Saiba para que realmente serve o Furo que fica no Cadeado

O furo no cadeado é um mistério para muita gente que desconhece as duas utilidades desse mecanismo e como ele auxilia o funcionamento do cadeado.

Você já deve ter reparado que existe um furo na parte de baixo do cadeado. Ele fica ao lado do encaixe da chave. Se nunca viu, pegue o objeto e observe. Aparentemente, esse pequeno orifício parece não servir para nada já que o segredo do cadeado está nas engrenagens que são destrancadas pela chave.

Mas o buraquinho tem uma utilidade muito importante e tem a ver, justamente, com as engrenagens. A verdade é que sem ele um cadeado pode não funcionar como realmente deveria. E não, ele não é uma forma de abertura alternativa. Veja na matéria abaixo para que serve o furo no cadeado.

Qual é a utilidade do furo no cadeado?

Descubra para que realmente serve o furo que fica no cadeado
Descubra para que realmente serve o furo que fica no cadeado. Foto: Pexels

Se você é curioso, já viu esse buraquinho e, com certeza, tentou enfiar um arame ou palitinho para ver o que acontecia. Mas não é assim que funciona. Assim como o furo na tampa da caneta, o do cadeado tem serventia. Os dois objetivos são:

  • Permitir lubrificação;
  • Fazer escoamento de água.

Para você entender melhor, primeiro, é preciso conhecer o funcionamento de um cadeado. Dentro desse objeto, existem pinos e molas que são responsáveis por travar o gancho. Eles são posicionados de forma a se encaixar nos dentes da chave. Quando essa é girada, eles ficam todos alinhados, liberando o gancho.

O mecanismo todo, assim como a carcaça do cadeado, é feito de metal. Assim como outras engrenagens, esse sistema precisa ser lubrificado para funcionar corretamente. Desse modo, a primeira utilidade do furo no cadeado é permitir que entre óleo no objeto para garantir que nenhuma peça irá desgastar ou travar.

O buraquinho serve ainda como uma espécie de ralo, deixando passar toda a água e sujeira que entra dentro do cadeado. Se você tem costume de trancar o portão de casa com um cadeado, sabe muito bem que o objeto fica suscetível a chuvas e poeira. Pense bem, o que aconteceria se a água da chuva não saísse de dentro do cadeado?

Possivelmente, você não conseguiria encaixar a chave ou, se conseguisse, não teria como virá-la, pois o mecanismo ficaria travado pela água. O mesmo serve para poeira e outras partículas que entram nele. Dessa maneira, o furo no cadeado garante que a água escoe e que a sujeira seja liberada.

Como lubrificar um cadeado corretamente?

Agora que você já sabe para que serve o furo no cadeado, vai ficar mais atento ao bom funcionamento dessa tranca. Se esse é um objeto que você usa com frequência, o ideal é fazer a lubrificação com espaços de três a seis meses. Assim, ele sempre continuará funcionando como se fosse novo.

Contudo, é necessário ter atenção ao realizar esse procedimento. Primeiro, você precisa ter um produto adequado. A marca de cadeados, Master Lock, chama atenção para não utilizar grafite seca ou lubrificante com silicone, pois podem atrapalhar o movimento das engrenagens. Com o produto correto, você deve:

  1. Aplicar apenas algumas gotas no furo do cadeado;
  2. Deixar que o liquido entre no interior da peça;
  3. Bater o objeto contra uma superfície para espalhar o produto e soltar as peças travadas;
  4. Encaixar e girar a chave algumas vezes.

Depois, limpe o excesso e deixe o cadeado secar naturalmente.

Leia também

você pode gostar também

Tire estes aparelhos da tomada para Economizar Energia

Economizar energia elétrica pode ser mais simples do que se pensa; veja quais eletrônicos devem ficar fora da tomada.

Por que os palitos de pirulito têm um pequeno furinho na ponta?

Sempre fez questão de aprimorar os seus conhecimentos e tem a curiosidade aguçada, concurseiro? Então, descubra para que serve o furinho na ponta dos palitos de pirulito.

Entenda de onde surgiu o “sentido horário” dos relógios

Você já se perguntou por que o relógio gira em sentido horário? Este é um padrão que vem de relógios de sol antigos. Leia e entenda a seguir.

Afinal, qual é a verdadeira diferença entre poema e poesia? Entenda aqui

Apesar de parecerem idênticos, o poema e a poesia possuem algumas diferenças vitais, e que são de conhecimento essencial no mundo literário.

Grampeador tem função “secreta” que muitas pessoas ainda não conhecem

Embora todos nós usemos um grampeador de vez em quando, você provavelmente não conhece este tipo de uso secreto para ele.

15 nomes antigos que voltaram a ser populares no Brasil

Alguns dos nomes retrôs são muito populares hoje em dia no Brasil, sejam femininos ou masculinos. Confira alguns deles abaixo.