Quando será a próxima folga para os trabalhadores? Confira os feriados nacionais

Em 2023, o calendário conta com diversos feriados nacionais que podem ser prolongados; veja as datas a seguir e programe seus períodos de descanso.

Diferente de 2022, que foi um ano com vários feriados aos fins de semana ou sem a possibilidade de emendas, 2023 reserva aos trabalhadores alguns excelentes dias de descanso, muitos deles caindo em quintas-feiras, o que gera os famosos “feriadões”, com quatro dias seguidos de folga.

O calendário de 2023 conta com nove feriados de âmbito nacional, sendo que quatro deles caem colados ao fim de semana, na segunda ou na sexta-feira.

Quem tem a sorte de emendar a folga na terça ou na quinta-feira, tem um calendário ainda mais promissor, podendo chegar a sete feriados prolongados ao longo de todo o ano.

Antes de marcar sua viagem ou reservar a hospedagem, lembre-se de que os feriados nacionais são aqueles que, conforme a lei, valem em todo o Brasil. Os feriados considerados pontos facultativos, por outro lado, só valem para servidores públicos federais.

Além disso, a decisão de emendar um feriado que caia em uma quinta-feira e dar folga aos funcionários também na sexta-feira, por exemplo, cabe ao empregador. Por isso, antes de qualquer coisa, converse com o RH da sua empresa.

Calendário de feriados de 2023

Confira, a seguir, a lista de todos os feriados nacionais de 2023:

  • 01 de janeiro: Confraternização Universal, caiu em um domingo;
  • 07 de abril: Paixão de Cristo, sexta-feira;
  • 09 de abril: Páscoa, domingo;
  • 01 de maio: Dia do Trabalho, segunda-feira;
  • 07 de setembro: Independência do Brasil, quinta-feira;
  • 12 de outubro: Dia de Nossa Senhora Aparecida, quinta-feira;
  • 02 de novembro: Dia de Finados, quinta-feira;
  • 15 de novembro: Proclamação da República, quarta-feira;
  • 25 de dezembro: Natal, segunda-feira;

Abaixo, veja a lista dos pontos facultativos de 2023:

  • 20 de fevereiro: Carnaval, segunda-feira;
  • 21 de fevereiro: Carnaval, terça-feira;
  • 22 de fevereiro: Quarta-feira de Cinzas, é considerado ponto facultativo até às 14h;
  • 08 de junho: Corpus Christi, quinta-feira.

Feriados estaduais e municipais de 2023

Os estados e os municípios do país têm a autonomia para determinar, por meio de lei, que datas como Carnaval e Corpus Christi, que são pontos facultativos nacionais, sejam considerados como feriados locais.

Para quem é servidor público federal, ambas as datas já são consideradas folgas comuns. Por isso, esses servidores já têm mais alguns dias de folga garantidos ao longo de 2023.

O Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro, não está na lista oficial de feriados por não ser considerado facultativo nem nacional, uma vez que a decisão acerca da liberação de trabalho depende de leis municipais ou estaduais.

O Dia do Servidor Público, que também é ponto facultativo, é comemorado em 28 de outubro e, em 2023, cairá em um sábado.

Leia também

você pode gostar também

Estágio Caixa tem 6,8 mil vagas abertas; saiba como se inscrever

Estágio Caixa Econômica Federal é destinado a estudantes do ensino médio, técnico e superior. Veja como participar.

Pagamento em cheque cai em desuso e Pix pode ter influenciado

Pagamento por meio de cheque especial segue caindo. Redução chega a 94% em comparação com o ano de 1995.

Venda de férias está prevista na CLT; veja as regras e como funciona

Comum entre os trabalhadores, prática acontece em empresas, entretanto existem algumas regras e limites previstos na lei para a venda de férias.

IPTU atrasado gera multa para o contribuinte

A multa para o contribuinte que não paga o IPTU no prazo correto é acumulativa, e varia de acordo com o período de inadimplência do cidadão.

NASA: viagem para Marte pode acontecer ainda em 2023

Uma equipe de cientistas explica que a propulsão térmica a laser pode reduzir o tempo de viagem, que atualmente é de cerca de seis meses.

5G: Mais de 75 cidades brasileiras têm sinal autorizado pela Anatel

Nesta semana, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) liberou o sinal de 58 em mais de 75 cidades brasileiras, localizadas próximos de capitais. A expectativa é continuar ampliando o acesso à tecnologia.