Veja 9 dicas valiosas para quem tem acima de 50 anos e deseja arrumar emprego

Está na meia-idade e desempregado há um bom tempo? Conheça truques valiosos para arrumar emprego após os 50 anos.

Não é novidade para ninguém que o índice de desemprego é maior entre os profissionais que já passaram das cinco décadas de vida. Se você está nessa situação e procura uma recolocação no mercado, mas não está com muita expectativa, conheça nove dicas para arrumar emprego após os 50 anos.

Leia também

Descubra como aumentar consideravelmente as suas chances de conseguir um bom emprego. Pode acreditar, sempre vai existir espaço no mercado para bons profissionais. Por isso, não desanime e aproveite a leitura.

Como arrumar emprego após os 50 anos

1) Aprimore os seus conhecimentos em tecnologia

Essa talvez seja a principal dica para arrumar emprego após os 50 anos. Como estão os seus conhecimentos em tecnologia? Quais ferramentas você tem o total domínio? O uso de aplicativos é comum em usa rotina?

Hoje em dia, a maioria das empresas exigem que os candidatos tenham familiaridade com os principais recursos tecnológicos. A tecnologia faz parte da maioria das profissões.

Por isso, a dica aqui é: crie intimidade com ela, mesmo que seja aos poucos.

2) Amplie a sua rede de contatos

Outro macete para arrumar emprego após os 50 anos é ampliar a sua rede de contatos profissionais. Quanto maior for o número de pessoas que você conhecer, mais chances têm de conseguir uma recolocação.

Dessa forma, esteja sempre disposto a turbinar o seu networking. Às vezes, o emprego dos sonhos pode aparecer por meio da indicação daquele ex-colega de trabalho que você não via há tempos.

3) Atualize o seu currículo

Um outro truque para arrumar emprego após os 50 anos é dar uma repaginada no seu currículo. Mesmo que você tenha uma extensa rede de contatos, vale destacar que o currículo é o seu cartão de visitas.

Esse documento é que vai revelar quem você é e quais são as suas expectativas para o recrutador. Sendo assim, não deixe de atualizá-lo e faça uma revisão geral na ortografia e gramática, fechado?

4) Cuide da sua aparência

Não é só porque você já passou dos 50 anos que não precisa cuidar da aparência, certo? Ela também pode revelar muito sobre os seus hábitos e sua personalidade. Por isso, não deixe a vaidade de lado e dê um trato no seu visual.

Um look bem pensado pode remeter a um profissional qualificado, além de passar uma excelente primeira impressão, sabia? Na verdade, um profissional que se cuida costuma ter mais chances de ser contratado, principalmente se tiver um currículo compatível com a vaga em aberto.

5) Arrumar emprego após os 50 anos: conte com a internet

Aquele profissional que procura trabalho não pode se esquecer de candidatar para vagas disponíveis na internet. E existem milhares de boas oportunidades em sites de emprego. É só reservar um tempinho para procurar.

O mais importante é que o seu currículo esteja cadastrado no banco de dados do maior número de empresas possível. A boa notícia é que, com poucos cliques, você consegue fazer isso.

6) Outplacement é bem-vindo

Esse é um recurso adicional, mas especialmente bem-vindo para quem procura emprego e já passou dos 50 anos. Trata-se de um serviço de aconselhamento, apoio e estímulo profissional.

O Outplacement pode ser de grande valia, já que poderá equalizar os seus principais objetivos profissionais, bem como suas aptidões, além de criar um planejamento estratégico que esteja alinhado com o seu perfil.

7) Arrisque-se como empreendedor

Não existe idade para abrir o próprio negócio, certo? E ela pode ser um fator positivo, sabia disso? Profissionais acima dos 50 anos contam com experiência de mercado e têm menos riscos de cometer erros típicos dos iniciantes.

Se você decidiu empreender em alguma área, não deixe de verificar se na sua cidade ou região existe demanda pelos serviços que o seu negócio pretende oferecer. Isso é importantíssimo.

8) Arrumar emprego após os 50 anos: Invista em conhecimento

Mesmo que você já tenha se formado na universidade, trabalhado em diversas empresas e possua uma grande experiência em sua área de atuação, sempre existe espaço para aprender mais.

Achar que sabe tudo e que não precisa aprender mais nada é um erro de muitos profissionais. O conhecimento não ocupa espaço e faz uma baita diferença na hora do processo seletivo, cuja máxima é: “ganha a disputa quem sabe mais”.

9) Mantenha a calma acima de tudo

Por fim, a nossa última dica para a arrumar emprego após os 50 anos. Mesmo que a sua recolocação profissional esteja demorando mais do que o previsto, é preciso manter a calma e controlar a ansiedade.

Sabemos que ficar desempregado por muito tempo pode ser desesperador. Mas se você entrar em pânico não vai resolver nada. Se for o caso, procure ajuda profissional ou faça terapia até essa fase complicada passar.

Leia também

você pode gostar também

IPVA 2023: veja 29 carros que terão isenção do imposto

Milhões de condutores brasileiros poderão ser beneficiados com a isenção de IPVA para veículos. Confira quais são os modelos.

Para que serve o furo que fica ao lado da câmera do iPhone?

Há um pequeno buraco entre a câmera e o flash na parte traseira de alguns iPhones. Em outros modelos, pode estar em lugar diferente. Veja para que serve esse furo.

Confira 7 profissões perfeitas para quem gosta de ler e escrever

Tem uma enorme afinidade com a área de Humanas e sempre sonhou em trabalhar nela? Então, conheça sete profissões para quem gosta de ler e escrever.

Descubra para que realmente serve o furo que fica no cadeado

O furo no cadeado é um mistério para muita gente que desconhece as duas utilidades desse mecanismo e como ele auxilia o funcionamento do cadeado.

7 grandes filmes da Netflix que vão te deixar mais esperançoso

Está precisando de um pouco mais de inspiração nos estudos, concurseiro? Conheça sete grandes filmes da Netflix que podem te deixar mais otimista em relação ao futuro.

Vacina BCG: descubra para que serve e por que ela deixa marca no braço

A vacina BCG é uma das vacinas mais importantes do esquema vacinal. Entenda para que ela serve e por que deixa uma marca no braço.