CadÚnico: confira se você já está incluído no Cadastro Único

O registro no CadÚnico é essencial para acessar os benefícios sociais do governo federal. Veja como realizar sua inscrição.

Para ter acesso aos benefícios sociais do governo federal, é preciso ter inscrição ativa e atualizada no CadÚnico. O registro corresponde a uma fonte de informações para que os governos (município, estado e federal) consigam distribuir os benefícios da melhor maneira possível.

Por isso, é de extrema necessidade verificar se está incluído no CadÚnico e saber como fazer o registro. Programas como Auxílio Brasil e Auxílio Gás só podem ser acessados pelos inscritos no Cadastro Único.

Veja se está inscrito no CadÚnico

Para conferir se há um registro ativo no CadÚnico, o interessado pode consultar dois canais via internet:

  • Site do governo federal;
  • Acesse o aplicativo Meu CadÚnico, que está disponível para Android e iOS.

Além disso, existe outro canal para quem não possui ferramenta online. Ligue para o número 0800 707 2003, de forma gratuita. O telefone é da central de atendimento da Caixa Econômica Federal, onde podem ser obtidas maiores informações.

CadÚnico: como realizar inscrição?

Caso você ainda não tenha um cadastro, é importante procurar o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) no seu município.

No local, o solicitante precisa apresentar seu CPF ou Título de Eleitor. Além disso, o responsável deve levar um documento de cada membro da família. São aceitos:

  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • Carteira de Trabalho;
  • Título de Eleitor;
  • Caso a família seja indígena, pode apresentar o Registro Administrativo de Nascimento Indígena.

Benefícios disponíveis

O CadÚnico é a porta de entrada para acesso aos benefícios sociais do governo federal. Veja alguns deles:

  • Programa Auxílio Brasil;
  • Casa Verde e Amarela;
  • Bolsa Verde;
  • Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais;
  • Carteira do Idoso;
  • Aposentadoria para pessoa de baixa renda;
  • Programa Brasil Carinhoso;
  • Programa de Cisternas;
  • Telefone Popular;
  • Carta Social;
  • Pro Jovem Adolescente;
  • Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • Passe Livre para Pessoas com Deficiência (PcD);
  • Isenção de taxas de inscrição em concursos públicos, de acordo com a lei.

Leia também

você pode gostar também