Alerta INMET para chuvas intensas e tempestade em 2,9 mil cidades

As chuvas intensas e tempestade continuam sem dar trégua em várias regiões do país. Confira os alertas do INMET para estas situações.

As chuvas intensas e tempestades devem atingir cerca de 2,9 mil cidades do país entre hoje (13) e amanhã (14). Em várias regiões do território, a chuva segue sem dar trégua, com passadas constantes em áreas de estados como Mato Grosso, Goiás, Amazonas, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Os alertas foram publicados recentemente, através da plataforma do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Com os avisos, o instituto busca informar a população destes locais em específico, de forma que possam tomar as devidas precauções. Neste sentido, enquanto as tempestades devem atingir cerca de 1.425 municípios, as chuvas intensas tomarão os demais. O grau de severidade determinado é de “perigo” para todos os casos.

Inmet alerta: tempestade em 1.425 municípios

O primeiro alerta de tempestade foi publicado hoje (13) às 9h40, e foi estendido até amanhã (14), às 10h. Em relação ao volume, é provável que as chuvas alcancem índices pluviométricos entre 30 e 60 mm/h, ou 50 e 100 mm/dia, com ventos intensos de velocidade entre 60 e 100 km/h.

Durante estas situações, existem grandes riscos de queda de granizo, corte de energia elétrica, estragos em plantações, alagamentos e queda de árvores. As áreas que estão sendo afetadas são as seguintes:

  • Norte Pioneiro Paranaense;
  • Serrana, Oeste Catarinense;
  • Presidente Prudente;
  • Metropolitana de Curitiba;
  • Vale do Itajaí;
  • Leste de Mato Grosso do Sul;
  • Noroeste Rio-grandense;
  • Bauru;
  • Grande Florianópolis;
  • Centro Ocidental Rio-grandense;
  • Centro Ocidental Paranaense;
  • Araçatuba;
  • Metropolitana de Porto Alegre;
  • Noroeste Paranaense;
  • Marília;
  • Norte Central Paranaense;
  • Sudoeste de Mato Grosso do Sul;
  • Sudeste Rio-grandense;
  • Sudoeste Paranaense;
  • Oeste Paranaense;
  • Pantanais Sul Mato-grossense;
  • Nordeste Rio-grandense;
  • Sudeste Paranaense;
  • São José do Rio Preto;
  • Itapetininga;
  • Centro Oriental Paranaense;
  • Norte Catarinense;
  • Sul Catarinense;
  • Centro Oriental Rio-grandense;
  • Assis;
  • Sudoeste Rio-grandense;
  • Centro Norte de Mato Grosso do Sul;
  • Litoral Sul Paulista;
  • Centro-Sul Paranaense.

A lista completa de municípios que sofrerão a ação das tempestades pode ser conferida por meio do site do Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos para o Sul da América do Sul (Alert-AS).

Chuvas intensas em 1.464 municípios

Já as chuvas intensas devem atingir outros 1.464 municípios, tendo sido iniciadas hoje (13) às 9h40 e terminando amanhã (14) às 10h. Da mesma forma, os volumes esperados são de 30 e 60 mm/h, ou 50 e 100 mm/dia, com ventos intensos de 60 e 100 km/h.

Ao contrário das tempestades, há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, descargas elétricas e alagamentos. As regiões afetadas são as seguintes, tomando boa parte da região central do país, lembrando que a lista completa de municípios pode ser conferida pelo endereço do Alert-AS:

  • Centro Goiano;
  • Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba;
  • Leste Goiano;
  • Central Mineira;
  • Zona da Mata;
  • Centro-Sul Mato-grossense;
  • Sul Goiano;
  • Vale do Rio Doce;
  • Central Espírito-santense;
  • Nordeste Mato-grossense;
  • Campinas;
  • Oeste de Minas;
  • Sul/Sudoeste de Minas;
  • Centro Norte de Mato Grosso do Sul;
  • Sul Espírito-santense;
  • Campo das Vertentes;
  • Ocidental do Tocantins;
  • Norte Mato-grossense;
  • São José do Rio Preto;
  • Sudoeste Paraense;
  • Ribeirão Preto;
  • Sudeste Mato-grossense;
  • Norte Goiano;
  • Leste Rondoniense;
  • Metropolitana de Belo Horizonte;
  • Jequitinhonha;
  • Sul Fluminense;
  • Vale do Paraíba Paulista;
  • Leste de Mato Grosso do Sul;
  • Noroeste Fluminense;
  • Sul Amazonense;
  • Noroeste Goiano;
  • Piracicaba;
  • Centro Fluminense;
  • Noroeste de Minas;
  • Oriental do Tocantins;
  • Macro Metropolitana Paulista;
  • Sudoeste Mato-grossense;
  • Norte de Minas;
  • Distrito Federal;
  • Metropolitana do Rio de Janeiro;
  • Norte Fluminense;
  • Madeira-Guaporé;
  • Extremo Oeste Baiano;
  • Pantanais Sul Mato-grossense;
  • Araraquara;
  • Vale do Mucuri;
  • Sudeste Paraense.

Chuvas intensas em outros 51 municípios

A população de mais uma pequena parcela de municípios da região amazonense também deve ficar em alerta quanto às chuvas intensas iniciadas hoje (13) às 9h57, que terminam amanhã (14) às 10h. O volume de chuvas e ventos intensos são os mesmos das duas outras ocorrências, e é preciso tomar cuidado com os mesmos riscos potenciais, como corte de energia e descargas elétricas. As regiões afetadas são:

  • Sudoeste Paraense;
  • Centro Amazonense;
  • Sudoeste Amazonense;
  • Norte Mato-grossense;
  • Sul Amazonense;
  • Norte Amazonense;
  • Madeira-Guaporé;
  • Sudeste Paraense.

Para conferir a lista completa, acesse o site do Alert-AS.

Leia também

você pode gostar também

Novo golpe: erro no pagamento por aproximação é sinal de alerta

Agora os criminosos conseguem bloquear o pagamento via aproximação e, assim, clonar o cartão usado pelas vítimas; conheça o golpe e veja como se proteger.

Concursos importantes no DF: veja quais vagas estão abertas

Concursos importantes estão abertos no Distrito Federal (DF). Confira quais as oportunidades e como solicitar participação.

Litígio Zero: contribuintes já podem aderir ao programa de renegociação de dívidas

Anunciada no início de janeiro pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, essa é uma das medidas para diminuir o rombo no caixa do governo em 2023.

Tem feriado em fevereiro? Veja qual é o dia da folga para trabalhadores

Quer planejar com antecedência os seus dias de folga? Então veja como será o mês de fevereiro em relação a feriados e pontos facultativos.

Concurso Correios será realizado em 2023?

Concurso Correios pode ter um edital publicado em breve. Último grande certame do órgão foi realizado em 2011.

Nota de R$ 50 rara pode valer uma BOLADA; saiba por que

Confira quais são as cédulas de R$ 50 que podem valer até 80 vezes. Elas são muito procuradas por colecionadores, possuindo alto valor no mercado nacional.