Concurso IBGE: Edital para 206.891 vagas; inscrição prorrogada

Lançados mais dois editais do concurso IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) para Recenseador e Agente Censitário.

Boa notícia para milhares de brasileiros que estão em busca de fonte de renda temporária, além de novas experiências. Estão prorrogadas as inscrições aos editais nº 09/2021 e 10/2021 do processo seletivo simplificado do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. O concurso IBGE visa a realização do Censo Demográfico 2022 e está sendo organizado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Os documentos preveem o preenchimento de 5.450 vagas na função de Agente Censitário Municipal (ACM), 18.420 vagas para Agente Censitário Supervisor (ACS) e 183.021 vagas para a função de Recenseador.

As contratações serão efetivadas conforme prevê a legislação relativa aos vínculos por tempo determinado. Em coletiva de imprensa, o coordenador de RH do órgão, Bruno Taranto Malheiros, informou que este “é o maior processo seletivo para contratação de pessoal do país, com vaga em praticamente todos os municípios”.

De fato, para ambos os editais, existem anexos com a distribuição das vagas, disponíveis no site da banca. Existem postos para agentes censitários e recenseadores em todos os estados, incluindo Distrito Federal.

Quantas vagas saíram até o momento?

Com a publicação dos editais 09/2021 e 10/2021, o IBGE já está com 208.703 vagas para serem preenchidas. Os primeiros dois editais em andamento, de nº 07/2021 e 08/2021, ofertam 1.812 vagas para as funções de Coordenador Censitário de Área – CCA (31 vagas) e Agente Censitário de Administração e Informática – ACAI (1.781 vagas).

Com base nas previsões publicadas antes do processo seletivo simplificado ser iniciado, ainda resta o edital (ou editais) para preencher as seguintes funções:

  • Agente Censitário de Pesquisa por Telefone – previsão de 180 vagas;
  • Supervisor Censitário de Pesquisas e Codificação – previsão de 12 vagas.

Concurso IBGE: distribuição de vagas

Para facilitar a visualização das vagas por estado, a Agência de Notícias do IBGE liberou dois gráficos. O primeiro apresenta todas as oportunidades ofertadas para o cargo de Recenseador. Confira:

distribuição das vagas por estados no concurso ibge, vagas para recenseador
Vagas para recenseadores no concurso IBGE 2022. Foto: Divulgação / IBGE

 

Além do mais, o instituto também disponibilizou o gráfico com a distribuição das vagas para os cargos de Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor. Veja abaixo:

vagas para agente censitário no ibge, distribuição das vagas por estado no concurso IBGE
Vagas para agentes censitários no concurso IBGE 2022. Foto: Divulgação / IBGE

Concurso IBGE: detalhes sobre as funções

O edital nº 09/2021 apresenta 5.450 vagas na função de Agente Censitário Municipal (ACM) e 18.420 na função de Agente Censitário Supervisor (ACS). Ambas as ocupações requerem o ensino médio completo como escolaridade mínima.

A retribuição mensal estabelecida para esses servidores temporários é de R$ 1.700,00 (ACS) e R$ 2.100,00 (ACM), para jornada de 40 horas semanais. Farão jus ainda a auxílio-alimentação, auxílio-transporte e auxílio pré-escolar, além de férias e 13º salário proporcionais.

O edital nº 10/2021, por sua vez, abre 183.021 vagas para a função de Recenseador, que concentrará, como se vê, o maior contingente do Censo 2022. Para disputar uma das vagas, basta ter ensino fundamental completo.

Os Recenseadores trabalharão, por recomendação do próprio IBGE, no mínimo 25 horas semanais e também precisarão participar obrigatoriamente do treinamento. Os contratos terão previsão de duração de até três meses, podendo ser prorrogado e a remuneração será por produção, devendo os candidatos estimar o valor salarial clicando no link oficial disponibilizado pelo IBGE.

Já os Agentes Censitários terão contrato com duração de até cinco meses, podendo ser prorrogado. As eventuais prorrogações, para qualquer das funções, serão processadas de acordo com as necessidades de conclusão das atividades do Censo Demográfico 2022 e a disponibilidade de recursos orçamentários.

Concurso IBGE: inscrições prorrogadas

Para efetuar a inscrição, cujo período é diferente dos dois primeiros editais, o candidato deve entrar no site da Fundação Getúlio Vargas.

O prazo de participação foi prorrogado até 16h do dia 21 de janeiro de 2022. É necessário realizar o pagamento de uma taxa no valor de R$ 57,50 (Recenseador) ou R$ 60,50 (Agentes Censitários).

O edital para ACM e ACS possui uma particularidade: ele informa que as vagas para ambas as funções são de inscrição única. Mas somente serão oferecidas as vagas de ACM aos candidatos que obtiverem melhor classificação no certame, ficando os demais classificados aptos para ocuparem as vagas de ACS, obedecendo, é claro, a ordem de classificação.

Quer pedir isenção do valor dessa taxa? Saiba que você pode solicitar, caso declare e comprove hipossuficiência de recursos financeiros, desde que seja inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico, seja membro de família de baixa renda e/ou doador de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde.

Como será a prova do IBGE?

O processo seletivo simplificado do IBGE, para todas as funções, será composto por uma prova escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Após a retificação do cronograma, ela será aplicada provavelmente no dia 10 de abril de 2022, em dois turnos: das 14h30 às 18h (Agentes Censitários) e das 9h às 12h (Recenseadores).

Matérias das provas

Os candidatos a Agente Censitário Supervisor e Agente Censitário Municipal responderão a 60 questões, assim distribuídas:

  • Língua Portuguesa – 10 questões;
  • Raciocínio Lógico-Quantitativo – 10 questões;
  • Ética no Serviço Público – 5 questões;
  • Noções de Administração e Situações Gerenciais – 15 questões;
  • Conhecimentos Técnicos – 20 questões.

Já os inscritos para as vagas de Recenseador responderão a 50 questões, assim esquematizadas:

  • Língua Portuguesa – 10 questões;
  • Matemática – 10 questões;
  • Ética no Serviço Público – 5 questões;
  • Conhecimentos Técnicos – 25 questões.

Treinamento para Recenseadores

No caso dos Recenseadores, além dessa prova objetiva, está prevista a realização de um treinamento, que ficará sob a responsabilidade do próprio IBGE.

Com o treinamento, os Recenseadores poderão ser habilitados a aplicar conceitos e de procedimentos estabelecidos para o Censo Demográfico 2022.

Quais as tarefas do Recenseador do IBGE?

Os funcionários temporários que atuarem como Recenseador do IBGE desempenharão, entre outras, as seguintes tarefas:

  • Cumprir as orientações recebidas no dispositivo móvel de coleta;
  • Utilizar devidamente o uniforme e o crachá de identificação fornecido pelo IBGE;
  • Zelar pela segurança e uso adequado do equipamento eletrônico;
  • Manter o sigilo dos dados emitidos pelo informante;
  • Consultar relatórios diversos de acompanhamento de coleta;
  • Manter o supervisor informado sobre a coleta de dados no setor censitário;
  • Preservar o sigilo das informações;
  • Retornar aos domicílios recenseados para complementar as informações e/ou corrigir as falhas;
  • Seguir as medidas protocolares de prevenção e proteção à saúde determinadas pelo IBGE.

O que fazem os Agentes Censitários do IBGE?

Abaixo, nós descrevemos alguns exemplos das atribuições dos Agentes Censitários Supervisores e Agentes Censitários Municipais.

Agente Censitário Municipal

  • Acompanhar as atividades da coleta de dados, garantindo a perfeita cobertura da área territorial;
  • Acompanhar o Agente Censitário Supervisor no início da coleta da pesquisa urbanística;
  • Equipar, administrar, organizar e zelar pelo Posto de Coleta;
  • Acompanhar o registro de frequência dos Agentes Censitários Supervisores (ACS) e operar o sistema administrativo existente no Posto de Coleta;
  • Coordenar as reuniões de preparação e execução do Censo;
  • Participar das reuniões de preparação e execução do Censo;
  • Efetuar carga e descarga dos equipamentos do Censo Demográfico;
  • Manter contatos com autoridades responsáveis por instituições e entidades, imprensa e comunidade local, com o objetivo de divulgar e obter apoio para a adequada execução da operação censitária;
  • Organizar, com os Agentes Censitários Supervisores, o treinamento dos Recenseadores.

Agente Censitário Supervisor

  • Acompanhar os recenseadores em campo para esclarecimento de dúvidas quanto à identificação dos limites dos setores censitários e percursos;
  • Colaborar na organização e na administração do Posto de Coleta;
  • Planejar, organizar, supervisionar e avaliar a execução da coleta de dados realizada pelos Recenseadores;
  • Dirigir veículo oficial ou locado pela Instituição, caso possua habilitação;
  • Elaborar e transcrever textos e/ou planilhas em dispositivos eletrônicos;
  • Fazer registros administrativos e de controle da coleta de dados;
  • Fazer uso dos relatórios gerenciais e adotar as providências necessárias para corrigir as falhas observadas;
  • Utilizar os equipamentos de proteção individual (EPIs) distribuídos pelo IBGE.

Concurso IBGE: edital e informações

Para obter mais informações sobre o processo seletivo do IBGE, acesse o site da FGV. Leia todos os editais completos antes de se inscrever e, caso restem dúvidas sobre o processo seletivo, ligue para o telefone 0800-2834628 ou envie mensagem para o e-mail [email protected]

Leia também

você pode gostar também