Vão bombar em 2023: 7 profissões que devem ficar em alta no próximo ano

Está querendo saber como vai estar o mercado de trabalho no ano que vem? Conheça sete profissões que devem ficar em alta em 2023 e acerte em cheio na escolha.

Uma dúvida que assola as pessoas que acabam de se formar no Ensino Médio é sobre qual carreira seguir. Diante de tantas opções, é preciso selecionar as áreas nas quais você tem mais afinidade e que prometem ter demanda de trabalho. Por isso, essa matéria selecionou sete profissões que devem ficar em alta em 2023.

Continue a leitura e escolha o cargo que tenha mais a ver com o seu perfil profissional. Lembre-se de não levar em consideração somente o valor do salário, combinado? Trabalhar com algo que não gosta não traz nenhuma satisfação pessoal no dia a dia. Confira a nossa lista.

Profissões que devem ficar em alta em 2023

1) Gerente de Supply Chain

A primeira das profissões que devem ficar em alta em 2023 é essa. Esse profissional gerencia e organiza todas as etapas das atividades de compras de insumos, produção de distribuição dos produtos para o consumidor final de uma empresa. Ou seja, ele é o gestor da cadeia de suprimentos.

O valor do salário mensal, dependendo da sua experiência no cargo, das competências técnicas e do porte da empresa contratante, pode variar entre R$ 18,9 mil e R$ 30 mil. O curso superior mais indicado é o de Administração de Empresas.

2) Gerente de Auditoria ou Controles Internos

Mais uma das profissões que devem ficar em alta em 2023. Esse profissional é o responsável por gerenciar e planejar as atividades que envolvem processos de auditoria e controles de gestão internos. Ele implementa procedimentos para manter o controle das informações e identificar possíveis erros nos planos de ação da companhia.

O valor do salário pode variar entre R$ 21,9 mil a R$ 37 mil, em uma multinacional. Tudo depende exclusivamente do seu nível experiência nessa função, formação acadêmica e habilidades técnicas. O curso superior mais indicado é o de Gestão em Auditoria e Controladoria.

3) Profissões que devem ficar em alta em 2023: Advogado Empresarial

Esse profissional presta assessoria jurídica para as organizações em geral, garantindo a segurança legal em todo o planejamento e efetivação das atividades que permeiam os negócios. Ele analisa contratos, faz o acompanhamento de processos cíveis, trabalhistas e tributários, além de participar de audiências.

O salário pode variar entre R$ 10 mil e R$ 14,5 mil por mês, no regime de trabalho CLT. Se você se identifica com essa área e está disposto a investir nela, deve ter graduação no curso de Direito e sempre se atualizar nesse ramo.

4) Arquiteto de Soluções

Esse profissional precisa usar os recursos disponíveis para elaborar o desenvolvimento de sites, softwares e sistemas de comunicação para as empresas em geral. A graduação mais indicada é o curso de Ciências da Computação ou Engenharia de Software.

O salário pode variar entre R$ 10,4 mil e R$ 13,6 mil, em uma empresa da área da Tecnologia. Quem tem afinidade com esse ramo e estiver disposto a se empenhar ao máximo, pode encontrar muito trabalho no mercado nos próximos anos.

5) Desenvolvedor de Softwares

Outra das profissões que devem ficar em alta em 2023. O Desenvolvedor de Softwares é o responsável por criar programas de computadores, sistemas operacionais para empresas, softwares, plataformas de redes sociais, sites e aplicativos para celulares em geral. Para exercer essa função não é exigido curso superior, pois o que vale é a experiência na área e habilidades técnicas do profissional.

O valor do salário varia bastante. Como a maioria trabalha de forma autônoma, os ganhos mensais de um Desenvolvedor de Softwares podem chegar a R$ 7 mil, dependendo da sua demanda de trabalho.

6) Profissões que devem ficar em alta em 2023: Engenheiro de Controle e Automação

Esse profissional é o responsável por projetar, programar e operar máquinas, equipamentos e sistemas de operação automáticos para indústrias, com o uso da Inteligência Artificial. O curso superior indicado é o de Engenharia de Controle e Automação.

O salário pode variar entre R$ 9,1 mil a R$ 16,6 mil por mês. Tudo depende da experiência, resultados já comprovados na carreira, habilidades técnicas e porte da empresa contratante. Se você gosta da área de Robótica, essa é uma opção de carreira a seguir.

7) Gerente de Marketing Digital

Finalmente, a última das profissões que devem ficar em alta em 2023. Esse profissional precisa fazer a implantação e gestão da estratégia digital de uma empresa, além de realizar análises de tendências de mercado, identificar novas oportunidades de negócios e soluções, através dos meios digitais.

O salário pode variar entre R$ R$ 7 mil e R$ 10,4 mil por mês. Tudo depende do nível de experiência na função e, principalmente, das competências técnicas do profissional. A graduação recomendada é no curso de Marketing ou Publicidade e Propaganda.

Leia também

você pode gostar também

Conheça 9 profissões que não precisam de diploma

Não pôde concluir os estudos e vai começar a procurar emprego? Conheça nove profissões que não precisam de diploma e que costumam ter uma grande demanda.

Saiba como aumentar sua produtividade em 7 passos

Procura uma forma de aumentar a produtividade nos estudos para as provas do concurso? Fique por dentro de sete dicas incríveis e turbine as suas chances de aprovação.

Síndrome de Burnout: qual é a causa? Descubra como evitar

A Síndrome de Burnout é um distúrbio emocional relacionado com o excesso de trabalho, sendo considerada uma doença ocupacional por especialistas da área de saúde.

9 profissões com bons salários que não exigem nível médio

Sempre sonhou em ganhar bem, mas não quis levar os estudos adiante? Conheça nove profissões com bons salários que não exigem nível médio.

9 informações que não precisam ser citadas em seu currículo

Vai começar a procurar emprego e quer aumentar as chances de ser convocado para um processo seletivo? Então, conheça nove informações que não precisam ser citadas no currículo.

5 profissões que pagam bem e têm vagas sobrando

As profissões que pagam bem e têm vagas sobrando saem das carreiras tradicionais por acompanharem as inovações no mercado de trabalho. Porém, existem requisitos para ocupar os cargos dessa lista.