Redação: 5 coisas que não podem faltar no desenvolvimento

A redação é uma etapa fundamental dos exames e concursos públicos, pois avalia a escrita, raciocínio lógico e argumentação dos candidatos. No entanto, existem algumas coisas que não podem faltar no desenvolvimento para garantir bons resultados.

Produzir uma redação de qualidade pode ser um diferencial na obtenção de bons resultados nos concursos públicos, exames e provas. Nesse sentido, existem algumas coisas que não podem faltar no desenvolvimento para garantir que a argumentação está bem construída.

continua depois da publicidade

A redação auxilia os avaliadores a entenderem como os candidatos constroem argumentos, se conseguem escrever conforme as regras gramaticais da Língua Portuguesa, como desenvolvem temas propostos e de que maneira se relacionam com assuntos sociais. Sendo assim, é o momento de apresentar diversas habilidades importantes. Saiba mais informações a seguir:

5 coisas que não podem faltar no desenvolvimento da redação

1) Problematização e posicionamento

Leia também

Nesse tópico, é importante que o candidato escolha um posicionamento diante da temática apresentada. Se for um tema relacionado à legalização do aborto, por exemplo, você precisa escolher se é contra ou a favor. Caso o debate seja acerca de educação inclusiva, o que você acha central nesse tema?

Estabelecer a perspectiva que será defendida é o primeiro passo para desenvolver um argumento coerente e coeso, bem fundamentado e que faça sentido com as propostas apresentadas na conclusão. A problematização é mais do que esmiuçar um conflito, pois demanda a utilização de uma análise crítica acerca da questão debatida.

continua depois da publicidade

2) Contexto

A contextualização demanda um repertório sociocultural legítimo e aprofundado do candidato, pois deve posicionar o problema do texto dentro da realidade. Como esse assunto afeta as pessoas? Como é um problema econômico, social ou cultural? De que maneira está relacionado com outras demandas atuais?

Nesse momento, o desenvolvimento precisa relacionar o problema com as pessoas. Por exemplo, se você estiver debatendo sobre tecnologia e Inteligência Artificial, pode ser interessante citar as transformações no mercado de trabalho, desaparecimento de profissões tradicionais e inovações que estão surgindo.

continua depois da publicidade

3) Argumentação eficaz

Ao longo do desenvolvimento, é fundamental que você se expresse com eficácia. Mais do que produzir parágrafos legíveis, deve-se pensar em como construir argumentos que sejam convincentes e estejam conectados com o tema proposto. Uma argumentação eficaz é relevante, realista e aplicável à realidade.

Sendo assim, não esqueça de tornar as informações que você colocou tangíveis, pois não adianta apresentar dados que referem-se à outros países e comunidades quando for discutir uma questão local. Tome cuidado com os excessos, porque é mais interessante aprofundar em poucos pontos do que tentar cobrir todos.

4) Informações verídicas

Dados estatísticos, pesquisas científicas, argumentos de autoridade ou referências bibliográficas precisam ser comprováveis e verdadeiras. Ou seja, se o avaliador pesquisar na internet, ele encontrará essa informação com facilidade e vinculada ao órgão que você indicou ser responsável?

continua depois da publicidade

Essas informações são responsáveis por fortalecer os argumentos construídos no desenvolvimento, porque os candidatos precisam comprovar e defender o que estão apresentando de forma objetiva. NesSe caso, são reforçadores da perspectiva do autor porque apresentam amostras da realidade acerca do tema.

É importante organizar como essas informações serão apresentadas, porque um grande bloco de números e estatísticas acaba afetando a legibilidade e escaneabilidade do texto. Opte por equilibrar esses tipos de argumentos com a sua escrita, usando-os para confirmar o seu ponto de vista acerca do tema.

5) Conexão entre os parágrafos

Não adianta apresentar várias informações que não estão conectadas entre si, porque isso afeta o texto como um todo. Em alguns casos, pode ser interpretado como fuga do tema ou falta de coesão, que refere-se à conexão entre os argumentos, frases e parágrafos.

Portanto, quando estiver escrevendo, experimente construir o texto de maneira complementar entre cada parte, desde a introdução até o desenvolvimento e a conclusão. Ao apresentar os argumentos, coloque no próximo parágrafo uma informação ou perspectiva que faça referência ao que foi citado anteriormente.

Assim, você consegue construir uma cadeia argumentativa que leva à conclusão de maneira natural. Além de melhorar a escaneabilidade para os leitores, isso demonstra um domínio do gênero textual e do tema.

Compartilhe esse artigo

Leia também

Concursos em sua
cidade