Novo alerta do INMET prevê chuvas intensas em mais de 600 cidades do país

Cidades mencionadas no aviso do Inmet correm risco de alagamentos, corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores e de descargas elétricas.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de chuvas intensas em mais de 600 cidades do país. O aviso, que teve início às 09h28 desta quinta-feira (8), é válido até às 10h de amanhã (09/12).

De acordo com o Inmet, há risco de alagamentos, corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores e de descargas elétricas. Com grau de severidade “perigo”, a previsão é de chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, além de ventos intensos de até 100 km/h.

Áreas sob risco de chuvas intensas

  • Centro Sul Baiano;
  • Centro-Sul Mato-grossense;
  • Vale do Acre;
  • Centro Goiano;
  • Leste de Mato Grosso do Sul;
  • Leste Goiano;
  • Vale do Mucuri;
  • Norte de Minas;
  • Centro Norte de Mato Grosso do Sul;
  • Sul Baiano;
  • Jequitinhonha;
  • Leste Rondoniense;
  • Norte de Roraima;
  • Sudeste Mato-grossense;
  • Norte Goiano;
  • Centro Amazonense;
  • Sudoeste Amazonense;
  • Sul Goiano;
  • Sul Amazonense;
  • Noroeste Goiano;
  • Ocidental do Tocantins;
  • Nordeste Mato-grossense;
  • Sudoeste Mato-grossense;
  • Norte Mato-grossense;
  • Oriental do Tocantins;
  • Extremo Oeste Baiano;
  • Norte Amazonense;
  • Noroeste Espírito-santense;
  • Vale São-Franciscano da Bahia;
  • Madeira-Guaporé;
  • Noroeste de Minas;
  • Sul de Roraima;
  • Litoral Norte Espírito-santense;
  • Pantanais Sul Mato-grossense;
  • Vale do Juruá.

Veja a lista completa de cidades que fazem parte do aviso do Inmet no site Alert-AS.

Previsão de chuvas e onda de calor

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, dezembro terá chuvas acima da média em boa parte do Brasil, sobretudo nas regiões Norte e Sudeste. Já no Nordeste o volume previsto está dentro do esperado.

A Região Sul que tem sido castigada com enchentes e desabamentos nas últimas semanas, terá precipitações abaixo do normal. Inclusive, conforme o órgão federal ligado ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), uma onda de calor vai atingir essa área nos próximos dias, com previsão de máxima de 40ºC no Rio Grande do Sul.

Pelo terceiro ano consecutivo a Região sofre com irregularidade das chuvas por causa da influência do La Niña. Nos Estados do Amapá, em parte do Pará e Roraima as chuvas serão mais expressivas devido a áreas de instabilidade que atuam na Região Norte.

Recomendações de segurança

O Inmet ainda recomenda aos moradores que evitem situações que permitem risco à vida, além de:

  • Evitar se abrigar embaixo de árvores durante temporais, pois há risco de queda de galhos e de descargas elétricas;
  • Evitar estacionar o veículo próximo de placas de propaganda e torres de transmissão;
  • Desligar aparelhos elétricos e o quadro geral de energia durante a ocorrência de tempestade;
  • Não ficar em locais abertos, como campos de futebol e lugares altos, pois há risco de descargas elétricas; além de não ficar dentro de piscina ou no mar, pelo mesmo motivo.

Por fim, recomenda-se ficar longe de estruturas metálicas longas como tubulações ou cercas de arame, já que estes materiais conduzem eletricidade.

Em casos de emergência, a Defesa Civil pode ser acionada no telefone 199 e o Corpo de Bombeiros no 193.

Leia também

você pode gostar também

Litígio Zero: saiba quem pode renegociar dívidas com o governo

O novo programa de renegociação de dívidas, lançado pelo governo federal, possibilitará que pessoas físicas e empresas obtenham descontos para quitar débitos junto à Receita Federal.

WhatsApp tem nova função de Comunidades no Brasil; veja como funciona

Entenda melhor o novo recurso do WhatsApp e aprenda como criar sua própria comunidade no mensageiro da Meta.

Estágio Caixa tem 6,8 mil vagas abertas; saiba como se inscrever

Estágio Caixa Econômica Federal é destinado a estudantes do ensino médio, técnico e superior. Veja como participar.

Pagamento em cheque cai em desuso e Pix pode ter influenciado

Pagamento por meio de cheque especial segue caindo. Redução chega a 94% em comparação com o ano de 1995.

Venda de férias está prevista na CLT; veja as regras e como funciona

Comum entre os trabalhadores, prática acontece em empresas, entretanto existem algumas regras e limites previstos na lei para a venda de férias.

IPTU atrasado gera multa para o contribuinte

A multa para o contribuinte que não paga o IPTU no prazo correto é acumulativa, e varia de acordo com o período de inadimplência do cidadão.