Concurso IBGE: 209 mil vagas para o Censo Demográfico 2022

Concurso IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) tem mais de 200 mil vagas para Censo 2022. Falta preencher 192 vagas.

Já começaram os preparativos para a realização do concurso IBGE, que vai contratar 209 mil servidores públicos temporários para o Censo Demográfico 2022. A portaria que autoriza novo certame do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística foi publicada no último dia 3 de dezembro.

Leia também

A demanda pela realização do Censo adiantou a publicação dos documentos simplificados. No dia 14 de dezembro foram lançados os dois primeiros editais, com um total de 1.812 vagas, sob responsabilidade do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Já no dia 15 de dezembro, a Fundação Getúlio Vargas (FGV) lançou outros dois editais, com 5.450 vagas na função de Agente Censitário Municipal (ACM), 18.420 vagas para Agente Censitário Supervisor (ACS) e 183.021 vagas para Recenseador. Confira a seguir todos detalhes sobre as novas seleções.

Concurso IBGE: vagas

O concurso IBGE para 2022 contempla agora a abertura de quase 209 mil vagas para diferentes áreas. Confira a distribuição dessas vagas e saiba quais editais já foram lançados:

  • Agente Censitário Municipal – 5.450 vagas – EDITAL LANÇADO;
  • Agente Censitário Supervisor – 18.420 vagas – EDITAL LANÇADO;
  • Recenseador – 183.021 vagas – EDITAL LANÇADO;
  • Coordenador Censitário de Área – 31 vagas – EDITAL LANÇADO;
  • Agente Censitário de Administração e Informática – 1.781 vagas – EDITAL LANÇADO;
  • Agente Censitário de Pesquisa por Telefone – 180 vagas;
  • Supervisor Censitário de Pesquisas e Codificação – 12 vagas.

Portanto, até o momento, ainda faltam os editais para preencher, aproximadamente, apenas 192 vagas destinadas à realização do Censo Demográfico 2022.

Concurso IBGE: cargos

Agente Censitário Municipal

Para se candidatar a essa área, o pré-requisito exigido é ensino médio completo, com remuneração de R$ 2,1 mil para 40 horas semanais. São atribuições do profissional:

  • Acompanhar as atividades da coleta de dados, garantindo a perfeita cobertura da área territorial;
  • Acompanhar o Agente Censitário Supervisor no início da coleta da pesquisa urbanística;
  • Equipar, administrar, organizar e zelar pelo Posto de Coleta;
  • Acompanhar o registro de frequência dos Agentes Censitários Supervisores (ACS) e operar o sistema administrativo existente no Posto de Coleta;
  • Coordenar as reuniões de preparação e execução do Censo;
  • Participar das reuniões de preparação e execução do Censo;
  • Efetuar carga e descarga dos equipamentos do Censo Demográfico;
  • Manter contatos com autoridades responsáveis por instituições e entidades, imprensa e comunidade local, com o objetivo de divulgar e obter apoio para a adequada execução da operação censitária;
  • Organizar, com os Agentes Censitários Supervisores, o treinamento dos Recenseadores.

Agente Censitário Supervisor

A área de supervisão também demanda o nível médio de escolaridade, com ganhos em torno de R$ 1,7 mil. Entre as funções atribuídas estão:

  • Acompanhar os recenseadores em campo para esclarecimento de dúvidas quanto à identificação dos limites dos setores censitários e percursos;
  • Colaborar na organização e na administração do Posto de Coleta;
  • Planejar, organizar, supervisionar e avaliar a execução da coleta de dados realizada pelos Recenseadores;
  • Dirigir veículo oficial ou locado pela Instituição, caso possua habilitação;
  • Elaborar e transcrever textos e/ou planilhas em dispositivos eletrônicos;
  • Fazer registros administrativos e de controle da coleta de dados;
  • Fazer uso dos relatórios gerenciais e adotar as providências necessárias para corrigir as falhas observadas;
  • Utilizar os equipamentos de proteção individual (EPIs) distribuídos pelo IBGE.

Recenseador

A função exige ensino fundamental completo e o valor da remuneração é variável, tendo em vista que os contratados recebem de acordo com a produtividade, em jornadas de no mínimo 25 horas semanais. As tarefas atribuídas a esse profissional incluem:

  • Cumprir as orientações recebidas no dispositivo móvel de coleta;
  • Utilizar devidamente o uniforme e o crachá de identificação fornecido pelo IBGE;
  • Zelar pela segurança e uso adequado do equipamento eletrônico;
  • Manter o sigilo dos dados emitidos pelo informante;
  • Consultar relatórios diversos de acompanhamento de coleta;
  • Manter o supervisor informado sobre a coleta de dados no setor censitário;
  • Preservar o sigilo das informações;
  • Retornar aos domicílios recenseados para complementar as informações e/ou corrigir as falhas;
  • Seguir as medidas protocolares de prevenção e proteção à saúde determinadas pelo IBGE.

Coordenador Censitário de Área

No mais novo edital (nº 07/2021) lançado, as oportunidades ligadas à coordenação têm como faixa salarial R$ 3.677,27 mensais. Entre as várias atribuições desse profissional de ensino médio completo + CNH “B”, estão:

  • Responder por questões técnicas, administrativas e operacionais orientadas pelo pessoal efetivo do IBGE;
  • Acompanhar os trabalhos das equipes das coordenações nacionais e estaduais de supervisão e implementar as orientações recebidas;
  • Coordenar e responder por atividades técnicas, administrativas e operacionais;
  • Realizar a previsão, programação, solicitação e a execução de recursos orçamentários e financeiros;
  • Elaborar relatórios técnicos e administrativos visando atender ao acompanhamento das atividades sob sua responsabilidade, entre outras atividades.

Agente Censitário de Administração e Informática

O edital publicado (nº 08/2021) estabelece ganhos de R$ 1.700,00 mensais. Esses servidores temporários precisam ter nível médio de escolaridade.

As atribuições gerais incluem:

  • Adotar as providências relativas à contratação, prorrogação de contratos e desligamento de Recenseadores;
  • Colaborar na organização e na administração dos Postos de Coleta de sua Coordenação de Subárea;
  • Subsidiar o coordenador de informática, coordenador de recursos humanos, coordenador da subárea ou seu superior imediato;
  • Inserir dados e emitir relatórios nos sistemas informatizados;
  • Protocolar, arquivar, conferir e expedir documentos e materiais, entre muitas outras tarefas.

Agente Censitário de Pesquisa por Telefone

Edital mais recente, de abril de 2021, exigia nível médio completo e um ano de experiência comprovada em teleatendimento/telemarketing ativo ou receptivo, com remuneração de R$ 1,3 mil para jornadas de 30 horas semanais. Entre as atribuições nele elencadas estão:

  • Coletar informações, via telefone, com segurança, presteza e atenção, garantindo fidedignidade das informações;
  • Realizar a coleta utilizando roteiros planejados e via sistema computacional, visando captar e dirimir dúvidas quanto aos dados fornecidos;
  • Seguir as medidas protocolares de prevenção e proteção à saúde determinadas pelo IBGE;
  • Utilizar os equipamentos de proteção individual (EPIs) distribuídos pelo IBGE e executar outras tarefas correlatas que lhe forem atribuídas por superiores hierárquicos.

Supervisor Censitário de Pesquisas e Codificação

Com ganhos previstos de R$ 5,1 mil no último edital lançado, o cargo exigia como pré-requisito curso superior completo em diversas áreas. As atribuições incluem:

  • Auxiliar no planejamento e na execução dos trabalhos de definição metodológica da pesquisa, inclusive em detalhamento de âmbito, elaboração do questionário e manuais;
  • Realizar pesquisa-piloto;
  • Ministrar treinamentos para agentes de pesquisas por telefone;
  • Organizar a distribuição das tarefas dos agentes e estabelecer contato com informantes, quando necessário;
  • Prestar suporte e assistência aos agentes no que diz respeito a conhecimento de conceitos relacionados à pesquisa, métricas qualitativas, indicadores de desempenho e técnicas motivacionais.

Concurso IBGE: quais são os requisitos?

Além da escolaridade mínima exigida como pré-requisito, aqueles que forem aprovados no concurso IBGE deverão cumprir outras exigências para garantir o ingresso no quadro de temporários:

  • Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa, seguindo o que está consolidado na legislação sobre o tema;
  • Estar em gozo dos direitos políticos e, no caso de sexo masculino, quite com as obrigações militares;
  • Estar em dia com as obrigações eleitorais e ter idade mínima de 18 anos;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições da função pleiteada;
  • Não estar incompatibilizado para assumir a função;
  • Apresentar declaração de próprio punho de que não se encontra na condição de sócio-gerente ou administrador de sociedades privadas.

Saiba mais: linha do tempo

Pela legislação vigente, o Censo Demográfico deve ser realizado uma vez a cada década, periodicidade que já foi extrapolada, em decorrência da pandemia do coronavírus e da ausência de previsão orçamentária para realização do estudo.

Defasados, os últimos dados populacionais brasileiros datam de 2010, quando foi realizada a pesquisa mais atual disponível. Decisão recente do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou que o governo federal tem a obrigatoriedade de realizar tanto o concurso público como o Censo até 2022.

Considerado pelo próprio IBGE como a principal fonte de dados sobre a situação de vida da população brasileira, o Censo coleta informações relevantes para a definição de diversas políticas públicas em níveis nacional, estadual e municipal.

Para quem não se lembra, o certame anterior tinha o Cebraspe como banca organizadora e foi cancelado no dia 18 de outubro de 2021, com devolução das taxas pagas pelos inscritos. Confira breve histórico do certame na linha do tempo retrospectiva de 2021:

  • Dezembro: no dia 15 foram lançados os dois editais (nº 9 e 10/2021) para preencher  206.891 vagas nas funções de Agente Censitário Supervisor, Agente Censitário Municipal e Recenseador.
  • Dezembro: no dia 14 foram lançados os dois primeiros editais (nº 07 e 08/2021) para preencher 1.812 vagas nas funções de Coordenador Censitário de Área e Agente Censitário de Administração e Informática.
  • Dezembro: Instituto IBFC escolhido como banca organizadora da seleção para as vagas de Coordenador Censitário de Área e Agente Censitário de Administração e Informática (conforme extrato do contrato).
  • Dezembro: divulgadas duas portarias para realização do concurso e estipulado prazo máximo de seis meses para publicação do edital de abertura de inscrições – portanto, ainda em 2022. Nova previsão oferta mais vagas e novos cargos, em comparação com o edital anterior.
  • Novembro: FGV escolhida como nova banca organizadora do processo seletivo simplificado para agentes censitários e recenseadores.
  • Outubro: certame cancelado, com anúncio da devolução das taxas anteriormente pagas pelos candidatos.
  • Agosto: prorrogada a validade do processo seletivo simplificado referente ao edital nº 3/2019, organizado pelo Cebraspe.
  • Março: término do período de inscrições. Orçamento de 2021 aprovado com corte nos recursos que seriam voltados para o Censo Demográfico.
  • Fevereiro: Cebraspe, até então banca organizadora, publicou editais para agentes e recenseadores.

Dúvidas?

Outros detalhes sobre o certame serão atualizados assim que forem divulgados pela banca organizadora ou em novos documentos do Ministério da Economia. Informações adicionais sobre o novo concurso IBGE podem ser acessadas diretamente na página do Diário Oficial da União (DOU), na qual foram publicadas as portarias.

Leia também

você pode gostar também

Piso da Enfermagem: Câmara cria comissão especial para avaliar PEC

A Câmara dos Deputados estabeleceu uma comissão especial para avaliar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que pode destravar o piso para Enfermagem.

13º salário: veja regras e quem tem direito ao valor neste ano de 2022

O 13º salário corresponde a um benefício trabalhista previsto na legislação brasileira, mas existem regras para determinar quem tem direito ao valor neste ano de 2022.

Concurso INSS: Cebraspe aplica provas neste domingo, 27

Avaliações do concurso INSS cobrarão diversos conhecimentos do candidato. Saiba também como conferir o local de prova.

Salário mínimo 2023 tem novo valor previsto; alta pode ser de até 1,4%

Com as negociações da equipe de transição do presidente eleito Lula, salário mínimo 2023 tem novo valor previsto, baseado no método de aumento real.

INMET alerta: chuvas intensas podem atingir mais de 1,2 mil cidades do país

Alerta foi emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) na manhã desta sexta-feira (25) e tem validade até amanhã, dia 26/11, às 10h.

IR: novo lote residual da restituição será pago em breve

Mais de 556 mil contribuintes terão acesso, em breve, ao lote residual do IR de novembro. Confira data e regras.