Saque duplo do FGTS de R$ 4,9 mil: veja regras e quem recebe em agosto

Em agosto, existe a possibilidade de obter o saque duplo do FGTS. Valores podem alcançar R$ 4,9 mil, dependendo do caso.

Em agosto, o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço disponibiliza aos trabalhadores brasileiros um saque duplo do FGTS, referente à  modalidade de aniversário e também ao repasse extraordinário de até R$ 1 mil. Neste sentido, ambas modalidades seguem regras específicas, assim como um calendário definido para solicitação dos valores.

Em alguns casos, a previsão é de que os profissionais consigam mais de R$ 4,9 mil que são garantidos por meio da Caixa Econômica Federal. Sendo assim, é necessário ficar atento às condições para o saque, assim como as datas específicas para cada grupo. Entenda mais a seguir:

Abono duplo do FGTS

1. Saque-aniversário do FGTS para nascidos em agosto

O saque-aniversário consiste em uma modalidade opcional onde, anualmente, no período do aniversário, o trabalhador poderá retirar parte do saldo disponível na sua conta vinculada ao fundo. No entanto, caso o trabalhador opte pela modalidade, não poderá sacar o valor integral da conta em caso de demissão sem justa causa.

Com lançamento em abril de 2020, o saque-aniversário foi adotado por mais de 21 milhões de trabalhadores, com mais de R$ 31 milhões movimentados na economia brasileira. Sendo assim, é regulamentado e instituído pela Lei 13.932 de 2019, que permite o saque tanto das contas ativas quanto das inativas.

Em todos os casos, os trabalhadores poderão optar por essa modalidade pelo aplicativo do FGTS, disponível para Android e iOS, mas também pelo site do fundo e pelo internet banking da Caixa Econômica Federal. Portanto, não é necessário comparecer presencialmente nas agências bancárias.

Em agosto, houve liberação do saque-aniversário para nascidos no respectivo mês. Esse público poderá sacar os valores até o dia 30 de setembro de 2022. Dependendo do caso, as quantias podem superar a faixa de R$ 3,9 mil. Veja as condições:

  • Quem tem saldo de até R$ 500: 50% das contas, mas sem parcela adicional. Total de até R$ 250;
  • Quem tem saldo de R$ 500,01 a R$ 1.000: 40% e parcela adicional de R$ 50. Total de até R$ 450;
  • Quem tem saldo entre R$ 1.000,01 e R$ 5.000: 30%, além de parcela adicional de R$ 150. Total de até R$ 1.650;
  • Aqueles com saldo de R$ 5.000,01 a R$ 10.000: 20% acrescido de parcela adicional de R$ 650. Total de até R$ 2.650;
  • Quem tem saldo entre R$ 10.000,01 e R$ 15.000: 15% e parcela adicional de R$ 1.150. Valor total de até R$ 3.400;
  • Aqueles com saldo na conta entre R$ 15.000,01 e R$ 20.000: 10%  e a própria parcela adicional de R$ 1,9 mil. Total de até R$ 3.900;
  • Para saldos acima de R$ 20.000: 5%, além de parcela adicional de R$ 2,9 mil. Total de ao menos R$ 3.900.

2. Saque extraordinário do FGTS

Com valor máximo de R$ 1 mil, essa modalidade foi liberada aos trabalhadores que possuam saldo nas contas, tanto as ativas quanto as inativas. Neste caso, o valor a ser solicitado é proporcional ao dinheiro disponível no nome de cada trabalhador, com retirada podendo ser realizada até 15 de dezembro.

Essa modalidade foi anunciada pela Caixa Econômica Federal em junho como uma das medidas do Governo Federal para contornar a crise econômica gerada pela pandemia da COVID-19. Sendo assim, acompanhou a antecipação do 13º salário do INSS para os aposentados e pensionistas do instituto.

No geral, o crédito é realizado automaticamente na conta do trabalhador e pode ser acompanhado pelo aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e iOS. Caso os valores não sejam depositados automaticamente, é possível solicitar a liberação dos valores com a instituição.

Atualmente, cerca de 42 milhões de trabalhadores estão aptos a receber os valores nessa modalidade, o que representa R$ 30 bilhões movimentados na economia. Portanto, os valores ficaram disponíveis em todas as contas do FGTS.

Detalhe importante: quem optou por não sacar o valor extraordinário do FGTS receberá os valores de volta nas contas correspondentes do fundo, conforme anunciou a Caixa. Cerca de R$ 9,2 bilhões serão devolvidos.

Leia também

você pode gostar também

Saque triplo do PIS/Pasep garante bolada de R$ 3 mil; veja quem recebe

Os trabalhadores poderão acessar o abono salarial em atraso do ano-base 2019 e também de 2020, assim como os valores do extinto Fundo PIS/Pasep, mas em casos específicos.

Auxílio permanente de R$ 1,2 mil para mulheres será pago em 2022?

Milhões de poderão ser beneficiados com o auxílio permanente de R$ 1,2 mil para mulheres. Veja previsão de pagamentos.

Saque PIS/Pasep é liberado para 10 milhões de pessoas; veja quem pode sacar

Cotas PIS/Pasep esquecidas contam com cerca de R$ 23 bilhões. Milhões de trabalhadores têm direito ao dinheiro.

Novo FGTS terá saque integral em 2022? Veja regras da nova proposta

Proposta do novo FGTS com saque integral para quem pedir demissão já está tramitando na Câmara dos Deputados.

Revisão da Vida Toda do INSS será aprovada em 2022? Veja quem pode pedir

Ainda em discussão nas Casas Legislativas, a medida enfrenta entraves políticos entre os ministros responsáveis, mas pode representar vantagens aos aposentados e pensionistas.

Licença-paternidade estendida: veja regras e como funciona em 2022

A licença-paternidade estendida consiste em uma iniciativa das companhias globais para fomentar a integração familiar aos trabalhadores que tiverem filhos, adotivos ou biológico.