Cursos online gratuitos do Senac; veja como se inscrever

As opções contemplam áreas distintas do conhecimento, como marketing, segurança, economia, vendas, turismo, gestão.

Atualmente, existem cerca de 30 cursos online gratuitos que estão sendo disponibilizados pelo Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial). As opções contemplam áreas distintas do conhecimento, como marketing, segurança, economia, vendas, turismo, gestão, inteligência para negócios e meio ambiente.

Por serem cursos ministrados via internet e de maneira gratuita, é possível acessar as aulas em qualquer lugar do país. Ao final dos módulos, os participantes do Programa Senac Gratuidade deverão realizar uma prova para verificar os conhecimentos obtidos.

Quem conseguir aproveitamento igual ou superior a 70%, por sua vez, receberá um certificado. Mais informações podem ser obtidas diretamente no site do programa.

Requisitos para fazer os cursos gratuitos do Senac

O Programa Senac Gratuidade é destinado para pessoas de baixa renda. Por isso, é necessário atender a alguns requisitos mínimos:

  • Renda familiar de até dois salários mínimos mensais (R$ 2.200,00);
  • Preencher formulário com dados pessoais e atualizados;
  • Realizar uma autodeclaração de renda;
  • Assinar um termo de veracidade em relação a todas as informações prestadas no ato do cadastro.

Seleção

O Senac possui unidades em todos os estados brasileiros. Por essa razão, os interessados devem verificar em qual delas está sendo oferecido o curso em específico. O processo seletivo dos candidatos levará em consideração os seguintes critérios:

  • Seleção por estado do país, dependendo da oferta de vagas;
  • Seleção para o curso oferecido, conforme disponibilidade;
  • Classificação conquistada pela ordem de inscrição no curso;
  • Comprovação de que a pessoa tenha toda a documentação mínima para matrícula no curso do Senac.

De acordo com o Senac, os cronogramas dos cursos constam no guia “Sobre o Curso”. Quem quiser tirar dúvidas ou obter mais informações, dessa maneira, poderá entrar em contato com a unidade do estado em que reside.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Ler mais