INSS: lote EXTRA do abono será pago no final do ano; veja calendário

Segundo as regras do instituto, todos os segurados que recebem aposentadoria, pensão por morte e auxílios específicos têm direito ao 13º salário INSS.

13º salário do INSS para aposentados e pensionistas foi antecipado no primeiro semestre deste ano, com os pagamentos sendo iniciados em 25 de abril e encerrando em 7 de junho. Contudo, segurados que começaram a receber os benefícios previdenciários a partir de maio devem receber lote do abono no final do ano.

Leia também

Dessa maneira, o pagamento deve ser realizado por meio de cota única, paga ainda no final de 2022. A antecipação era um direito de todos os segurados que, durante este ano, receberam auxílio por motivos como incapacidade temporária, aposentadoria, pensão por morte e modalidades como auxílio-acidente e reclusão.

Vale ressaltar que a gratificação não será paga aos cidadãos que recebem benefícios assistenciais, como o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e Renda Mensal Vitalícia.

INSS: lote EXTRA do abono será pago no final do ano

Os beneficiários que começaram a receber seus valores a partir de maio tiveram as cotas únicas destinadas aos meses de novembro e dezembro de 2022. É importante salientar, no entanto, que o instituto faz a divisão dos pagamentos pelos segurados que recebem até um salário mínimo e aqueles que recebem acima disso.

Dessa maneira, há dois calendários distintos. Enquanto o primeiro vai de novembro a dezembro, o segundo segue por cinco dias em dezembro. O 13º salário do INSS é calculado de acordo com a renda prevista para o último mês de 2022 ou por meio do mês da alta ou cessação programada deste benefício.

Para saber o dia correto do pagamento, o cidadão precisa se atentar ao número de seu benefício, pois cada um é composto por uma numeração única, com um padrão de 10 dígitos, o chamado Número do Benefício (NB). O dígito que vale para saber a data de recebimento é sempre o penúltimo.

Confira, logo a seguir, o calendário do lote do 13º salário para aqueles que recebem um valor de até um salário mínimo:

  • Penúltimo Número do Benefício 1: 24 de novembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 2: 25 de novembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 3: 28 de novembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 4: 29 de novembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 5: 30 de novembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 6: 1 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 7: 2 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 8: 5 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 9: 6 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 0: 7 de dezembro.

Já os segurados que recebem quantias acima de um salário mínimo devem se orientar pelo seguinte calendário:

  • Penúltimo Número do Benefício 1 ou 6: 1 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 2 ou 7: 2 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 3 ou 8: 5 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 4 ou 9: 6 de dezembro;
  • Penúltimo Número do Benefício 5 ou 0: 7 de dezembro.

Como realizar a consulta do 13º salário do INSS?

13º salário do INSS, INSS pagamentos
Foto: montagem / Pixabay – Canva PRO

Os segurados podem conferir os valores disponíveis por meio de ligação telefônica, pelo site ou, ainda, pelo aplicativo. Quem decidir realizar a consulta através do aplicativo pode acessar o Meu INSS, disponível para Android e iOS. Será necessário buscar pela aba de benefícios listados no menu de funcionalidades disponíveis.

Quanto à consulta pelo telefone, será preciso entrar em contato com a Central de Atendimento pelo número 135. Por meio da ferramenta, o segurado deve informar o número do seu CPF e outras informações cadastrais para confirmar sua identidade e evitar fraudes.

Em seguida, é necessário informar qual o benefício que deseja consultar e aguardar o atendente realizar a pesquisa na plataforma. No geral, o atendimento é realizado de segunda a sábado, entre 7h e 22h.

Por fim, os segurados também podem fazer as consultas por meio do site do Meu INSS, que reúne os serviços digitais do instituto. Com o login na tela inicial, deve-se selecionar a opção “Extrato de Pagamento” para consultar detalhes como valores, data e instituição financeira responsável pela transferência.

Leia também


você pode gostar também

Auxílio Brasil dobrado em dezembro: veja quem pode receber até R$ 1,2 mil

Auxílio Brasil dobrado em dezembro é uma possibilidade para pessoas que cumprirem regras específicas do programa.

BPC bloqueado ou suspenso? Saiba como reativar o benefício de R$ 1,2 mil

Falta de atualização cadastral é um dos principais motivos para o bloqueio do benefício, pago a um grupo específico de contribuintes previdenciários.

Aposentadoria: saiba quem tem direito ao adicional de 25% no valor

Alguns aposentados do INSS têm direito a receber um adicional de 25% no valor de seus benefícios mensais. Veja como funciona essa regra.

BPC: saiba se o benefício pode ser acumulado com aposentadoria

Por ter natureza assistencial, o BPC gera algumas dúvidas em seus beneficiários. Uma delas é se o benefício pode ser acumulado com aposentadoria. Se você também tem essa dúvida, confira neste texto a resposta.

Minha Casa Minha Vida: comissão aprova projeto para renegociação de dívidas

O objetivo do projeto é oferecer aos beneficiários a oportunidade de regularizar sua situação com descontos sobre multas e juros moratórios. Descubra neste texto o que falta para o projeto virar lei.

Salário-Maternidade Urbano do INSS: veja regras oficiais e como solicitar

Benefício é cedido a pessoas que precisam se afastar do trabalho ao completarem uma gestação e em outras situações como adoção, por exemplo.