Concurso Polícia Penal MG: saiu edital com 2.420 vagas

Concurso Polícia Penal MG possui oportunidades de nível médio com remuneração de R$ 4.631,25. Organização será do Instituto Selecon.

A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (SEJUSP) divulgou o edital n° 02/2021 para um novo certame. O concurso Polícia Penal MG ofertará 2.420 vagas de início imediato para Agente de Segurança Penitenciário/Policial Penal.

As oportunidades são para quem tem nível médio completo. O Instituto Nacional de Seleções e Concursos (Instituto Selecon) será a banca organizadora do certame.

Concurso Polícia Penal MG: vagas

O concurso ofertará 2.420 vagas divididas da seguinte maneira:

CargosVagas de ampla concorrênciaVagas para PcD
Policial Penal – Sexo masculino1750194
Policial Penal – Sexo feminino42848

A remuneração será de R$ 4.631,25 para todos os participantes, sendo exigido nível médio completo.

O que é o cargo de Policial Penal de Minas Gerais?

O cargo de Policial Penal é a nova denominação do cargo de Agente de Segurança Penitenciário, criado por meio da Emenda Constitucional 104.

O profissional continuará atuando dentro de penitenciárias e presídios, porém agora passa a ter poder policial, conforme a nova lei. A criação do referido cargo tem como objetivo garantir os direitos dos agentes penitenciários.

Além disso, os policiais que atuam dentro dos presídios poderão ser liberados para exercer suas atividades nas ruas, fortalecendo a segurança pública, uma vez que haverá uma polícia especializada para atuar dentro dos presídios.

Concurso Polícia Penal MG: inscrições

As inscrições serão abertas em 22 de outubro e encerradas em 21 de novembro de 2021, no site do Instituto Selecon.

A taxa de registro será de R$ 49,16. O candidato que estiver desempregado ou for hipossuficiente, desde que inscrito no Cadastro Único, poderá pedir a isenção da taxa.

Dúvidas ou problemas para se registrar? Entre em contato com o Instituto Selecon pelo telefone 0800 799 9905, somente em dias úteis, das 9h às 17h.

Concurso Polícia Penal MG: etapas

Confira as etapas do concurso Polícia Penal MG:

  1. Prova objetiva e redação (caráter classificatório e eliminatório);
  2. Prova de aptidão psicológica e psicotécnica (caráter eliminatório);
  3. Exames médicos (caráter eliminatório);
  4. Prova de Condicionamento Físico por Testes Específicos (caráter eliminatório);
  5. Comprovação de Idoneidade e Conduta Ilibada (caráter eliminatório);
  6. Curso de Formação Técnico-Profissional (caráter classificatório e eliminatório).

Concurso Polícia Penal MG: prova objetiva e redação

A primeira etapa do certame consistirá em uma prova objetiva e na realização de uma redação. A aplicação ocorrerá na data provável de 16 de janeiro de 2022. Veja o que vai cair na prova objetiva do concurso Polícia Penal MG:

  • Língua Portuguesa: 10 questões;
  • Informática Básica: 05 questões;
  • Noções de Direito: 10 questões;
  • Direitos Humanos: 10 questões;
  • Legislação Especial: 20 questões;
  • Raciocínio Lógico: 05 questões.

Para a redação, o candidato deverá redigir um texto entre 20 e 30 linhas, no valor de 100 pontos. Confira os critérios que serão utilizados:

  • Ortografia / Acentuação / Propriedade Vocabular: 20 pontos;
  • Morfossintaxe: 20 pontos;
  • Pontuação / Elementos de Coesão: 20 pontos;
  • Desenvolvimento do Tema / Tipologia Textual / Coerência Textual: 20 pontos;
  • Seleção de Argumentos / Construção da Argumentação: 20 pontos.

Concurso Polícia Penal MG: prova de aptidão psicológica e psicotécnica

Essa etapa do concurso possui caráter apenas eliminatório, permitindo verificar se as características psicológicas do candidato estão de acordo com as atribuições da função. Para tanto, serão utilizados instrumentos científicos para fazer a verificação. Serão reprovados os candidatos que tiverem:

  • Dificuldade para estabelecer contato interpessoal;
  • Dificuldade de organização;
  • Alteração da energia vital;
  • Dificuldade de relacionamento com autoridades e acatamento a normas sociais;
  • Descontrole da agressividade;
  • Dificuldade para reter e evocar nomes, fisionomias e detalhes (memória);
  • Instabilidade emocional;
  • Nível inferior de atenção;
  • Nível inferior de potencial intelectual, dificuldade diante de situações novas e dificuldade de comunicação escrita e verbal.

Para seguir no certame, o candidato deve ser considerado apto pela equipe de profissionais responsáveis pela avaliação.

Concurso Polícia Penal: exames médicos

Os exames médicos serão executados por profissionais da área da saúde devidamente registrados. Os candidatos serão submetidos a uma bateria de testes de diversos tipos, como exames de urina, sangue, toxicológico, entre outros.

A etapa possui caráter eliminatório e o candidato deve ser considerado apto para avançar.

Concurso Polícia Penal MG: prova de condicionamento físico

Nesta etapa, serão desenvolvidos os seguintes testes:

  • Teste dinâmico de barra fixa, para candidatos do sexo masculino;
  • Teste estático de barra fixa, para candidatas do sexo feminino;
  • Teste de flexão abdominal, para todos;
  • Teste de impulsão horizontal, para todos;
  • Teste de flexão de braço no solo, para todos;
  • Teste de corrida de 12 minutos, para todos.

Concurso Policia Penal MG: Comprovação de Idoneidade e Conduta Ilibada

A etapa de Comprovação de Idoneidade e Conduta Ilibada tem como objetivo investigar se o candidato possui o perfil ideal para se tornar um Agente de Segurança Penitenciário/ Policial Penal. A SEJUSP investigará a vida pregressa do concurseiro, em diversos aspectos.

Será necessário que a pessoa tenha conduta ilibada e comportamento visto como exemplar perante a sociedade. Desse modo, há um levantamento de possíveis crimes, ações ou qualquer tipo de ato que não condiz com o cargo que será ocupado.

Concurso Polícia Penal MG: Curso de Formação Técnico-Profissional

Os candidatos aprovados em todas as etapas anteriores e dentro do número de vagas disponíveis farão parte do Curso de Formação Técnico-Profissional (CFTP). A carga horária será de 679 horas/aula, sendo 455 horas/aula presenciais e 224 horas/aula a distância.

Para ser aprovado, o interessado deve obter nota mínima de 60% de pontos na prova do CFTP e o mínimo de frequência exigida durante a semana de ambientação, conforme critérios definidos em regulamento que ainda será divulgado pela SEJUSP.

Como a maior parte do concurso público ocorrerá em 2022, a homologação provavelmente ocorrerá somente no final do ano que vem.

Concurso Polícia Penal MG: mais informações

O concurso terá validade de dois anos a partir da homologação do resultado final e poderá ser renovado pelo mesmo período.

O edital completo pode ser lido no site do Diário Oficial de Minas Gerais (edição de 18/08/2021, a partir da página 38).

Processo seletivo anterior para Agente de Segurança Penitenciário

O último processo seletivo para Agente de Segurança Penitenciário foi realizado em 2018 pelo IBFC – Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação, que preencheu 4.000 vagas temporárias. Das 4.000 vagas a serem preenchidas, 3.132 vagas foram destinadas a candidatos do sexo masculino e 868 vagas para as candidatas do sexo feminino.

Os profissionais foram distribuídos entre os municípios de Belo Horizonte, Contagem, Vespasiano, Juiz de Fora, Uberaba, Lavras, Divinópolis, Governador Valadares, Uberlândia, Patos de Minas, Montes Claros, Ipatinga, Barbacena, Curvelo, Teófilo Otoni, Unaí, Pouso Alegre e Poços de Caldas.

Para concorrer a uma das vagas, os candidatos tiveram que efetuar o pagamento da taxa de inscrição que era de R$ 84,00, exceto nos casos de isenção, como para candidatos inscritos no CadÚnico do Governo Federal ou que não tenham condições de arcar com o pagamento desse valor. A remuneração ofertada no processo seletivo era de R$ 4.098,45 para atuação em jornada de 40 horas semanais, em regime de dedicação exclusiva.

O que faz o Policial Penal?

O Policial Penal é a nova denominação para o cargo de Agente Penitenciário, portanto as atribuições do cargo seguem as mesmas. O novo edital para o concurso Polícia Penal MG 2021, a ser publicado, poderá trazer outras atribuições.

O profissional tem como função garantir a ordem e a segurança dentro de presídios. Para isso, ele deverá realizar a vigilância interna e externa nesses estabelecimentos.

Confira as principais atribuições do cargo:

  • Realizar a escolta e a custódia dos presos;
  • Efetuar o transporte externo dos presos, assim como a transferência entre unidades prisionais;
  • Realizar buscas nas celas;
  • Revistar visitantes;
  • Garantir a segurança dos profissionais que prestam serviços nas unidades prisionais;
  • Garantir o cumprimento dos alvarás de soltura;
  • Manter os presos informados sobre seus direitos e deveres;
  • Verificar sobre a necessidade dos presos serem encaminhados a atendimentos especializados;
  • Entregar medicamentos aos presos, quando houver prescrição médica;
  • Prestar assistência em situações de emergência, como primeiros socorros, incêndios, rebeliões, fugas, entre outras;
  • Redigir comunicações internas.

Resumo do concurso Polícia Penal MG

  • Concurso: Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (concurso Polícia Penal MG);
  • Cargo: Agente de Segurança Penitenciário/Policial Penal;
  • Número de vagas: 2.420;
  • Remuneração: R$ 4.631,25;
  • Nível de escolaridade: ensino médio completo;
  • Situação atual: edital divulgado.

Leia também

você pode gostar também