Dirigir com a CNH vencida gera multa; veja regras e valor da infração

Os motoristas que optarem por dirigir com a CNH vencida poderão receber multas, mas existem regras específicas acerca da validade do documento e também do valor cobrado pela infração.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) determina os principais parâmetros legais para os condutores no país. Neste sentido, prevê as punições para quem dirigir com a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) vencida, podendo gerar multa e outras penalidades por conta dessa infração.

Leia também

Sendo assim, é fundamental que os cidadãos saibam sobre os aspectos específicos da legislação, tanto enquanto condutores em formação quanto para quem já possui habilitação. Assim, pode-se evitar infrações, multas inesperadas e qualquer tipo de risco à segurança nas vias. Saiba mais a seguir:

Qual é a penalidade prevista para quem dirigir com a CNH vencida?

De acordo com o artigo 162 do Código de Trânsito Brasileiro, integrado ao capítulo das infrações, dirigir com a CNH vencida é uma infração gravíssima. Mais especificamente, essa penalidade é aplicada nos casos em que o cidadão está conduzindo o veículo com o documento vencido há mais de 30 dias.

Sendo assim, a medida administrativa aplicada é o recolhimento da habilitação e retenção do veículo até a apresentação de um condutor devidamente habilitado.  O valor da infração, por sua vez, é multiplicado três vezes. Por isso, o cidadão pode chegar a pagar R$ 293,47 e receber sete pontos no documento.

Além da penalidade prevista para quem dirigir com a CNH vencida, esse artigo inclui outros casos. Neste sentido, a legislação também estabelece como proibição dirigir com Permissão para Dirigir ou Autorização para Conduzir Ciclomotor que esteja cassada ou suspensa.

Esse fragmento da lei ainda determina infrações relacionadas a quem dirige sem documento oficial, com habilitação de categoria diferente do veículo conduzido e sem usar os aparelhos de adaptação à condução, desde lentes corretoras de visão até próteses físicas. Em todos os casos, as penalidades são gravíssimas, mas as multas e medidas administrativas podem variar.

Como funciona a política de renovação do documento?

Em primeiro lugar, existem estados que estabeleceram o retorno do prazo normal para renovação da CNH vencida em 2022, revogando as medidas especiais impostas por conta da pandemia da COVID-19. Ou seja, o período de vencimento do documento já não inclui mesmo os prazos que foram estendidos por parte dos órgãos de trânsito durante o período da pandemia.

Anteriormente, quem ganhou um ano a mais de validade teve o período máximo de 13 meses (1 ano e 1 mês) para realizar a renovação. Sendo assim, as pessoas das seguintes regiões possuem o prazo regular de 30 dias para ser renovada:

  • Ceará;
  • Santa Catarina;
  • Maranhão;
  • Goiás;
  • Ceará;
  • Rondônia;
  • Maranhão;
  • Espírito Santo;
  • Acre;
  • Pernambuco;
  • Pará, especificamente para a CNH vencida desde fevereiro de 2022;
  • Tocantins, especificamente para a CNH vencida desde fevereiro de 2022;
  • Bahia;
  • Rio de Janeiro, especificamente para a CNH vencida desde abril de 2022;
  • Piauí, especificamente para a CNH vencida desde julho de 2022;
  • Sergipe;
  • Rio Grande do Sul;
  • Paraná;
  • Rio Grande do Norte;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Distrito Federal;
  • Minas Gerais;
  • Amapá;
  • Roraima.

Além disso, desde abril desse ano, o Código de Trânsito Brasileiro estabeleceu novas regras para o sistema de pontuação da habilitação. Neste caso, a principal alteração é que a pontuação máxima permitida para os condutores mudou de 20 para 40 pontos.

Porém, essa quantia atende somente quem não cometeu infrações gravíssimas. Portanto, a depender do número de infrações gravíssimas, o sistema pode continuar considerando 20 pontos como a quantia máxima antes da cassação da CNH.

Leia também


você pode gostar também

Salário mínimo 2023: veja qual é a previsão atual do valor para ano que vem

Novo governo do Partido dos Trabalhadores prevê reajuste salarial acima da inflação, elevando o valor pago do salário mínimo a todos os brasileiros.

Chuvas intensas podem afetar 1,4 mil cidades nesta quarta (7), alerta INMET

Alerta começou a valer às 11h desta quarta-feira (7) e se estende até 11h de amanhã (8/12), conforme o Instituto Nacional de Meteorologia.

Feirão Serasa Limpa Nome é prorrogado; saiba como participar

As negociações do Feirão Serasa Limpa Nome estariam disponíveis até o dia 5 de dezembro, mas a data foi prorrogada por conta do sucesso do evento.

INMET alerta: 1,7 mil cidades podem ser atingidas por chuvas intensas nesta terça, 6

Alerta de chuvas intensas foi emitido nesta terça-feira, dia 06/12, para grande parte do país. De acordo com o Inmet, há risco de corte de energia elétrica.

Chuva de meteoro acontece em dezembro; veja data do fenômeno

Em poucos dias, será possível observar o pico máximo da chuva de meteoros mais importante do mês de dezembro e uma das últimas do ano.

TikTok: dancinhas podem gerar demissão por justa causa; entenda

Se você costuma fazer dancinhas no TikTok em seu ambiente de trabalho precisa ficar atento ao conteúdo que posta na rede social chinesa para não ser demitido por justa causa.