Confira novas regras para tirar/renovar CNH em 2022

Com as alterações no Código de Trânsito Brasileiro, os condutores precisam ficar atentos aos critérios para renovação e emissão da CNH, pois houveram grandes alterações na lei.

Em abril de 2021, entrou em vigor a lei 14.071, proposta originalmente em 2020. Basicamente, o texto alterou o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e modificou uma série de critérios para quem quer tirar ou renovar a CNH, principalmente no contexto das novas punições e penalidades relacionadas às infrações de trânsito.

Leia também

Somada a essa ampliação na legislação atual, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) também estabeleceu novas regras para o processo de formação de condutores, seguindo as mudanças previstas no CTB. No geral, as mudanças estabelecidas pelo Contran afetam principalmente a emissão e renovação da CNH, confira mais a seguir:

Como tirar ou renovar a CNH em 2022?

A princípio, as alterações estabelecidas pelo Contran preveem que o processo de emissão da habilitação dure cerca de 12 meses, ainda que os critérios de elegibilidade para abrir o recurso administrativo não tenham sido modificados.

Ademais, as autoridades estaduais de trânsito serão obrigadas a notificar os condutores sobre o vencimento do documento. Mais especificamente, a notificação deve ser enviada 30 dias antes por meio eletrônico, podendo ser feita através do aplicativo da Carteira de Habilitação Digital.

Disponível para Android e iOS, a plataforma também oferece informações sobre recall, multas e realização de exames necessários para manutenção do documento.

No entanto, a partir do momento em que o condutor for notificado sobre o vencimento da habilitação, é de inteira responsabilidade dele buscar o Departamento Estadual de Trânsito da sua região para atender ao procedimento de atualização. De acordo com as novas regras, o período de renovação foi modificado:

  • A cada 10 anos para os condutores que possuem idade inferior a 50 anos;
  • A cada 5 anos para condutores com idade igual ou superior a 50 anos e inferior a 70 anos;
  • A cada 3 anos para condutores com idade igual ou superior a 70 anos.

Entretanto, se os profissionais do departamento de trânsito perceberem indícios de deficiência física ou mental, assim como qualquer percepção relativa à progressão de doença que atinge a capacidade de conduzir veículos, o período pode ser diminuído. Porém, é necessário que o perito examinador envie uma solicitação formal.

Em todos os casos, as regras também exigem que os condutores realizem novos exames de aptidão física e mental a cada 10 anos. No entanto, serão considerados somente os resultados que forem emitidos por clínicas autorizadas e associadas ao departamento de trânsito.

Ademais, os motoristas das categorias C, D e E deverão realizar novos exames toxicológicos para comprovar a aptidão a conduzir os veículos habilitados.

Como funciona o processo de emissão da CNH?

Acima de tudo, os solicitantes precisam atender aos requisitos antes de iniciar o processo para emissão da habilitação. Sendo assim, somente os brasileiros com 18 anos completos, alfabetizados e com dados regulares em relação à Receita Federal podem solicitar, pois é necessário ter o CPF regular e um comprovante de residência.

Os cidadãos que desejam obter a CNH devem preencher um formulário de inscrição online e pagar a taxa de inscrição. Posteriormente, serão agendados os exames psicotécnicos, assim como o de aptidão física e mental, fundamentais para comprovar a capacidade de dirigir.

Ao longo do processo, é mandatório cumprir 45 horas no curso teórico e técnico, onde serão ensinadas as informações sobre a legislação de trânsito, boas condutas e procedimentos técnicos. Do mesmo modo, deve-se cumprir a carga horária mínima de 20 horas de aulas práticas na categoria pretendida, através de uma autoescola.

Somente após o cumprimento desses requisitos pode-se realizar a prova teórica e a prova prática, com o pagamento das taxas de cada exame. Com a aprovação em ambos, o condutor recebe a Permissão para Dirigir provisória, e pode obter a CNH definitiva após 12 meses, desde que não cometa nenhuma infração de trânsito e nem seja penalizado.

Leia também


você pode gostar também

Tem inglês fluente? Veja 5 profissões ideais para você e que pagam bem

Se você domina bem a língua inglesa, conheça cinco profissões que exigem inglês fluente e que pagam bem.

Dias contados: estes 11 carros vão SAIR de linha a partir de 2023

Os carros que vão sair de linha a partir de 2023 incluem modelos populares e de grande adesão dos brasileiros, como é o caso do Volkswagen Gol e do Fiat Uno.

Garçonete recebe gorjeta de R$ 15,5 mil e chora de tristeza depois. Saiba o motivo

Esta gorjeta acabou indo parar nas barras dos tribunais e envolve a garçonete, o cliente e o restaurante. Confira a matéria completa!

Concurso INSS: qual a nota mínima para ser aprovado nas provas?

As regras e normas do concurso INSS estão previstas no edital, onde os candidatos podem acessar as informações sobre qual a nota mínima para ser aprovado nas provas objetivas.

Pensão alimentícia: definição, principais regras e novas mudanças

Está estudando para um disputado certame da área jurídica? Conheça as particularidades da pensão alimentícia, que faz parte do conteúdo programático de vários editais.

Quer passar na prova teórica da CNH? Veja 5 dicas para se dar bem

Saiba como passar na prova teórica da CNH através de cinco dicas incríveis e aumente as chances do seu sonho se tornar uma realidade.