5 sinais de que seu relacionamento pode estar te prejudicando

Se você é concurseiro e está em um relacionamento, fique atento às atitudes do seu parceiro e veja se ele está de apoiando ou prejudicando.

Qualquer relação interpessoal requer um certo nível de confiança e conforto para poder dar certo, principalmente entre um casal. Quem é concurseiro sabe muito bem como é importante ter alguém ao seu lado durante todo o processo de estudar, fazer prova e ver os resultados.

Mas, às vezes, o relacionamento pode prejudicar seu desempenho em concursos. Quando duas pessoas decidem se unir e viver juntas, elas precisam contar com parceria, apoio e incentivo uma da outra.

Se você está se dedicando aos certames e não recebe nenhum suporte de quem está ao seu lado, talvez seja preciso rever algumas coisas. O Concursos no Brasil listou 5 sinais para você ficar atento.

1. A pessoa não apoia os seus estudos para concurso

A vida de concurseiro é muito cheia de altos e baixos. Nem sempre a aprovação vai vir rápido e, às vezes, mesmo que aconteça, a convocação pode demorar. Quem está passando por esses processos precisa ter com quem contar sempre. Se no seu relacionamento você não recebe esse apoio, talvez seja melhor repensar algumas coisas.

Repare se a pessoa que está ao seu lado:

  • Traz críticas negativas;
  • Reclama dos seus horários de estudo;
  • Diz que você nunca tem tempo para mais nada e só quer saber de estudar para concurso;
  • Acha que não vai dar em nada, porque tem concorrência grande;
  • Fala que você pode estudar o quanto for que as chances de passar são mínimas.

Essas atitudes podem mostrar que seu parceiro ou sua parceira não acredita no seu sonho de entrar para o funcionalismo. Talvez o relacionamento de vocês esteja te prejudicando e você precise ter uma conversa séria com essa pessoa.

2. A pessoa não se importa com suas realizações

Existem vários sinais de que alguém não te faz bem e um deles é quando a pessoa diminui as suas conquistas. Vamos supor que você tenha passado no concurso dos sonhos. O que se espera é que seu parceiro ou sua parceira te parabenize, mas isso não acontece. Ao invés de receber felicitações, o que você escuta é:

  • Só passou, ainda não foi chamado;
  • Passou, mas não está dentro do número de vagas;
  • Não cante vitória antes da hora, tem muita gente na sua frente.

Um concurseiro precisa de incentivo para manter a positividade, focar na possibilidade de nomeação e continuar tentando. Tudo que um bom parceiro não deve fazer é te colocar para baixo.

3. Ela faz pouco caso dos seus sonhos e não acredita em você

Se tornar servidor público é o sonho de muitos brasileiros que querem estabilidade e acesso a vários benefícios trabalhistas. Mas essa não é uma tarefa fácil e pode demorar para ser alcançada. Tudo fica ainda mais complicado se, dentro do seu relacionamento, você não recebe o apoio que precisa.

Ter ao seu lado uma pessoa que desacredita na sua capacidade para passar num concurso pode prejudicar todo o processo em busca da aprovação. É melhor ficar atento quando ouvir frases como:

  • Prestar concurso é besteira, coisa de gente antiga;
  • Você já tentou várias vezes e não passou, melhor desistir;
  • Devia arrumar um emprego e ganhar dinheiro, ao invés de ficar só estudando;
  • Se fosse inteligente mesmo, já teria sido aprovado.

Lembre-se que nenhuma dessas afirmações é verdadeira e, se esse for realmente seu sonho, então você precisa juntar forças para continuar tentando até atingi-lo.

4. Ela sempre se coloca em primeiro lugar

Outro ponto que todo concurseiro precisa ver em seu relacionamento para saber se está sendo prejudicado ou não é: o apoio é genuíno? Existem algumas situações que vão mostrar se a pessoa que está com você realmente se importa com seu processo nos concursos.

Vamos dizer que você tenha sido aprovado e contou a novidade para seu parceiro ou sua parceira. Num primeiro momento, ele (ou ela) te parabenizou, deu um abraço e disse que estava feliz pela sua conquista. Mas logo em seguida mudou de assunto e começou a falar algo sobre a própria vida.

Algo similar também pode acontecer em caso de reprovação. A pessoa te diz umas poucas afirmações positivas e logo volta o foco para si. Ou talvez, seja alguém que reclama muito que está sempre se esforçando e você não dá atenção. Essas são algumas bandeiras vermelhas que devem ser discutidas dentro do relacionamento.

5. Faz “climão” quando você prefere estudar em algum final de semana

Muitos concurseiros conciliam os momentos de estudo com trabalho e outras atividades diárias. Por isso, optam por estudar para prova durante o fim de semana para ter mais tempo. Nos dias de folga antes do concurso, preferem deixar de sair para ficar em casa revendo a matéria.

Isso é completamente normal e um bom parceiro vai te incentivar quando você tomar essas decisões. Mas o relacionamento que conta com chantagens emocionais que te tiram a liberdade de escolha podem prejudicar o seu desempenho. Por exemplo, pessoas que fazem tratamento de silêncio para te punir.

Ou aquelas que ameaçam dizendo que vão deixar te fazer algo ou vão te largar porque você só pensa em estudar no fim de semana. Muito cuidado com esse tipo de situação. Saiba diferenciar quando seu parceiro ou sua parceira quer que você descanse de quando ele (a) quer se priorizar.

Leia também


você pode gostar também

Pagam bem: 5 profissões para quem não quer trabalhar com atendimento

Se você é uma pessoa introvertida e não gosta de lidar com público, conheça cinco profissões para quem não quer trabalhar com atendimento.

5 filmes da Netflix para se inspirar e ter motivação nos estudos

Se você anda meio sem inspiração para continuar estudando para as provas do concurso, conheça cinco filmes da Netflix que podem te motivar.

Concurso INSS: o que levar em conta na hora de estudar leis? Veja 5 dicas

Vai prestar o concurso INSS e precisa ser aprovado? Conheça cinco dicas incríveis sobre como estudar leis.

Conheça 7 tipos de aprendizagem e suas vantagens durante os estudos

Está começando a estudar para um concurso público? Conheça os sete tipos de aprendizagem e as vantagens de cada um deles.

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.