INSS: 4 benefícios são pagos a segurados com COVID-19; veja quais

Trabalhos infectados pela COVID-19, que apresentaram sequelas, têm direito a benefícios previdenciários pagos pelo INSS.

Os contribuintes do Instituto Nacional de Seguro Social, que tiveram COVID-19 e ficaram com sequelas, possuem alguns direitos previdenciários. Confira, a seguir, 4 benefícios do INSS pagos a segurados que tiveram COVID-19.

continua depois da publicidade

As regras abrangem todos aqueles que contribuem para a Previdência Social, independentemente do número de pagamentos mensais já realizados.

É importante lembrar que o INSS é responsável por administrar o pagamento de diferentes benefícios sociais pagos pelo Governo Federal. Os contribuintes da Previdência Social, no entanto, precisam se atentar aos critérios desses auxílios.

INSS: 4 benefícios são pagos a segurados com COVID-19

Leia também
benefícios do INSS, benefícios pouco conhecidos do inss, Benefícios desconhecidos INSS, benefícios INSS

Foto: montagem / Pixabay - Canva PRO

Auxílio por incapacidade temporária

Desde novembro de 2021, o auxílio por incapacidade temporária prevê o recebimento do benefício a partir do atestado médico determinando a contração da COVID-19, gerando incapacidade por 15 dias ou mais.

Para garantir esse auxílio, o trabalhador precisa ser contribuinte da Previdência e apresentar o atestado que demonstre a incapacidade temporária.

Aposentadoria por incapacidade permanente

Em alguns casos, a COVID-19 pode gerar sequelas graves no enfermo que se tornam permanentes para desenvolvimento de atividades laborais.

Dessa forma, caso seja a situação, o trabalhador é medicamente impedido de trabalhar e pode recorrer à aposentadoria por incapacidade permanente, também conhecida como aposentadoria por invalidez.

Para garantir o benefício, o contribuinte precisa ter a condição de segurado,  atestados que comprovem sua incapacidade para o trabalho e realizar perícias periódicas do INSS para manter a condição.

Auxílio-acidente

O auxílio-acidente é destinado ao contribuinte que teve doença e deixou sequelas significativas, mas não incapacitou a pessoa 100% para desenvolvimento das suas atividades laborais.

Dessa forma, o trabalhador é indenizado pela redução de sua capacidade e pelos danos, mas pode continuar trabalhando normalmente. É exigido o atestado médico que demonstre o dano e condição do contribuinte.

Pensão por morte

Muitos brasileiros faleceram vítimas da COVID-19, e na maioria dos casos, eram provedores dos seus lares. A pensão por morte corresponde a uma indenização que beneficia a família do contribuinte.

Esse benefício então garante aos beneficiados do contribuinte, para dar condições de sustento.

Como solicitar o benefício do INSS?

YouTube video

A pessoa que precisa solicitar algum benefício do Instituto Nacional de Seguro Social, pode entrar em contato com o INSS telefone 135. O atendimento é de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h (horário de Brasília). Também é possível comparecer a uma agência, com toda documentação em mãos, e fazer o requerimento.

Além disso, o contribuinte pode fazer a solicitação via internet no primeiro momento. Será preciso acessar o site Meu INSS ou do aplicativo Meu INSS, que está disponível para sistemas Android e iOS. Nos casos online, é requisitado que a pessoa possua um registro no gov.br. Caso ainda não tenha, faça sua inscrição de maneira gratuita.

Confira, a seguir, qual o passo a passo para requerer o benefício por meio do aplicativo:

  • Após fazer o download do aplicativo do Meu INSS, clique na plataforma e informe os seus dados de cadastro;
  • Na tela inicial, digite qual o benefício deseja requerer;
  • Em seguida, clique nele;
  • Por fim, siga com os passos da página.

Após inscrição, o INSS pode solicitar um encontro presencial para confirmar a enfermidade descrita.

Leia também

Concursos em sua
cidade