CNH falsa: projeto prevê multa 5x maior do que o valor atual; veja regras

O projeto também prevê multa cinco vezes maior do que o valor atual para quem adulterar ou falsificar a identificação do veículo (CRLV). Entenda.

A multa para quem adulterar ou falsificar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) pode se tornar cinco vezes maior do que o valor atual. É que está em tramitação na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei (PL) nº 1664/19, que visa agravar a penalidade para tal conduta. A multa poderá vir a ser cinco vezes maior também nos casos em que houver a falsificação ou adulteração na identificação do veículo (CRLV).

Além disso, o PL também tem o objetivo de agravar a penalidade para quem fizer falsa declaração de domicílio para fins de registro, licenciamento ou habilitação. Nesse caso, a proposta é que o valor da multa seja três vezes maior do que o atual.

Atualmente, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece, em seu artigo 234, que quem adulterar ou falsificar a CNH comete infração gravíssima, tendo como penalidade a multa e a apreensão do veículo. Hoje, a multa para os casos de infração gravíssima é de R$ 293,47. Assim, caso o PL seja aprovado, a multa poderá vir a ser de R$ 1.476,35 para tal conduta. O mesmo vale para quem adulterar ou falsificar a identificação do veículo (CRLV).

Em relação à penalidade de apreensão do veículo, o texto propõe a retirada dessa punição, tendo em vista que ela não faz mais parte do rol de penalidades estabelecido no artigo 256, do CTB. Isso porque a Lei nº 13.281/2016 revogou o inciso IV do referido dispositivo.

Para o caso de cometimento de falsa declaração de domicílio para fins de registro, licenciamento ou habilitação, o CTB, em seu artigo 242, também considera esse ato como uma infração gravíssima, tendo, portanto, como penalidade a multa. Porém, para esse caso, o PL propõe aumentar três vezes o valor atual da multa. Assim, a multa para essa infração poderá vir a ser de R$ 880,41.

O PL é de autoria do deputado Lincoln Portela (PL-MG). Segundo o parlamentar, a ampliação da multa para as duas condutas relacionadas à falsificação ocorrerá de forma a inibir tais práticas. Ele afirma que “ambas as condutas são recrimináveis e, em nosso entendimento merecem ter pena mais grave que a atual, que é a infração gravíssima, sem multiplicador”.

Tramitação do PL que propõe agravar multa para quem adulterar ou falsificar a CNH

Recentemente, a Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados aprovou o PL que propõe agravar a penalidade para quem adulterar ou falsificar a CNH ou a identificação do veículo (CRVL), bem como para quem falsificar declaração de domicílio para fins de registro, licenciamento ou habilitação.

Segundo a Agência Câmara, o relator na comissão, o deputado Bosco Costa (PL-SE) afirmou que faz aumentar as punições administrativas, uma vez que as condutas descritas podem enquadradas como crimes.

Agora, o PL aguarda análise da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. O texto tramita em caráter conclusivo. Por esse fato, se for aprovado pela CCJC, ele segue para o Senado sem precisar passar pelo Plenário. Porém, se 52 deputados recorrerem, o projeto vai para o Plenário. Após ser aprovado na Câmara dos Deputados e no Senado, o PL será enviado ao presidente da República para sanção.

Leia também

você pode gostar também

5G: Mais de 75 cidades brasileiras têm sinal autorizado pela Anatel

Nesta semana, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) liberou o sinal de 58 em mais de 75 cidades brasileiras, localizadas próximos de capitais. A expectativa é continuar ampliando o acesso à tecnologia.

Censo 2022: IBGE deve liberar os resultados em abril

Após uma sequência de adiamentos e entraves na realização do Censo 2022, o IBGE atualizou a previsão de divulgação dos resultados. As operações seguem ao longo de fevereiro.

Motocicletas ficarão isentas do IPVA 2023? Entenda a nova lei

No último ano, o projeto legislativo que prevê a isenção para motocicletas foi sancionado com força de lei. Porém, existem condições específicas de elegibilidade para a medida.

Bradesco tem mais de 40 vagas de emprego disponíveis; veja os cargos

Vagas de emprego disponíveis são destinadas a diversas áreas, em agências da instituição bancária, espalhadas por todo o país.

Detran fará mutirão de renovação da CNH; veja onde e como participar

A renovação da CNH deve ser feita periodicamente pelos motoristas. Caso não façam, estarão sujeitos ao pagamento de multa e a perda de sete pontos na carteira, por exemplo.

Vale-alimentação deve ter novas regras a partir de março de 2023

Vale-alimentação deixará de ser regulado pelo Banco Central, facilitando a entrada de novas empresas no mercado. Veja o que muda.