janeiro de 2023.

A manutenção dos R$ 600 para os próximos anos vai depender das iniciativas do governo eleito, bem como do Orçamento da União. Enquanto isso, os inscritos no Auxílio Brasil seguem recebendo normalmente. A primeira parcela com o novo valor foi paga neste mês de agosto, com calendário adiantado.

A próxima rodada está prevista para o mês de setembro. O cronograma, até agora, segue a regra de repasse nos últimos 10 dias úteis do mês. Para isso, o programa escalona os beneficiários pelo dígito final do Número de Identificação Social (NIS). Dessa forma, os novos pagamentos devem acontecer em:

  • NIS final 1: 19 de setembro de 2022;
  • NIS final 2: 20 de setembro de 2022;
  • NIS final 3: 21 de setembro de 2022;
  • NIS final 4: 22 de setembro de 2022;
  • NIS final 5: 23 de setembro de 2022;
  • NIS final 6: 26 de setembro de 2022;
  • NIS final 7: 28 de setembro de 2022;
  • NIS final 9: 29 de setembro de 2022;
  • NIS final 0: 30 de setembro de 2022.

Leia também


você pode gostar também

Desconto no IPVA será liberado para ESTES carros

Carros elétricos e híbridos terão descontos no IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores). Saiba os detalhes.

Inscritos no Auxílio Brasil podem acumular R$ 1,2 MIL em benefícios

Os beneficiários do Auxílio Brasil podem acumular benefícios complementares, sendo que o valor pode chegar a R$ 1.220. Saiba os detalhes.

Próximo abono PIS já tem regras definidas; veja quem deverá receber

O abono PIS/Pasep de 2021 está previsto para ser pago somente em 2023, mas as regras para o recebimento do benefício trabalhista foram fixadas pelo Ministério do Trabalho.

Auxílio de R$ 800 será liberado no calendário de outubro? Veja o que se sabe

Hoje, o benefício paga parcelas mensais de R$ 600 para quem cumpre com os requisitos. Veja o que se sabe sobre o Auxílio Brasil de R$ 800.

Outubro terá NOVO saque FGTS com valores que podem superar R$ 3,9 MIL

Trabalhadores formais poderão fazer saque FGTS de até 50% do saldo no mês de outubro. Os valores devem ser solicitados por aplicativo.

Quem pode pedir a bolada do Abono PIS/Pasep retroativo?

Trabalhadores podem ter direito a sacar bolada do abono PIS/Pasep retroativo. Veja como fazer a consulta dos valores.