Bolsa Família pode atingir valor de R$ 900 para ESTAS famílias

Benefício do governo vai pagar R$ 600 mais o adicional de R$ 150 para cada criança de até seis anos na composição familiar.

O Bolsa Família volta em 2023 como o principal programa de auxílio do governo federal em transferência de renda. Com a volta do presidente Lula (PT) ao poder, o programa substituirá o Auxílio Brasil, carro-chefe da gestão passada.

Promessa de campanha, o benefício será pago no valor de R$ 600, com um adicional de R$ 150 para cada criança de até seis anos de idade na composição familiar. Entretanto, esse valor anunciado só será repassado a partir de março.

A informação partiu do ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias (PT). Ele ainda disse que deverá ser feita uma atualização cadastral antes, para identificar irregularidades no cadastro de famílias que desejam receber o Bolsa Família.

Bolsa Família pode atingir valor de R$ 900 para algumas famílias

O Bolsa Família 2023 vai pagar R$ 600 por mês, além de R$ 150 adicionais para famílias com crianças de até seis anos em sua composição. Nesse sentido, o valor do benefício pode chegar a R$ 900 para algumas famílias.

O valor adicional de R$ 150 por cada criança de até seis anos de idade pode ter duas cotas acumuladas. Assim, caso a família tenha duas crianças nesta faixa etária, ela receberá R$ 300. Somando-se a isso o valor de R$ 600, o Bolsa Família pode atingir valor de R$ 900 para estas famílias em específico.

De acordo com o governo, primeiramente é preciso fazer uma reavaliação na situação de pessoas cadastradas no Bolsa Família. O valor adicional no Bolsa Família foi uma promessa de campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e foi preciso emenda constitucional permitindo a ampliação do teto de gastos, a fim de atender várias demandas.

Situação do adicional do Bolsa Família 2023

Durante a campanha presidencial, o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) definiu o valor de R$ 600 como auxílio do Bolsa Família. Na ocasião ficou definido também que famílias com crianças de 0 a 6 anos receberiam um adicional de R$ 150, que poderia ser acumulado duas vezes.

Assim, com o novo valor estipulado, algumas famílias podem receber até R$ 900 de Bolsa Família. Entretanto, o benefício extra só poderá ser repassado às famílias daqui a cerca de 90 dias. A previsão do governo leva em conta a reavaliação da situação cadastral de várias pessoas cadastradas no programa, antes do repasse dos recursos.

O Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome afirmou que a revisão no Cadastro Único (CadÚnico) deve levar cerca de 90 dias. Vale lembrar que a base de dados governamental é a porta de entrada para vários outros benefícios do governo.

A pasta ministerial também anunciou que vai realizar uma reformulação no Bolsa Família, sendo a atualização cadastral uma etapa muito importante para a manutenção de inúmeras famílias no programa. Hoje acredita-se que existam 10 milhões de famílias em situação irregular no programa.

Em 2022 foram mais de 21 milhões de pessoas recebendo o benefício, sendo que mais de 8 milhões foram incluídas durante o ano passado, quando o benefício se chamava Auxílio Brasil. O governo acredita que após a operação pente-fino, o número de pessoas para receber o benefício deve diminuir, uma vez que serão retiradas todas em situação irregular.

Leia também

você pode gostar também

Minha Casa Minha Vida já tem data para ser relançado; veja quando

A retomada do Minha Casa, Minha Vida acontecerá em breve, na Bahia, conforme informou o governador Jerônimo Rodrigues (PT); veja mais detalhes a seguir.

Saque FGTS: novo grupo começa a receber nesta semana

Calendário 2023 da Caixa segue em andamento para trabalhadores que optarem pela modalidade aniversário. Saiba quem tem direito.

Bolsa Família de janeiro tem último repasse; veja quem recebe R$ 600

Pagamento do benefício do Bolsa Família é finalizado para o mês de janeiro. Cerca de 21,9 milhões de famílias foram contempladas com o valor mínimo de R$ 600.

Lucro FGTS: veja quem tem direito aos valores em 2023

O Lucro FGTS consiste em um repasse anual realizado pelo fundo, através da Caixa Econômica Federal. Porém, nem todos tem direito aos valores em 2023.

BPC pode ser solicitado por representante legal; veja quando

Entenda o que é o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e quando ele pode ser solicitado por um representante legal do idoso ou pessoa com deficiência.

Tarifa Social de Energia: veja quem tem direito ao desconto na conta de luz

Medida foi criada para proporcionar descontos na conta de luz de pessoas que se declararam em situação de baixa renda.