Tempestades podem atingir 1,3 mil cidades a partir desta segunda, 28

Inúmeras cidades brasileiras podem ser atingidas por chuvas intensas entre esta segunda (28) e terça-feira (29/11). Veja se a sua região está na lista.

As informações e previsões climáticas servem de base para a tomada de decisões em saúde pública, gestão de riscos, agricultura, pescas, gestão de recursos hídricos, turismo, transporte e energia. Esses e outros setores precisam de informações de base científica para planejar suas atividades.

Dessa forma, o Instituto de Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou na manhã desta segunda-feira (28/11) um alerta de chuvas intensas que poderão atingir diversas partes do país.

O alerta, publicado no Alert-AS – Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos, teve início às 10h30 desta segunda-feira e é válido até às 10h de amanhã (29/11). A previsão é de chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, além de ventos intensos que podem chegar a 100 km/h.

É preciso ter atenção redobrada durante as tempestades, pois, segundo o Inmet, há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas. Confira as regiões que podem ser atingidas abaixo.

Regiões que podem ser afetadas por tempestades

O acumulado de chuva pode atingir as seguintes áreas:

  • Centro Sul Baiano;
  • Vale São-Franciscano da Bahia;
  • Sudeste Paraense;
  • Zona da Mata;
  • Ocidental do Tocantins;
  • Oeste Maranhense;
  • Sudeste Piauiense;
  • Vale do Rio Doce;
  • Central Espírito-santense;
  • São Francisco Pernambucano;
  • Centro-Norte Piauiense;
  • Noroeste Espírito-santense;
  • Centro Norte Baiano;
  • Vale do Mucuri;
  • Norte de Minas;
  • Sertões Cearenses;
  • Nordeste Baiano;
  • Sul Baiano;
  • Leste Maranhense;
  • Sul Espírito-santense;
  • Oriental do Tocantins;
  • Jequitinhonha;
  • Sudoeste Paraense;
  • Sul Cearense;
  • Nordeste Mato-grossense;
  • Norte Goiano;
  • Sul Maranhense;
  • Metropolitana de Belo Horizonte;
  • Sudoeste Piauiense;
  • Metropolitana de Salvador;
  • Extremo Oeste Baiano;
  • Centro-Sul Cearense;
  • Litoral Norte Espírito-santense;
  • Centro Maranhense;
  • Sertão Pernambucano;
  • Noroeste Fluminense;
  • Leste Goiano;
  • Norte Fluminense;
  • Norte Mato-grossense;
  • Noroeste Cearense;
  • Noroeste Goiano.

Com isso, mais de 1,3 mil cidades podem ser afetadas. A lista completa de municípios está disponível por aqui.

O que fazer durante tempestades?

Se houver alguma emergência, o Inmet orienta que as pessoas entrem em contato com a Defesa Civil, por meio do número 199, e com o Corpo de Bombeiros, por meio do número 193.

Além disso, as recomendações incluem evitar enfrentar o mau tempo, e outras que você confere abaixo:

  • Desconecte e fique longe de aparelhos elétricos e evite usar telefones com fio.
  • Evite tomar banho, lavar roupas ou pratos durante a tempestade, pois os canos de água podem conduzir a eletricidade dos raios.
  • Se estiver viajando, fique dentro do carro. Os carros oferecem proteção, no entanto, não estacione debaixo de torres de transmissão ou placas de propaganda.
  • Se você estiver em áreas rurais, fique longe de animais de grande porte. Além disso, evite ficar em lugares altos.
  • Fique longe de condutores elétricos, como cercas de arame ou portões. Evite se abrigar sob árvores ou estruturas metálicas. Ao ar livre, a melhor proteção é agachar-se com a cabeça baixa e cobrir as orelhas.
  • Evite permanecer em cachoeiras, piscinas, mar ou rios.
  • Por fim, evite realizar qualquer atividade ao ar livre durante chuvas com ventos e relâmpagos.

Leia também

você pode gostar também

Novidades do MEI 2023: veja o que muda para os empreendedores

Os microempreendedores individuais (MEIs) precisam ficar de olho no reajuste dos valores de contribuição e outras mudanças que ocorrerão neste ano de 2023.

Projeto regulamenta NOVA profissão no setor de turismo

O Projeto de Lei em tramitação no Senado Federal pretende regulamentar uma nova profissão no setor de turismo, a fim de promover mais segurança aos trabalhadores e viajantes.

Brasil criou 2 milhões de postos de trabalho em 2022, segundo o Caged

De acordo com dados divulgados pelo governo federal, houve saldo positivo de postos de trabalho com carteira assinada em 2022.

Valores a Receber: Banco Central alerta para golpe do dinheiro esquecido

Criminosos estão divulgando uma oferta falsa a respeito de montantes supostamente esquecidos no BC; veja como se proteger.

Reforma Tributária deve ser votada sem aumento nos impostos

De acordo com declaração do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, a reforma tributária deve ser neutra, sem aumento nos impostos.

Guia mensal do MEI 2023 já pode ser emitida com os valores atualizados

Reajuste do pagamento mensal está vigente. Taxas para microempreendedores individuais variam de R$ 66 a R$ 162.