Quem pode solicitar o auxílio-doença? Veja regras e valor do benefício

Veja como fazer o pedido do auxílio-doença do INSS. Benefício paga ao menos um salário mínimo (R$ 1.212) ao segurado.

Entre os benefícios atrelados ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), está o auxílio-doença. O repasse é feito para pessoas que não estão em condições de trabalhar e cumprem os requisitos previstos em lei.

De acordo com as regras do benefício, o valor será pago a partir de um cálculo específico. No caso, serão identificadas todas as contribuições salariais realizadas pela pessoa ao INSS ao longo da vida. A partir disso, uma média aritmética será utilizada.

O resultado será o salário da pessoa, desde que o valor não seja maior que as contribuições dos últimos 12 meses. Por isso, a situação varia para cada trabalhador. O valor mínimo do auxílio-doença é o piso nacional (R$ 1.212).

Quem pode receber o auxílio-doença

Para receber o auxílio-doença, o trabalhador deve cumprir as seguintes regras:

  • Ser segurado do INSS e ter contribuído por ao menos 12 meses (exceção a doenças graves e acidente de trabalho);
  • Ter comprovada a incapacidade de trabalhar por perícia médica;
  • Estar afastado do trabalho por mais de 15 dias (para empregados de empresa).

Documentos para pedir o auxílio-doença

Antes de poder pedir pelo auxílio-doença, é preciso que a pessoa reúna os documentos listados abaixo:

  • Documento de Identidade;
  • CPF;
  • Comprovantes ou documentos médicos (atestados, exames, receitas) para o dia da perícia médica no INSS;
  • Carteira de Trabalho ou carnês de contribuição do INSS;
  • Declaração do empregador constando o último dia trabalhado (requerimento no site do INSS);
  • Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), dependendo da situação.

Com a documentação correta e os requisitos sendo cumpridos, bastará fazer o pedido do benefício.

Como pedir o auxílio-doença do INSS

A pessoa que precisa do auxílio-doença pode solicitar os repasses pelo telefone 135, de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h (horário de Brasília).

Além disso, é possível pedir por meio do site Meu INSS ou do aplicativo Meu INSS (disponível para sistemas Android e iOS). Nos casos online é requisitado que a pessoa tenha conta no gov.br. Veja o passo a passo do app:

  • Depois de baixar aplicativo do Meu INSS, faça o login;
  • Na tela inicial, clique em “Agende sua Perícia”;
  • Em seguida, vá em “Agendar Novo”;
  • Depois, siga os passos da página.

Independentemente do modo de contato, uma perícia médica será agendada para ser feita pelo INSS. O indivíduo deve comparecer ao local na data marcada. Será o Médico Perito do INSS que determinará se a pessoa estará ou não apta a receber os valores e por qual período os pagamentos serão feitos.

Em situações de internação ou em que a pessoa não pode ir até a perícia, é possível solicitar que um agente do INSS vá até o local. Um representante precisa ir até uma unidade do instituto e informar a situação mediante laudo médico que explica a incapacidade de deslocamento.

Vale lembrar que o usuário pode pedir a prorrogação do auxílio-doença caso sinta que não será capaz de voltar ao trabalho. O pedido deve ser feito quando o benefício estiver a 15 dias ou menos do fim. A prorrogação pode ser feita nas mesmas plataformas citadas anteriormente.

Leia também

você pode gostar também

Consulta do abono PIS/Pasep 2021 será feita pelo CPF; veja como verificar

Para fazer a consulta com CPF, só é possível acessar o site do Meu INSS ou da Caixa. Serviço também está disponível por aplicativos.

Auxílio Gás de R$ 110 ainda terá 9 saques em agosto; veja datas

Cerca de 5,4 milhões de pessoas serão beneficiadas pelo Auxílio Gás de R$ 110 ao longo do mês de agosto. Veja quem.

Auxílio Brasil de R$ 600: nova rodada é liberada hoje; veja quem recebe

Novo grupo deve receber os repasses do Auxílio Brasil de R$ 600 nesta quarta-feira (10/08). Saiba como consultar os pagamentos.

Calendário Auxílio de R$ 710 está em andamento; veja quem recebe o valor

Milhões de brasileiros em situação de vulnerabilidade podem receber o auxílio de R$ 710. Os pagamentos serão feitos entre 09 e 22 de agosto.

Calendário CadÚnico: veja quem deve atualizar cadastro nesta semana

O calendário CadÚnico para quem foi convocado a realizar a averiguação cadastral em 2022 se encerra no dia 12 de agosto.

Abono PIS/Pasep terá novo valor das parcelas em 2023; veja a previsão

Com o reajuste do salário mínimo vigente no país, os pagamentos referentes ao abono salarial dos anos-base 2021 e 2022 poderão ser modificados aos trabalhadores brasileiros.