Auxílio Brasil de novembro será pago a partir desta semana? Veja o que se sabe

Por conta da antecipação das datas de outubro e agosto, resta a dúvida se Auxílio Brasil de novembro também será adiantado.

O pagamento das parcelas do programa Auxílio Brasil de outubro foi antecipado em uma semana. O recebimento dos valores, que teria começado no dia 18, foi iniciado no dia 11. Com a alteração, muitos beneficiários se perguntam se o Auxílio Brasil de novembro será pago a partir desta semana, com o início de um novo mês.

Leia também

A dúvida é válida, afinal, além de outubro, as datas também passaram por mudanças em agosto, tendo sido antecipadas de 9 a 11 dias. É comum que os valores sejam liberados na segunda quinzena do mês, por volta do dia 18.

Auxílio Brasil será pago a partir desta semana?

Apesar das alterações nos últimos meses, até o momento, as datas do calendário do Auxílio Brasil para novembro não foram modificadas. Assim, elas devem seguir o cronograma regular do programa, caso o governo não oficialize a antecipação das datas.

Vale lembrar que cada dia de envio das parcelas segue a ordem do dígito final do Número de Identificação Social (NIS). Assim, os dias de recebimento do mês de novembro são os seguintes:

  • NIS final 1: 17 de novembro;
  • NIS final 2: 18 de novembro;
  • NIS final 3: 21 de novembro;
  • NIS final 4: 22 de novembro;
  • NIS final 5: 23 de novembro;
  • NIS final 6: 24 de novembro;
  • NIS final 7: 25 de novembro;
  • NIS final 8: 28 de novembro;
  • NIS final 9: 29 de novembro;
  • NIS final 0: 30 de novembro.

Como consultar as parcelas do Auxílio Brasil

Os valores recebidos podem ser consultados pelos beneficiários por meio do CPF. Neste sentido, uma das formas mais fáceis e rápidas é por meio da central de atendimento, no número 111, da Caixa, ou no número 121, do Ministério da Cidadania.

Durante a ligação, o RF (Responsável Familiar) deve informar seu CPF e outros dados que comprovem a identidade para um dos técnicos. A partir de então, só é preciso escolher o programa social ao qual a consulta será feita.

Da mesma forma, as informações estão disponíveis nos aplicativos do Auxílio Brasil ou Caixa Tem, também por meio do CPF e de uma senha durante o login.

Sobre o programa

O Auxílio Brasil é um programa do governo baseado na transferência direta e indireta de renda. Sua missão é superar a situação de vulnerabilidade social do país, por meio da gerência do Ministério da Cidadania e pagamentos da CAIXA.

Inicialmente, o repasse médio recebido pelos beneficiários neste ano era de R$ 408,80. A partir de agosto, porém, o valor subiu para R$ 600, atualização que faz parte da PEC Kamikaze, proposta que prevê gastos de R$ 41,2 bilhões para auxílios, que deve valer até dezembro.

Tais valores são destinados especificamente às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza. No caso da situação de pobreza, também é necessário que a família tenha entre seus membros jovens de até 21 anos, mães que amamentam ou gestantes.

É essencial ter em mente que a situação de extrema pobreza é configurada por famílias com renda mensal per capita de até R$ 105. Já a situação de pobreza inclui grupos com renda mensal per capita entre R$ 105 e R$ 210.

A participação do programa é computada a partir do momento em que a família se inscreve no Cadastro Único, base de dados do governo responsável pelos benefícios mais importantes do país. É importante ter os dados atualizados nos últimos dois anos para evitar a suspensão ou cancelamento do Auxílio Brasil.

Leia também


você pode gostar também

Tarifa Social de Energia: confira as faixas de desconto do benefício

A Tarifa Social de Energia oferece isenções ou descontos na conta de luz para cidadãos que se enquadrem em seus requisitos. Confira quais são.

Novo pente-fino do Auxílio Brasil poderá ser realizado em 2023

Com a transição de governo em 2023, um novo pente-fino do Auxílio Brasil poderá ser realizado para a adequação dos planos do presidente eleito nas últimas eleições.

BPC: saiba quando crianças podem ter acesso às parcelas de R$ 1,2 mil

As crianças podem ter acesso às parcelas do BPC, desde que cumpram alguns critérios de elegibilidade. Confira quais são.

BPC de novembro ainda terá 7 saques; veja calendário completo

Pagamentos do BPC de novembro continuam sendo realizados pelo INSS. Benefício paga um salário mínimo.

O que pode servir como prova de vida do INSS a partir de 2023?

O INSS começará a utilizar as bases de dados públicos para realizar a Prova de Vida. Veja o que servirá para efetivar o procedimento.

PEC da Transição prevê Bolsa Família de R$ 600 e adicional de R$ 150 em 2023

Novo governo espera que PEC de Transição seja aprovada o quanto antes para garantir pagamentos do Bolsa Família de R$ 600 e outras despesas.