Qual será o valor da primeira parcela do 13º salário em 2022?

As parcelas do 13º salário podem ser recebidas por meio de uma parcela única ou em uma divisão entre duas parcelas.

O 13º salário é um direito de todos os trabalhadores com carteira assinada. Criada em 1962, a gratificação completou, em julho, 60 anos desde sua sanção. A partir de sua invenção, tornou-se uma ferramenta para impulsionar a economia, e garante elevados volumes de vendas para o comércio e a indústria no fim de ano. Neste ano, a primeira parcela do 13º deve ser paga em breve.

Leia também

É comum que o valor seja pago em uma parcela única ou em duas. Ele é feito com base no salário de dezembro do trabalhador, com exceção dos empregados que recebem salários por meio de comissões ou porcentagens, ou seja, variáveis.

A decisão de pagar o 13º em uma ou duas parcelas fica por conta do empregador. Neste sentido, caso ela seja paga em uma única vez, é necessário enviar os valores até o dia 30 de novembro.

No caso da divisão, a primeira parcela deve ser paga entre 1º de fevereiro e 30 de novembro; já a segunda é paga até o dia 20 de dezembro.

Enquanto na primeira parcela o trabalhador recebe um valor que equivale à metade do salário vigente, sem descontos de impostos e benefícios, na segunda, estão descontados o Imposto de Renda e a contribuição ao INSS.

Vale lembrar que quem pede o adiantamento do 13º nas férias recebe apenas a segunda parcela.

Valor da primeira parcela do 13º em 2022

13° salário, 13° salário em 2022
Foto: montagem / Pixabay – Canva PRO

Para entender o valor da primeira parcela do 13º, é importante saber sobre como funciona o cálculo da gratificação. Para isso, o salário integral do trabalhador é dividido em 12 vezes, somando adicionais e gratificações. A partir de então, multiplica-se o resultado pelo número de meses trabalhados.

Caso o empregado tenha trabalhado os 12 meses do ano, ele recebe um salário a mais. Ao contrário, ele deve receber o 13º proporcional aos meses trabalhados.

A conta é simples: a cada mês em que se trabalha por pelo menos 15 dias, o trabalhador já tem direito a 1/12 do salário total no fim do ano. Afinal, o 13º considera como um mês inteiro os 15 dias trabalhados.

Supondo que um empregado receba um salário mínimo e tenha trabalhado todos os meses do ano, por exemplo, o cálculo deve ficar da seguinte forma:

R$ 1.212 ÷ 12 = 101
101 x 12 = 1.212
1.212 ÷ 2 = 606.

Deste modo, a primeira parcela do 13º para quem recebe um salário mínimo é R$ 606. É importante lembrar que descontos relativos ao INSS e Imposto de Renda só são deduzidos a partir da segunda parcela.

Outros detalhes também podem incidir na base de cálculo da verba, como horas extras e adicional noturno. Igualmente, as médias são incluídas na segunda parcela do 13º.

O cálculo de horas extras é feito dividindo o total de horas extras pelos meses trabalhados, chegando à média de horas mensal.

A partir de então, é calculado o valor da hora extra trabalhada, dividindo pela jornada mensal prevista em contrato. Questões como gorjetas e comissões também entram na conta, bem como adicionais de periculosidade e insalubridade.

Leia também


você pode gostar também

INMET alerta: grande risco de chuvas intensas em mais de 2,2 mil cidades

Alerta, válido até às 10h de sexta-feira (02/12), prevê grandes acumulados de chuva de 30 e 60 milímetros por hora ou 50 e 100 milímetros por dia.

Nova CNH já está em vigor; veja como é possível emitir o documento

A nova versão da CNH está em vigor no país, mas os cidadãos precisam saber como é possível emitir o documento da habilitação dentro das novas regras.

Projeto prevê novo feriado nacional nos meses de abril; veja a data

O Projeto de Lei em tramitação na Câmara dos Deputados prevê a criação de um novo feriado nacional nos meses de abril.

13º salário 2022: primeira parcela deve ser paga até hoje, 30

Trabalhadores brasileiros esperam o repasse da primeira parcela da gratificação natalina, que deve aliviar o orçamento familiar.

Veja o que fazer se o 13° salário não for depositado pelo empregador

O 13º salário é uma garantia paga ao profissional que possui carteira assinada. Veja o que fazer caso o valor não seja depositado.

Não votou no 1° turno? Prazo para justificar está acabando

Justificativa para quem não votou nas eleições 2022 pode ser realizada pelo aplicativo e-Título ou pelo sistema Justifica. Saiba os detalhes.