FGTS: prazo para sacar até R$ 1 mil termina em breve; veja quem pode

Em abril deste ano, o governo liberou o saque de até R$ 1 mil de contas ativas e inativas do FGTS, mas 12 milhões de trabalhadores ainda podem resgatar o valor.

Aproximadamente 12 milhões de trabalhadores ainda não realizaram o saque extraordinário do FGTS. Com um montante de R$ 8 bi disponível para resgate, o prazo para o saque termina no dia 15 de dezembro deste ano. Caso o trabalhador não realize o saque, o valor retornará à conta vinculada ao fundo.

Leia também

O crédito fica disponível de forma automática nas contas dos beneficiários e pode ser consultado pelo aplicativo do Caixa Tem, disponível para download gratuito no Google Play e na Apple Store. Após a solicitação, o valor é creditado na conta digital aberta no app em até 15 dias.

O que é o saque extraordinário do FGTS?

Após algumas parcelas do FGTS serem liberadas pelo governo federal durante a pandemia de COVID-19, no início deste ano foi liberado o “saque extraordinário”. Mais de 40 milhões de brasileiros, que têm saldo em conta no Fundo de Garantia, podem ter acesso ao valor.

A disponibilização de R$ 1.000,00 extras na conta dos trabalhadores visa auxiliar sua condição financeira e contribuir para a recuperação da economia. A última liberação aconteceu no último mês de junho, quando mais de 3 milhões de trabalhadores tiveram recursos disponibilizados em seu nome.

Vale destacar que o saque do FGTS não é obrigatório. Quem desejar pode permanecer com a quantia depositada, sem a necessidade de utilização.

Quem tem direito ao FGTS?

O FGTS é um direito de todos os trabalhadores que possuem Carteira de Trabalho assinada, assim como de trabalhadores domésticos e rurais, temporários, intermitentes e avulsos, e atletas profissionais.

Para ter direito ao saque extraordinário do FGTS, o empregado deve contribuir mensalmente no início do mês, com um valor que corresponde a 8% do salário bruto. Este valor deve ser depositado em sua conta aberta na Caixa Econômica Federal.

Além disso, caso o trabalhador possua mais de uma conta no FGTS, o saque deverá ser efetuado primeiro das contas relacionadas aos trabalhos extintos; e após, o saque das outras contas vinculadas, iniciando sempre pelas de menor saldo.

Como realizar a movimentação do saldo?

Quando o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é liberado, você pode, através do aplicativo Caixa Tem, realizar o pagamento de contas e fazer compras utilizando seu cartão de débito virtual.

Você também pode transferir o valor do FGTS para outras contas, seja ela da Caixa ou de outro banco. É possível ainda realizar o saque nas casas lotéricas.

Quem não pode realizar o saque extraordinário do FGTS?

É importante deixar claro que, as pessoas que anteciparam o saque-aniversário do FGTS e, com isso, tiveram o saldo bloqueado na conta, não poderão mais retirá-lo durante esse período. Isso porque, o pagamento do saque extraordinário só poderá ser realizado nesta etapa pelas contas que estão com o recurso liberado.

Os principais motivos de bloqueio são: determinação judicial, dados inconsistentes, pedido de devolução de valor recolhido a maior pelo empregador e contratação de operação de crédito com antecipação do saque-aniversário do FGTS.

Caso os trabalhadores não tenham utilizado o saque do FGTS nos anos anteriores, estes deverão atualizar o seu cadastro para poder solicitar o saque no aplicativo do FGTS, não sendo necessário o comparecimento na agência bancária.

Em caso de dúvida, basta consultar o aplicativo FGTS, no menu “Saque extraordinário”, ou os demais canais oficiais da Caixa, como o telefone 4004-0104, para capitais e regiões metropolitanas, e o 0800-104-0104, para demais regiões.

Leia também


você pode gostar também

Aposentados podem se tornar MEIs sem perder o benefício do INSS?

A crise econômica está forçando os aposentados a consultarem a possibilidade de se tornar MEIs sem perder o benefício do INSS, mas existem regras sobre isso na legislação previdenciária.

Auxílio Brasil: veja quem tem prioridade para ser aprovado no programa

Os inscritos no Auxílio Brasil devem aguardar os procedimentos do Ministério da Cidadania para receber os pagamentos, mas existe um público que tem prioridade para ser aprovado no programa.

Auxílio Brasil terá calendário diferente em dezembro; entenda

O Auxílio Brasil é um programa social do Governo Federal que atende as famílias vulneráveis. Confira calendário de dezembro e o valor das parcelas.

Bolada do INSS de até R$ 72,7 mil: saiba consultar se você tem dinheiro a receber

Beneficiários do INSS que ganharam ações podem ter valores a receber. O dinheiro será pago a mais de 100 mil segurados do instituto.

Auxílio Moradia em São Paulo: confira regras e quem tem direito

Confira abaixo detalhes sobre o Auxílio Moradia, programa disponível no estado de São Paulo, e entenda quais famílias podem ter direito ao benefício.

Calendário Saque FGTS 2023: veja todas as datas previstas para ano que vem

O calendário FGTS 2023 vai contar com 12 saques na modalidade aniversário. Essa é optativa e deve ser solicitada até o mês de resgate.