Pseudônimos: 5 famosos que não usam os seus nomes reais

A história por trás de cada nome revela a complexidade da construção da persona pública. Confira 5 artistas que optaram por pseudônimos.

No universo das celebridades, a escolha de um nome artístico muitas vezes se torna parte integrante da construção de uma imagem pública. Alguns optam por manter seus nomes de nascimento, enquanto outros decidem adotar pseudônimos que melhor se alinham com a proposta.

continua depois da publicidade

Por isso mesmo, a história por trás de cada nome revela a complexidade da construção da persona pública e destaca como a escolha de um nome artístico pode ser um aspecto estratégico na carreira de uma celebridade. Você confere mais detalhes no decorrer da matéria.

Famosos que usam pseudônimos - confira os seus nomes reais

1. Vin Diesel (Mark Sinclair Vincent)

Leia também

O astro de ação, conhecido por seus papéis em franquias como "Velozes e Furiosos" e "Triplo X", nasceu Mark Sinclair Vincent. Vin Diesel adotou seu nome artístico enquanto trabalhava como porteiro em uma boate em Nova York.

Seu apelido "Vin" surgiu da abreviação de "vinculum", uma referência ao seu papel de mediador entre as pessoas. "Diesel" foi acrescentado como uma representação de sua energia inesgotável.

continua depois da publicidade

A combinação de Vin Diesel acabou se tornando sinônimo de força e ação nas telas de cinema. Interessante, não é?

2. Kit Harington (Christopher Catesby Harington)

O renomado ator britânico, conhecido por interpretar Jon Snow em "Game of Thrones", optou por usar o nome artístico Kit Harington. Seu nome de nascimento é Christopher Catesby Harington.

O apelido "Kit" é derivado do nome "Christopher", e ele escolheu usá-lo profissionalmente para evitar confusões e simplificar sua identidade no mundo do entretenimento.

3. Bruna Marquezine (Bruna Reis Maia)

Ao contrário do nome artístico que ecoa em tapetes vermelhos e na tela da televisão/cinema, o verdadeiro nome de Bruna Marquezine é Bruna Reis Maia. A artista nasceu em 4 de agosto de 1995, na cidade de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

continua depois da publicidade

Começou sua carreira artística ainda na infância e, agora, está ganhando o gosto das telonas dos cinemas internacionais com o filme Besouro Azul, da DC Comics. A escolha de adotar o sobrenome "Marquezine" como parte de seu nome artístico não foi aleatória.

O sobrenome é uma homenagem à personagem "Marquezine" que Bruna interpretou em uma campanha publicitária quando era criança. Essa escolha não apenas trouxe um toque de originalidade ao seu nome artístico, mas também se tornou um selo de reconhecimento.

continua depois da publicidade

4. Anitta (Larissa de Macedo Machado)

Por trás do envolvente pseudônimo "Anitta", está uma mulher real com um nome de batismo: Larissa de Macedo Machado. Nascida em 30 de março de 1993, no Rio de Janeiro, a artista brasileira iniciou sua jornada na música desde jovem.

O pseudônimo surgiu com a combinação do nome de solteira da mãe da cantora, "Ani", com as letras "tta", que foram inspiradas em uma personagem de desenho animado. Essa escolha adicionou um toque pessoal ao nome artístico.

Além disso, também traz uma sensação de familiaridade e conexão com a história de Anitta, refletindo uma imagem de versatilidade, ousadia e autenticidade.

5. Miley Cyrus (Destiny Hope Cyrus)

A estrela pop Miley Cyrus, cujo nome de nascimento é Destiny Hope Cyrus, adotou um nome artístico que reflete sua transição de uma imagem mais infantil para uma abordagem mais ousada e madura.

"Miley" é uma variação de "Smiley", apelido dado a ela na infância devido ao seu sorriso contagiante. A mudança para Miley Cyrus marcou uma fase de reinvenção artística e pessoal para a artista.

Compartilhe esse artigo

Leia também

Concursos em sua
cidade