CadÚnico: saiba atualizar os dados e obter o comprovante de cadastro

A atualização cadastral é obrigatória a cada dois anos, mas também diante de qualquer alteração na composição familiar, desde nascimentos, mortes ou casamentos.

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, conhecido como CadÚnico, consiste em um banco de dados para monitoramento e acompanhamento das famílias de baixa renda no Brasil. Através dessas informações, o Ministério da Cidadania realiza a inclusão de novos membros nos programas assistenciais do governo, garantindo auxílio financeiro para brasileiros em situação de vulnerabilidade social.

continua depois da publicidade

Por via de regra, a atualização dos dados deve ser realizada a cada dois anos, ou então diante de qualquer alteração no quadro familiar. Desse modo, não há riscos de perder os benefícios ou ser excluído dos programas. Neste sentido, estão incluídos os nascimentos, mortes, casamentos, mudanças de endereço ou alterações na renda familiar. Confira a seguir como atualizar essas informações:

Como atualizar os dados no CadÚnico?

Em primeiro lugar, o cidadão deve buscar espontaneamente um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) na região ou por um posto do CadÚnico na prefeitura para atualizar os dados. No entanto, o Governo Federal ou municipal podem solicitar a atualização das famílias por meio de cartas, extratos e ligações.

Leia também

No geral, o processo de revisão cadastral e averiguação é realizado anualmente pelo governo, como forma de garantir o atendimento e evitar fraudes nos sistemas dos programas sociais. Nesse caso, as informações dos integrantes da família passam por um processo de verificação, a partir de um cruzamento de dados com outras bases e cadastros.

Caso haja alguma irregularidade, as famílias são convocadas para atualizar os cadastros. Porém, se não atenderem à solicitação, correm o risco de ter os dados excluídos do CadÚnico e perder o acesso aos benefícios sociais. Preferencialmente, a atualização cadastral deve ser feita pelo Representante Familiar, responsável pela inscrição da família no sistema.

Pode-se conferir a situação cadastral por meio do aplicativo Meu CadÚnico, disponível para Android e iOS. Através dessa plataforma, é possível acessar os dados da família, imprimir o comprovante de cadastramento e também consultar se as informações estão desatualizadas. No entanto, existem outras formas de acessar o comprovante de inscrição.

Emitir o comprovante de inscrição no CadÚnico

O documento pode ser acessado pelo site do Ministério da Cidadania, responsável pelo Cadastro Único, mas também pelo aplicativo Meu CadÚnico (links acima). Ademais, as famílias podem solicitar o documento diretamente nos postos de atendimento do sistema, disponíveis em cada município.

Os comprovantes oferecem informações como Código Familiar, datas de cadastramento, faixa de renda familiar, nome completo, data de nascimento e Número de Inscrição Social (NIS) de cada um dos integrantes da família, bem como do Representante Familiar e a relação de parentesco de cada membro da família com este.  Além disso, oferece informações sobre a última atualização cadastral e a data limite para atualizar novamente.

Leia também

Concursos em sua
cidade