INSS paga benefício de quase R$ 9 MIL; veja quem recebe o adicional

Alguns aposentados do INSS têm direito a adicional sobre os pagamentos mensais e podem chegar a um benefício de quase R$ 9 mil.

A Previdência Social oferece um acréscimo na aposentadoria para alguns casos específicos dentro do auxílio por incapacidade permanente. Com isso, trabalhadores que são aposentados por invalidez podem receber benefício de até quase R$ 9 mil do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Segurados que estiverem interessados em aumentar sua aposentadoria podem fazer a solicitação sem sair de casa. O Instituto realiza atendimento gratuito via telefone ou pela internet. Sendo assim, de acordo com o órgão, não é necessário comparecer presencialmente em uma unidade do INSS.

Quem recebe benefício de quase R$ 9 mil do INSS?

aposentadoria por invalidez, solicitar aposentadoria por invalidez
Foto: montagem / Wikimedia Commons – Canva PRO

O adicional sobre a aposentadoria é fixo e equivale a 25% sobre o pagamento mensal. Sendo assim, o valor final da aposentadoria depende de quanto o segurado já ganha.  Ou seja, quem recebe o piso de R$ 1.212, mesmo valor do salário mínimo, pode passar a ter parcelas mensais de R$ 1.515.

Seguindo essa lógica, o INSS paga benefício de quase R$ 9 mil para quem tem acesso ao teto da Previdência, que está em R$ 7.087,22 em 2022. Essas pessoas podem ganhar R$ 8.859,02 se cumprirem todos os requisitos do repasse. São eles:

  • Ter direito à aposentadoria por invalidez (você pode já estar recebendo os pagamentos ou aguardando o fim da análise);
  • Precisar da ajuda de terceiros para realizar tarefas do dia a dia, como se alimentar e tomar banho.

Vale ressaltar que esse acréscimo também recai sobre o 13° salário. Entre as situações em que o aposentado por invalidez tem direito aos 25% a mais estão:

  • Cegueira total;
  • Perda de braços ou pernas, sem a possibilidade de usar prótese;
  • Perda de pés e/ou mãos, mesmo que o segurado possa usar prótese;
  • Doença que deixe a pessoa acamada;
  • Perda de nove ou todos os 10 dedos das mãos.

Como fazer o pedido do adicional do INSS?

benefícios do INSS, benefícios pouco conhecidos do inss, Benefícios desconhecidos INSS, benefícios INSS
Foto: montagem / Pixabay – Canva PRO

A solicitação, conforme informado anteriormente, pode ser feita em casa por meio da internet. Os aposentados devem acessar o portal Meu INSS e seguir o passo a passo abaixo:

  1. Entrar com CPF e senha cadastrados (os mesmos utilizados para fazer a sua conta do Gov.BR);
  2. Selecionar a opção de “Agendamentos/Requerimentos”;
  3. Clicar em “novo requerimento” e depois em “avançar”;
  4. Na barra de pesquisa, digitar “adicional de 25%” ou “acréscimo de 25%”;
  5. Procurar na lista de benefícios e clicar sobre o que você quer solicitar;
  6. Ler todas as informações sobre o repasse e seguir as demais instruções da plataforma.

O procedimento também pode ser realizado pela Central de Atendimento da Previdência, ligando no número 135. O serviço fica disponível de segunda-feira a sábado, no período de 7h às 22h pelo horário de Brasília.

Quanto tempo até receber o adicional de 25%?

Depois do pedido online, quem tiver direito ao benefício de quase R$ 9 mil ou valores menores pelo INSS precisará passar por perícia médica. Esse procedimento é realizado presencialmente numa unidade do Instituto, conforme dia e hora marcados. É importante que o segurado leve consigo:

  • Documento de identificação com foto;
  • Laudos médicos assinados;
  • Exames médicos originais.

O tempo de espera para a análise é de cerca de 30 minutos. Dependendo da situação, é possível obter avaliação médica domiciliar ou hospitalar. Assim que o perito terminar o procedimento, a Previdência Social tem um prazo de até 45 dias para dar a resposta sobre o pagamento.

Leia também

você pode gostar também

Calendário do INSS: aposentadoria é depositada para mais um grupo

Nesta sexta-feira, o INSS também paga o benefício a pensionistas e a trabalhadores que recebem o auxílio-doença; veja o calendário de janeiro.

Como saber quanto vou receber de Abono PIS/Pasep? Saiba calcular

Com a chegada de 2023, muitos trabalhadores passam a aguardar pela liberação dos valores do abono PIS/Pasep. Saber quanto irá receber é essencial para se organizar durante os envios.

Desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito

Projeto de Lei está tramitando na Câmara dos Deputados. Caso seja aprovado, população de baixa renda e desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito.

CadÚnico dá direito à isenção em concurso público? Entenda as regras

Pagar a taxa de inscrição para participar de concursos públicos pode desestruturar as finanças de muitas pessoas; veja se o cadastro no banco de dados do governo ajuda.

Auxílio Gás terá sua primeira parcela de 2023 em fevereiro; confira o valor

O pagamento do Auxílio Gás, benefício destinado às famílias de baixa renda, ocorre a cada dois meses. A primeira parcela deste ano será paga em fevereiro.

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.