Concurso MPO CNU abre 60 vagas; mensais de até R$ 7,6 mil

Concurso MPO CNU (Ministério do Planejamento e Orçamento) oferece oportunidades para cargos de nível superior em dois editais.

Saíram os dois editais (nº 06/2024 e 07/2024) do concurso MPO CNU (Ministério do Planejamento e Orçamento), que é integrante do Concurso Nacional Unificado 2024, compondo os 21 órgãos federais com demanda de vagas. As oportunidades são para servidores efetivos do órgão em diferentes especialidades.

continua depois da publicidade

A iniciativa está sendo cuidada pela equipe técnica do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) e da Fundação Cesgranrio, esta última diretamente responsável pela aplicação das avaliações.

Com validade inicial de 12 meses, prorrogáveis por mais 12 meses, o concurso público nacional unificado destina 60 vagas para o concurso MPO 2024, nos cargos de Economista e Analista Técnico-Administrativo.

Tais oportunidades fazem parte de dois dos oito blocos temáticos do CNU: Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação e Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração Pública.

continua depois da publicidade
Leia também

Sumário

  • O que é o Concurso Nacional Unificado?
  • O que são os blocos temáticos do CNU?
  • Concurso MPO CNU: vagas e remuneração
    - Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação
    - Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração Pública
  • Concurso MPO inscrição: como participar do Concurso Nacional Unificado
  • Concurso MPO edital: quais serão as etapas?
  • Concurso MPO 2024: o que estudar para o CNU?
  • Como acessar os editais do concurso MPO 2024
  • Outras vagas dos blocos temáticos

O que é o Concurso Nacional Unificado?

O Concurso Nacional Unificado (CNU), ou Concurso Público Nacional Unificado (CPNU), marco do início do terceiro mandato do presidente da república, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), é um grande concurso público único nacional, que reúne 21 órgãos públicos federais, autorizados, pelo Governo Federal, a preencher 6.640 vagas imediatas.

Entre essas, estão as 60 oportunidades do concurso MPO CNU, que são para profissionais de nível superior.

continua depois da publicidade

O CNU é considerado como o "ENEM dos Concursos", pelo fato de ter, com as devidas diferenças, a mesma dinâmica adotada no Exame Nacional do Ensino Médio. Em linhas gerais, a meta da iniciativa é, de fato, garantir "o acesso às vagas públicas a partir da dispersão geográfica na realização do concurso, além de seguir políticas de acessibilidade e inclusão".

Veja a primeira "Live Tira Dúvidas" do CNU, disponível no canal de YouTube do MGI:

YouTube video

O que são os blocos temáticos do CNU?

Os blocos temáticos do Concurso Nacional Unificado foram criados para organizar a distribuição das vagas ofertadas nos oito editais publicados. Cada um deles é voltado para um setor específico do governo. As vagas foram divididas entre esses blocos conforme a sua similaridade.

continua depois da publicidade

Assim, um mesmo órgão oferta oportunidades diferentes em variados editais. Eles possibilitam a ampliação da escola de determinadas vagas, levando em consideração o perfil profissional e/ou vocacional de cada pessoa candidata. Veja a lista:

  • Bloco 1 – Infraestrutura, Exatas e Engenharias (727 vagas);
  • Bloco 2 – Tecnologia, Dados e Informação (597 vagas);
  • Bloco 3 – Ambiental, Agrária e Biológicas (530 vagas);
  • Bloco 4 – Trabalho e Saúde do Servidor (971 vagas);
  • Bloco 5 – Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (1.016 vagas);
  • Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação (359 vagas);
  • Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração Pública (1.748 vagas);
  • Bloco 8 – Nível Intermediário (692 vagas).

Concurso MPO CNU: vagas e remuneração

Os editais informam valores de salários somados a gratificações e pontos, podendo ser elevados dependendo do cargo. Confira a distribuição das vagas pelos dois blocos temáticos do concurso MPO 2024, lembrando que todas são voltadas para profissionais de nível superior:

Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação

  • Economista (15 vagas) - remuneração de até R$ 7.685,35, com possibilidade de aumento após a primeira avaliação, jornada de 40 horas e lotação em Brasília.

Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração Pública

  • Analista Técnico Administrativo - qualquer área de nível superior (45 vagas) - remuneração de até R$ 6.255,90, com jornada de 40 horas e lotação em Brasília.

Concurso MPO inscrição: como participar do Concurso Nacional Unificado

As inscrições ao concurso MPO CNU será feita da mesma forma que para os demais órgãos participantes do Concurso Nacional Unificado. Basta acessar o site oficial do Concurso Público Nacional Unificado, no período de 10h do dia 19 de janeiro às 23h59 do dia 9 de fevereiro de 2024.

O acesso ao sistema será por meio da conta GOV.BR de qualquer nível (Bronze, Prata ou Ouro) e a taxa de participação é R$ 90,00. Existe possibilidade de se inscrever para mais de um cargo, desde que dentro do mesmo bloco temático. Nessa situação, a taxa será paga apenas uma vez.

Haverá isenção desse pagamento da taxa de inscrição do concurso MPO 2024, para os que se ajustarem aos seguintes critérios:

  • Possuir inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico);
  • Cursar ou ter cursado faculdade pelo Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) ou pelo Programa Universidade para Todos (ProUni);
  • Ter realizado transplante de medula óssea.
Concurso MPO CNU, Concurso MPO, Concurso Nacional Unificado

Veja tudo sobre o concurso MPO CNU. Foto: montagem / Pexels - CanvaPRO.

Concurso MPO edital: quais serão as etapas?

Na primeira etapa do concurso público do Ministério do Planejamento e Orçamento ocorrerão as provas objetivas e provas discursivas, ambas de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

A previsão oficial é de que essas provas escritas do concurso MPO CNU sejam aplicadas no dia 5 de maio de 2024. Para consultar as 220 cidades de realização dessas provas, acesse o site oficial do CNU ou os próprios editais.

As fases subsequentes, mas ainda dentro dessa previsão de primeira etapa, serão:

  • Perícia médica (avaliação biopsicossocial), para reserva de vagas aos candidatos com deficiência;
  • Procedimento de verificação da condição declarada, no caso dos optantes pelas cotas para pessoas negras; e
  • Procedimento de verificação documental complementar, para quem concorrer à reserva de vagas para indígenas.

Na segunda etapa ocorrerá a avaliação de títulos, com caráter classificatório, somente para Economista, também sob os cuidados da Fundação Cesgranrio.

Concurso MPO 2024: o que estudar para o CNU?

Na parte de Conhecimentos Gerais, as provas do concurso Ministério do Planejamento e Orçamento CNU irão cobrar questões sobre áreas de:

  • Políticas Públicas;
  • Desafios do Estado de Direito: Democracia e Cidadania;
  • Ética e Integridade;
  • Diversidade e Inclusão na Sociedade;
  • Administração Pública Federal; e
  • Finanças Públicas.

Já a parte de Conhecimentos Específicos será dedicada à exploração de conteúdos variáveis por bloco/eixo temático, os quais precisam ser precisamente analisados nos respectivos editais do concurso MPO CNU. Os documentos informam que essa parte será dividida entre cinco eixos temáticos, conforme cada bloco:

Bloco 6

  • Gestão Governamental e Governança Pública;
  • Políticas Públicas e Análise de Dados;
  • Economia, Economia Solidária e Contexto Internacional;
  • Orçamento Público, Contabilidade e Regulação;
  • Inglês.

Bloco 7

  • Gestão Governamental e Governança Pública – Estratégia, Pessoas, Projetos e Processos;
  • Gestão Governamental e Governança Pública – Riscos, Inovação, Participação, Logística e Patrimônio;
  • Políticas Públicas e Noções de Estatística;
  • Administração Financeira e Orçamentária, Contabilidade Pública e Compras na Administração Pública;
  • Comunicação, Gestão Documental, Transparência e Proteção de Dados.

Como acessar os editais do concurso MPO 2024

Os editais do concurso MPO CNU devem ser lidos com bastante atenção. Pensando nisso, o Governo Federal elaborou uma página super completa para que as pessoas não se confundam, em meio a tanta informação. Veja como acessar os documentos:

  • Entre no site oficial do Concurso Público Nacional Unificado; e
  • Clique na primeira seção "Editais", no botão "Acesse os editais de cada um dos oito blocos temáticos";
  • Selecione o bloco temático que você quer ler.

Ao clicar no link do edital do concurso MGI CNU que você deseja ler, o documento abrirá automaticamente na sua tela.

Aproveite para ler com muita calma todas as outras seções, que são:

  • Tire suas dúvidas (que podem também ser resolvidas pelo e-mail cnpu@cesgranrio.org.br ou pelo telefone 0800 701 2028);
  • Órgãos e Carreiras;
  • Locais de prova;
  • Cronograma;
  • Blocos temáticos;
  • Guia para Concursos Públicos;
  • Apresentação do CPNU; e
  • Normas do CPNU.

Outras vagas dos blocos temáticos

Os blocos temáticos 6 e 7 têm outras oportunidades além daquelas ofertadas pelo concurso MPO CNU. Confira quais são as vagas abertas em cada um deles:

Bloco 6

  • AGU: 35 vagas para Economista;
  • ANEEL: 30 vagas para Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia;
  • ANS: 35 vagas para Especialista em Regulação de Saúde Suplementar;
  • ANTAQ: 30 vagas para 30 vagas para Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários;
  • FUNAI: 24 vagas para Especialista em Indigenismo (Economista);
  • IBGE: 3 vagas para Analista de Planejamento e 29 vagas para Tecnologista;
  • INCRA: 5 vagas para Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário;
  • MCTI: 26 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia;
  • MGI: 27 vagas para Economista e 15 vagas para Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG);
  • MDIC: 50 vagas para Analista de Comércio Exterior e Economista.
  • PREVIC: 25 vagas para Especialista em Previdência Complementar.

Bloco 7

  • AGU: 154 vagas para Administrador, 90 vagas para Analista Técnico Administrativo, 2 vagas para Arquivista, 47 vagas para Contador e 9 vagas para Técnico em Comunicação Social;
  • IBGE: 188 vagas para Analista de Planejamento e 87 vagas para Tecnologista;
  • FUNAI: 55 vagas para Especialista em Indigenismo;
  • INCRA: 131 vagas para Analista Administrativo e 238 vagas para Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário;
  • INEP: 20 vagas para Pesquisador-Tecnologista;
  • MCTI: 149 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia;
  • MAPA: 18 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia;
  • MinC: 50 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia;
  • MGI: 182 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia, 18 vagas para Arquivista, 4 vagas para Bibliotecário, 5 vagas para Contador, 80 vagas para EPPGG e 10 vagas para Técnico em Comunicação Social;
  • MJSP: 100 vagas para Analista Técnico Administrativo;
  • MS: 9 vagas para Tecnologista;
  • MDIC: 50 vagas para Analista Técnico Administrativo;
  • PREVIC: 9 vagas para Analista Administrativo.

Compartilhe esse concurso

Você também pode
gostar
ÓrgãoVagas
RioSaúde 4
FUMSSAR 15
CAU RN 135
COREN RR 7
IDTECH 5
Veja todos » Concursos Abertos

Concursos em sua
cidade