Auxílio de R$ 710 é confirmado no país; pagamento começa no dia 9

O pagamento refere-se ao valor acumulado do Auxílio Brasil de R$ 600 e o Auxílio Gás de R$ 110, confirmado em agosto pela Caixa Econômica e pelo Ministério da Cidadania.

O novo Auxílio de R$ 710 confirmado no país refere-se à soma dos valores relativos ao Auxílio Brasil de R$ 600, cujo pagamento foi ampliado pela aprovação recente da PEC Kamikaze, e do Auxílio Gás.

Nesta semana, a Caixa Econômica Federal confirmou o pagamento de R$ 110 para os beneficiários que precisam de auxílio financeiro na compra do gás de cozinha.

Apesar de serem cumulativos, o que significa que os beneficiários podem se inscrever em ambos programas e receber os pagamentos, e também seguirem o mesmo calendário, o Auxílio de R$ 710 segue regras e prioridades diferentes.

Portanto, nem todos que recebem o Auxílio Brasil têm direito aos pagamentos bimestrais do Auxílio Gás. Entenda mais a seguir:

Quais são as regras gerais do Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é um dos programas sociais do Governo Federal. Neste sentido, atualizou e reformulou o antigo Bolsa Família, incluindo novos valores e mais brasileiros de baixa renda.

A princípio, possuía o ticket médio de R$ 400, somados aos benefícios estudantis e profissionais associados ao programa. Com a aprovação da PEC Kamikaze, o pagamento foi ampliado para R$ 600 de maneira temporária.

Entretanto, é possível acumular os benefícios, como no caso do Auxílio de R$ 710. Portanto, beneficiários de programas como o Benefício de Prestação Continuada e a Tarifa Social de Energia elétrica, por exemplo, podem integrar o Auxílio Brasil. Porém, é preciso ficar atento aos seguintes critérios de elegibilidade:

  • Estar com o cadastro regular e atualizado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal;
  • Ser classificado como família em situação de extrema pobreza, possuindo renda familiar per capita mensal igual ou inferior a R$ 105;
  • Ser classificado como família em situação de pobreza, possuindo renda familiar per capita mensal está entre R$ 105,01 e R$ 210;
  • Ser classificado como família em regra de emancipação, possuindo renda familiar mensal per capita de, no mínimo, R$ 252 por pessoa.

Os beneficiários podem consultar informações do benefício, como parcelas a receber, valores a serem pagos e datas por meio do aplicativo do Auxílio Brasil, disponível para Android e iOS.

Quais são as regras gerais do Auxílio Gás?

YouTube video

A princípio, o Auxílio Gás surgiu como uma ajuda de custo para os brasileiros socialmente vulneráveis. Desse modo, eram realizados pagamentos bimestrais no valor de 50% da quantia necessária para comprar um botijão de gás de 14 kg.

Portanto, o pagamento era definido a cada novo ciclo, com base nas informações da Agência Nacional de Petróleo, Biocombustíveis e Gás Natural (ANP).

Com a ampliação do pagamento através da PEC Kamikaze, houve uma alteração nos valores. Segundo a proposta, o benefício passará a cobrir 100% do valor do gás de cozinha.

Em agosto, o valor foi fechado em R$ 110, também seguindo os cálculos da ANP com base nos preços dos últimos seis meses. Porém, é importante atender aos seguintes critérios de elegibilidade:

  • Possuir cadastro atualizado e regular no CadÚnico;
  • Ter uma renda familiar mensal menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa;
  • Possuir um membro da família inscrito no Benefício de Prestação Continuada, mesmo sem cadastro no CadÚnico.

No geral, o Auxílio Gás segue um esquema específico de priorização no atendimento. Sendo assim tem prioridade:

  • As famílias que possuam mulheres vítimas de violência doméstica inseridas no monitoramento de medidas protetivas de segurança são priorizadas no atendimento;
  • As famílias com registro no CadÚnico atualizado nos últimos 24 meses;
  • As famílias com menor renda por pessoa;
  • As famílias com maior quantidade de pessoas;
  • Beneficiários do Auxílio Brasil;
  • Cadastrados no Auxílio Gás por meio de qualificação de um gestor público.

Os pagamentos do benefício são realizados automaticamente pela Caixa Econômica Federal vinculada à família, tanto nas contas corrente quanto nas contas poupança.

Caso não haja vínculos entre a instituição e o beneficiário, são utilizados dados do Cadastro Único para abrir uma conta poupança social digital, verificável pelo aplicativo Caixa Tem.

Calendário Auxílio de R$ 710 em agosto

Tanto o Auxílio Brasil como o Auxílio Gás, que somam até R$ 710, serão pagos a partir do mesmo calendário em agosto. Confira as datas:

Número final do benefício

Data de pagamento

1

09 de agosto

2

10 de agosto

3

11 de agosto

4

12 de agosto

5

15 de agosto

6

16 de agosto

7

17 de agosto

8

18 de agosto

9

19 de agosto

0

22 de agosto

Leia também

você pode gostar também

Quem tem direito à bolada de R$ 10 mil do FGTS? Veja o que se sabe

Os trabalhadores podem solicitar a revisão do FGTS por meio de um processo judicial, mas precisam aguardar a decisão do Supremo Tribunal Federal sobre os procedimentos.

14º salário do INSS tem nova movimentação na Câmara; entenda

Projeto de lei que cria o 14° salário do INSS está em tramitação e recebe nova movimentação na Câmara dos Deputados.

Saque triplo do PIS/Pasep garante bolada de R$ 3 mil; veja quem recebe

Os trabalhadores poderão acessar o abono salarial em atraso do ano-base 2019 e também de 2020, assim como os valores do extinto Fundo PIS/Pasep, mas em casos específicos.

Auxílio permanente de R$ 1,2 mil para mulheres será pago em 2022?

Milhões de poderão ser beneficiados com o auxílio permanente de R$ 1,2 mil para mulheres. Veja previsão de pagamentos.

Saque PIS/Pasep é liberado para 10 milhões de pessoas; veja quem pode sacar

Cotas PIS/Pasep esquecidas contam com cerca de R$ 23 bilhões. Milhões de trabalhadores têm direito ao dinheiro.

Novo FGTS terá saque integral em 2022? Veja regras da nova proposta

Proposta do novo FGTS com saque integral para quem pedir demissão já está tramitando na Câmara dos Deputados.