Bolsa Família: quem mora sozinho pode receber o benefício em 2023?

Pagamentos do Bolsa Família 2023 para quem mora sozinho devem passar por uma análise do governo federal.

Com o fim do Auxílio Brasil e a volta do Bolsa Família em janeiro de 2023, o governo federal anunciou que realizará mudanças no programa e uma análise dos inscritos. Com isso, quem mora sozinho e recebe os pagamentos poderá ser afetado.

Vale lembrar que, no momento, o Bolsa Família exige que a pessoa esteja inscrita no CadÚnico e que viva em situação de pobreza, extrema pobreza ou de emancipação. O registro é automático, sendo feito pelo governo federal. Os pagamentos são de R$ 600 por mês e, nos próximos meses, deve haver a liberação da parcela extra de R$ 150 para cada criança de até seis anos de idade.

Bolsa Família: quem mora sozinho receberá em 2023?

Por enquanto, o Bolsa Família vem utilizando as mesmas regras do Auxílio Brasil. Portanto, quem mora sozinho está apto a receber os valores, sendo que não há previsão de mudança para essa norma no futuro.

Por outro lado, o ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias, já anunciou que irá fazer uma verificação sobre os registros do CadÚnico, consequentemente afetando o Bolsa Família. Existem diversas suspeitas de fraude, principalmente relacionadas às inscrições de quem mora sozinho.

Segundo o governo federal, além de fraudes relacionadas a renda, existem casos de pessoas que não moram sozinhas e se registram no CadÚnico afirmando que não vivem com mais ninguém. Assim, uma mesma família pode estar recebendo múltiplos pagamentos do programa.

Com a verificação, acredita-se que muitos pagamentos indevidos deixarão de ser feitos e beneficiários que não cumprem os requisitos devem ser excluídos do programa.

Bolsa família poderá exigir vacinação e assiduidade escolar

Na primeira vigência do Bolsa Família, antes de ter sido substituído pelo Auxílio Brasil, havia exigências de que as crianças e adolescentes estivessem matriculadas e frequentando instituições de ensino. Além disso, era requisitado que a vacinação estivesse em dia.

Com o retorno do Bolsa Família, esses requisitos ainda não são obrigatórios. Contudo, o governo federal, por meio do ministro Wellington Dias, já informou que pretende retomá-los em breve. Reuniões com representantes do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação devem ocorrer para colocar esses critérios em prática.

Calendário do Bolsa Família: janeiro

O governo federal já anunciou o calendário de pagamentos do Bolsa Família para o mês de janeiro de 2023. Os repasses são feitos conforme o dígito final do Número de Inscrição Social (NIS). Veja abaixo todas as datas:

  • NIS com final 1: pagamento dia 18 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 2: pagamento dia 19 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 3: pagamento dia 20 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 4: pagamento dia 23 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 5: pagamento dia 24 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 6: pagamento dia 25 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 7: pagamento dia 26 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 8: pagamento dia 27 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 9: pagamento dia 30 de janeiro de 2023;
  • NIS com final 0: pagamento dia 31 de janeiro de 2023.

Para consultar os depósitos do Bolsa Família, o beneficiário pode utilizar o aplicativo Caixa Tem (Android e iOS) e o app do Auxílio Brasil (Android e iOS), que, em breve, deverá ser substituído por uma ferramenta do Bolsa Família.

Ainda há a disponibilização de números de telefone para consulta. A pessoa pode ligar para o 111 da Caixa Econômica Federal ou para o 121 (antigo número do Ministério da Cidadania).

Leia também

você pode gostar também

Auxílio Gás terá sua primeira parcela de 2023 em fevereiro; confira o valor

O pagamento do Auxílio Gás, benefício destinado às famílias de baixa renda, ocorre a cada dois meses. A primeira parcela deste ano será paga em fevereiro.

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.

Calendário Bolsa Família de Janeiro: veja todas as datas

O valor médio do Bolsa Família atualmente é de R$ 614,21; veja quem vai receber o pagamento nesta quinta-feira.

Aposentadoria INSS: veja quem terá as parcelas ainda nesta semana

Além da aposentadoria, o INSS também paga auxílio-doença e pensão aos segurados; confira o calendário de janeiro a seguir.

Prova de Vida: INSS terá 10 meses para provar que segurado está vivo

Saiu uma portaria que regulamenta os novos procedimentos necessários para realizar a prova de vida do INSS dos segurados.

Extrato da aposentadoria do INSS já pode ser consultado via app

Benefício recebeu reajuste, consequência da alta do salário mínimo, que passou a vigorar no começo de 2023.