Quais são as novas regras para transferências noturnas pelo Pix?

Novas regras de transferência do Pix foram criadas para trazer mais segurança ao usuário, informou o Banco Central, responsável pela plataforma.

O Pix se tornou uma das principais ferramentas de transferência de recursos no Brasil. Por isso, qualquer mudança na plataforma afeta milhões de pessoas. Recentemente, o Banco Central anunciou as novas regras para transferências noturnas pelo Pix.

Vale lembrar que o Pix é uma plataforma desenvolvida e mantida pelo Banco Central. Ela permite que o usuário realize transferência de dinheiro de forma instantânea e gratuita, na maioria dos casos. A ideia é substituir o DOC e o TED ao longo prazo.

Novas regras para transferências noturnas do Pix

Desde o dia 04 de outubro, o Banco Central aprovou que as contas de pessoas físicas ou de MEIs só possam transferir até R$ 1 mil no período noturno, das 20h da noite às 6h da manhã. Segundo o órgão, medida foi feita para trazer mais segurança ao usuário, evitando sequestros e fraudes.

Além do limite, a partir do dia 16 de novembro, cinco novas medidas estarão valendo. Chaves Pix dos usuários passarão a ter mais informações para os bancos, sendo que as instituições terão maior responsabilidade em relação às transferências.

De acordo com o BC, bloqueios de até 72 horas poderão ser feitos em caso de suspeita de fraudes. Os donos das chaves serão informados pelos bancos sobre as movimentações e outros bancos receberão notificações. Ainda será implementado um novo mecanismo de segurança.

Como alterar o limite do Pix noturno

Apesar do BC ter instituído o limite, existem duas formas de modificar a quantidade de dinheiro enviada. A primeira maneira exige que o interessado entre em contato com o seu banco e solicite um aumento por meio dos canais de atendimento. A instituição responderá ao pedido entre 24 e 48 horas. O limite liberado será válido também para DOC e TED.

A outra forma só estará disponível até o dia 16 de outubro de 2021. Nela, os clientes precisam realizar uma negociação com os bancos, pedindo para que sejam liberadas contas pré-pagas para depósitos ou pagamentos durante a noite.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Ler mais