Concurso Jucepa: banca definida; edital sairá em breve

Estão previstas 15 vagas no concurso Jucepa (Junta Comercial do Estado do Pará), que deve acontecer no segundo semestre de 2021.

O concurso Jucepa (Junta Comercial do Estado do Pará) está cada vez mais próximo de ser lançado, ofertando 15 vagas de níveis médio e superior! A novidade mais recente é a escolha da Fundação CETAP como banca organizadora, responsável por todas as etapas do certame. O resultado foi publicado na página 10 da edição desta quarta-feira (19/05) do Diário Oficial do Estado.

“Seguimos com a realização de concursos no Estado, para que mais pessoas ingressem na atividade pública por meio de concursos públicos, e dessa forma reforcem o quadro de servidores, além de buscarmos incessantemente aperfeiçoar os serviços disponibilizados para a população”, afirmou Josynélia Raiol, secretária adjunta de Gestão de Modernização da Secretaria de Planejamento e Administração (Seplad).

De acordo com o documento publicado na Imprensa Oficial do Estado, a Fundação CETAP também irá organizar os concursos Seplad PA, AGE PA (Auditoria Geral do Estado do Pará) e PGE PA (Procuradoria Geral do Estado do Pará). Veja:

“A realização de novos concursos faz parte do plano de melhorias da atual gestão na prestação de serviços à população, além de priorizar o ingresso na atividade pública por meio de concursos, o que também traz mais desenvolvimento ao nosso Estado. Seguimos trabalhando sempre em prol da nossa sociedade e em poder gerar mais oportunidades”, afirmou a secretária titular da Seplad, Hana Ghassan.

Situação atual do concurso Jucepa

No dia 24 de novembro de 2020, a Junta Comercial do estado do Pará publicou a portaria nº 307/2020, informando que o certame já tinha comissão especial formada. A partir disso, foi dado início ao processo de contratação da banca organizadora. Além da vencedora, Fundação CETAP, participaram do processo licitatório para cuidar do concurso Jucepa as seguintes empresas:

  • Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades);
  • Consultoria e Planejamento em Administração Pública (Consulplan); e
  • Instituto AOCP .

Com a banca escolhida, o próximo passo é o lançamento do edital, que está previsto para acontecer no segundo semestre de 2021. Segundo informações da Agência Pará, a seleção irá ofertar 15 vagas imediatas, sendo 10 para profissionais de nível superior e as outras cinco para nível médio. No entanto, os cargos ainda não foram divulgados.

“Seguimos todos os dispositivos legais, além dos protocolos de segurança no combate à Covid-19 para que novos concursos sejam realizados no Estado, tendo em vista o ingresso de novos servidores por meio de concursos”, pontuou a secretária Ghassan. 

Concurso Jucepa: etapas e provas

É possível que o novo concurso Jucepa conte com duas etapas, sendo uma de prova objetiva e outra de prova de títulos. Isso porque os certames anteriores tiveram fases similares. Mas essa informação só será confirmada após a publicação do edital. Os interessados em participar da seleção podem montar um cronograma de estudos e começar a se preparar com base em conteúdos dos editais passados.

O que cai na prova do concurso Jucepa?

Veja quais conteúdos podem ser cobrados:

Língua Portuguesa

  • Leitura, compreensão e interpretação de texto(s) original(is) ou adaptado(s), de natureza diversa: descritivo, narrativo e dissertativo, e de diferentes gêneros, como por exemplo: poema, crônica, notícia, reportagem, editorial, artigo de opinião, texto ficcional, texto argumentativo, informativo, normativo, charge, tirinha, cartun, propaganda, ensaio e outros;
  • Conhecimentos lingüísticos gerais e específicos relativos à leitura e interpretação de texto, recursos sintáticos e semânticos, do efeito de sentido de palavras, expressões e ilustrações. 3- Interpretação de recursos coesivos na construção de texto;
  • Conteúdos gramaticais e conhecimento gramatical de acordo com o padrão culto da língua: 4.1. FONÉTICA: acento tônico, sílaba, sílaba tônica, ortoépia e prosódia; 4.2. ORTOGRAFIA: divisão silábica, acentuação gráfica e correção ortográfica. Morfologia, sintaxe, semântica e pontuação.

Noções de Informática

  • Conceitos básicos relacionados a hardware, software, computadores e periféricos;
  • Conceitos básicos relacionados ao Windows e suas funcionalidades: ícones, atalhos de teclado, janelas, arquivos, pastas, programas, aplicativos Word, Excel e Power Point;
  • Conceitos básicos de Internet e Intranet: browsers, correio eletrônico, sites de busca e pesquisa, grupos de discussão, segurança em rede e na Internet;
  • Conceitos básicos de tarefas e procedimentos de informática: armazenamento de dados e realização de cópia de segurança (backup), organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas, dispositivos para proteção de equipamentos de sistemas de informática (no-breaks, estabilizadores e filtro de linha).

Matemática

  • Conjuntos;
  • Razão e Proporção;
  • Regra de Três Simples e Composta;
  • Porcentagem;
  • Juros Simples e Composto;
  • Descontos Simples;
  • Equações, Sistemas e Problemas envolvendo Variáveis do 1º e 2º Graus;
  • Relações Métricas e Trigonométricas no Triângulo;
  • Problemas que envolvam Figuras Planas;
  • Funções;
  • Sistemas Legais de Medidas.

Noções de Administração Pública

  • Princípios Constitucionais da Administração Pública: Princípios Explícitos e Implícitos;
  • Ética na Administração Pública;
  • Administração Pública: Organização administrativa; Centralização; Descentralização. Desconcentração; Órgãos públicos; Administração Indireta da Administração; Autarquias; Fundações Públicas; Empresas Públicas e Sociedades de Economia Mista;
  • Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos Civis da Administração Direta, das Autarquias e das Fundações Públicas do Estado do Pará – Lei Nº 5.810/94, de 24/01/94;
  • Atos Administrativos: Conceito; Atributos; Elementos; Classificação; Vinculação e discricionariedade; Anulação; Revogação e Convalidação;
  • Lei Nº 8.666/1993 – Licitação: Conceito; Princípios; Modalidades; Procedimentos; Dispensa e inexigibilidade; Revogação e anulação; Sanções Administrativas;
  • Contrato Administrativo: Características; Formalização; Execução e Rescisão; Espécies;
  • Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar nº 101/2000);
  • Convênios;
  • Bens Públicos: Conceito; Classificação; Afetação e desafetação; Formas de aquisição e alienação de bens públicos; Formas de utilização dos bens públicos pelos particulares; Desapropriação;
  • Lei Federal 8.934/94 de 18/11/1994 atualizada;
  • Decreto Federal 1.800/96 de 30/01/1996 atualizado.

Último concurso Jucepa

No último concurso da Jucepa, lançado em 2008, foram ofertadas 91 vagas. A execução do certame ficou sob a responsabilidade da Universidade da Amazônia (UNAMA). 

Os cargos disponíveis foram de níveis superior e médio/técnico, assim distribuídos:

  • Técnico do Registro Mercantil – Administração;
  • Técnico do Registro Mercantil –  Ciências Contábeis;
  • Técnico do Registro Mercantil –  Ciências Econômicas;
  • Técnico do Registro Mercantil – Direito;
  • Técnico em Administração e Finanças – Administração;
  • Técnico em Administração e Finanças – Ciências Contábeis;
  • Técnico em Administração e Finanças – Serviço Social
  • Técnico em Administração e Finanças – Psicologia;
  • Técnico em Administração e Finanças – Pedagogia;
  • Técnico em Administração e Finanças – Biblioteconomia;
  • Técnico em Administração e Finanças – Estatística
  • Técnico em Informática do Registro Mercantil;
  • Assistente de Registro Mercantil; e
  • Motorista.

Os interessados no concurso pagaram uma taxa de R$ 60,00 para as vagas de nível superior e R$ 40,00 para o nível médio.

Como foram as etapas do último concurso Jucepa?

O certame da Junta Comercial de 2008 contou com prova escrita objetiva obrigatória para todos os candidatos. A avaliação contou com questões de múltipla escolha acerca de conhecimentos básicos e específicos de cada cargo. Essa etapa foi realizada na capital do estado, Belém.

Além disso, o concurso Jucepa também contou com prova de títulos para os cargos de nível superior. Na época, foram considerados como critérios de pontuação certificados de:

  • Doutorado;
  • Mestrado;
  • Especialização;
  • Aprovação em concurso público;
  • Experiência profissional.

Para ter acesso ao edital completo do último concurso, clique no link disponível no final desta notícia.

Último processo seletivo Jucepa

O edital n° 01/2018 do último processo seletivo simplificado da Jucepa visou a contratação de profissional temporário de nível superior, para atuar em municípios paraenses. 

As nove vagas existentes foram as seguintes:

  • Abaetetuba: Técnico do Registro Mercantil (01 vaga);
  • Belém: Técnico do Registro Mercantil (03 vagas) e Técnico em Informática do Registro Mercantil (01 vaga);
  • Castanhal: Técnico do Registro Mercantil (01 vaga);
  • Marabá: Técnico do Registro Mercantil (01 vaga);
  • Parauapebas: Técnico do Registro Mercantil (01 vaga);
  • Santarém: Técnico do Registro Mercantil (01 vaga).

Para todos os cargos a remuneração foi de R$ 3.483,60 em jornadas de 30 horas semanais. As inscrições puderam ser realizadas no link de seleções do estado

Os candidatos passaram por análise curricular a partir dos títulos e documentos apresentados. Houve ainda uma entrevista de caráter classificatório e eliminatório.

Sobre a Jucepa: quase um século e meio de existência

A Jucepa presta serviços direcionados para a classe empresarial. Ela dá legalidade aos atos do registro público de empresa mercantil e disponibiliza informações mercantis à sociedade. A instituição foi criada pelo Governo Imperial de D.Pedro II, em 30 de novembro de 1876, por meio de um ato administrativo assinado pela Princesa Izabel.

Trata-se de uma autarquia estadual que possui autonomia administrativa e financeira. Seus serviços são equivalentes ao das Câmaras de Comércio existentes em outros países. Seu vínculo administrativo se dá diretamente com a Secretaria de Estado da Fazenda do Pará (Sefa). Todo empreendimento comercial dentro do estado somente adquire personalidade jurídica após ser registrado na Junta Comercial.

No dia 30 de novembro de 2020 a Junta celebrou seus 144 anos de existência. O evento foi registrado pela assessoria da instituição, tendo ocorrido no salão nobre da Associação Comercial do Pará, em Belém.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais